Cursos que transformam sua vida financeira
Mais
    InícioNotíciasEconomiaO que é IPI? Redução do imposto deixará carros mais baratos? Entenda!

    O que é IPI? Redução do imposto deixará carros mais baratos? Entenda!

    0
    (0)

    Desde o dia 1º de maio está valendo o decreto que o Governo Federal realizou sobre a redução do IPI dos carros. Essa é uma iniciativa que visa reduzir os valores de alguns produtos no país, incluindo os veículos.

    Publicidade

    De acordo com o decreto 11.055, a ampliação da redução na alíquota do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) passou de 25% para 35%. 

    Com essa decisão, a União vai deixar de arrecadar os seguintes valores até 2024, de acordo os com dados do Ministério da Economia:

    -> Em 2022: R$15,2 bilhões;

    -> Em 2023: R$27,3 bilhões;

    -> Em 2024: R$29,3 bilhões.

    Publicidade

    A Secretaria de Governo informou, em nota, que a desoneração é uma forma de garantir a continuidade dos estímulos à economia.  

    “A presente medida objetiva estimular a economia, afetada pela pandemia provocada pelo coronavírus, com a finalidade de assegurar os níveis de atividade econômica e o emprego dos trabalhadores”, escreveu a Secretaria de Governo. 

    Mas o que é esse IPI? Quais produtos possuem esse imposto no seu valor? Se você tem dúvidas sobre o assunto, continue lendo este artigo!

    O que é o imposto IPI?

    Bom, para começar o IPI significa Imposto sobre Produtos Industrializados. Esse imposto incide tanto nos itens nacionais quanto importados, mas vale frisar que para isso eles precisam ter passado por algum processo de industrialização. 

    Outro ponto importante é que esse é um tributo de competência federal. Mas o que isso significa? Que somente a União pode realizar a cobrança do imposto.

    Além disso, o IPI tem caráter extrafiscal que para quem não sabe tem como objetivo estimular ou desestimular determinados comportamentos sociais e econômicos do país. Um exemplo disso é aumentar ou diminuir o consumo de um produto.

    Publicidade
    casal fechando contrato com vendedor
    Com o IPI reduzido a tendência é que os valores dos veículos fiquem um pouco mais baratos

    Com a redução do IPI nos carros, o objetivo é justamente aumentar a venda de veículos novos no país. Já que no último ano, os brasileiros começaram a buscar mais pelos seminovos e usados.

    Redução do IPI será só em carros? Em quais mercadorias incide?

    Muita gente pensa que apenas oa automóveis são impactados pelo IPI, mas não é bem isso. O IPI incide sobre diversas mercadorias.

    + Como vai funcionar a isenção de IPI para taxistas e pessoas com deficiência?

    Para entender melhor, toda vez que uma mercadoria nacional sai de sua fábrica, o IPI é cobrado. Por isso, praticamente todos os produtos industrializados estão sujeitos a serem taxados, seja em qual modalidade se encaixar.

    + Governo Federal explica sobre redução do IPI dos carros. Veja!

    Publicidade

    Mas, é claro, existem aqueles produtos que acabam sendo considerados “imunes” e não correm risco de incidência em caso de produtos industrializados. São eles:

    • os livros, jornais, periódicos e o papel destinado à sua impressão;
    • os produtos industrializados destinados ao exterior;
    • o ouro, quando definido em lei como ativo financeiro ou instrumento cambial;
    • a energia elétrica, derivados de petróleo, combustíveis e minerais do País.

    Para quem o IPI é obrigatório?

    O decreto 7.212/2010 declara que o imposto do IPI será obrigatório para os seguintes:

    -> O importador, quando os produtos passam pela aduana brasileira;

    -> A indústria, quando as mercadorias saem do local onde foram produzidos;

    -> O estabelecimento equiparado a industrial (como importadores de produtos e filiais de indústrias), quando as mercadorias saem do local;

    -> Quem consumir ou mandar para empresas que não sejam jornalísticas ou editoras o papel destinado à impressão de livros, jornais e periódicos.

    Como funciona o cálculo do IPI?

    Se você quer saber ainda mais sobre este imposto que pode impactar o preço do seu futuro veículo, saiba como calcular o valor do IPI. Para isso, é necessário:

    1° passo: consultar a tabela para saber qual é a alíquota do produto ao qual deseja calcular o IPI.

    2° passo: verifique a base do cálculo. Ela costuma ser composta por:

    Valor do produto + seguro + frete + demais despesas de produção.

    3° passo: por último, multiplique o resultado da soma pelo valor da alíquota.

    É motorista e gostou do artigo? Continue a sua leitura e veja por quais motivos o IPVA ficou mais caro em 2022.

    Leia mais no FinanceOne:

    O que achou disso?

    Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

    Seja o primeiro a avaliar este post.

    Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

    Diga-nos, como podemos melhorar?

    Juliana Favorito
    Juliana Favorito
    Jornalista apaixonada em escutar e escrever histórias, mas que também tem uma queda pelo Marketing Digital. Com experiência em redação, social mídia e marketing ela gosta de sempre estar atualizada sobre a área da comunicação. E como uma boa carioca, não dispensa uma praia.

    Artigos Relacionados

    Assine nossa newsletter!

    Páginas Populares

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    InícioNotíciasEconomiaO que é IPI? Redução do imposto deixará carros mais baratos? Entenda!

    O que é IPI? Redução do imposto deixará carros mais baratos? Entenda!

    0
    (0)

    Desde o dia 1º de maio está valendo o decreto que o Governo Federal realizou sobre a redução do IPI dos carros. Essa é uma iniciativa que visa reduzir os valores de alguns produtos no país, incluindo os veículos.

    Publicidade

    De acordo com o decreto 11.055, a ampliação da redução na alíquota do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) passou de 25% para 35%. 

    Com essa decisão, a União vai deixar de arrecadar os seguintes valores até 2024, de acordo os com dados do Ministério da Economia:

    -> Em 2022: R$15,2 bilhões;

    -> Em 2023: R$27,3 bilhões;

    -> Em 2024: R$29,3 bilhões.

    Publicidade

    A Secretaria de Governo informou, em nota, que a desoneração é uma forma de garantir a continuidade dos estímulos à economia.  

    “A presente medida objetiva estimular a economia, afetada pela pandemia provocada pelo coronavírus, com a finalidade de assegurar os níveis de atividade econômica e o emprego dos trabalhadores”, escreveu a Secretaria de Governo. 

    Mas o que é esse IPI? Quais produtos possuem esse imposto no seu valor? Se você tem dúvidas sobre o assunto, continue lendo este artigo!

    O que é o imposto IPI?

    Bom, para começar o IPI significa Imposto sobre Produtos Industrializados. Esse imposto incide tanto nos itens nacionais quanto importados, mas vale frisar que para isso eles precisam ter passado por algum processo de industrialização. 

    Outro ponto importante é que esse é um tributo de competência federal. Mas o que isso significa? Que somente a União pode realizar a cobrança do imposto.

    Além disso, o IPI tem caráter extrafiscal que para quem não sabe tem como objetivo estimular ou desestimular determinados comportamentos sociais e econômicos do país. Um exemplo disso é aumentar ou diminuir o consumo de um produto.

    Publicidade
    casal fechando contrato com vendedor
    Com o IPI reduzido a tendência é que os valores dos veículos fiquem um pouco mais baratos

    Com a redução do IPI nos carros, o objetivo é justamente aumentar a venda de veículos novos no país. Já que no último ano, os brasileiros começaram a buscar mais pelos seminovos e usados.

    Redução do IPI será só em carros? Em quais mercadorias incide?

    Muita gente pensa que apenas oa automóveis são impactados pelo IPI, mas não é bem isso. O IPI incide sobre diversas mercadorias.

    + Como vai funcionar a isenção de IPI para taxistas e pessoas com deficiência?

    Para entender melhor, toda vez que uma mercadoria nacional sai de sua fábrica, o IPI é cobrado. Por isso, praticamente todos os produtos industrializados estão sujeitos a serem taxados, seja em qual modalidade se encaixar.

    + Governo Federal explica sobre redução do IPI dos carros. Veja!

    Publicidade

    Mas, é claro, existem aqueles produtos que acabam sendo considerados “imunes” e não correm risco de incidência em caso de produtos industrializados. São eles:

    • os livros, jornais, periódicos e o papel destinado à sua impressão;
    • os produtos industrializados destinados ao exterior;
    • o ouro, quando definido em lei como ativo financeiro ou instrumento cambial;
    • a energia elétrica, derivados de petróleo, combustíveis e minerais do País.

    Para quem o IPI é obrigatório?

    O decreto 7.212/2010 declara que o imposto do IPI será obrigatório para os seguintes:

    -> O importador, quando os produtos passam pela aduana brasileira;

    -> A indústria, quando as mercadorias saem do local onde foram produzidos;

    -> O estabelecimento equiparado a industrial (como importadores de produtos e filiais de indústrias), quando as mercadorias saem do local;

    -> Quem consumir ou mandar para empresas que não sejam jornalísticas ou editoras o papel destinado à impressão de livros, jornais e periódicos.

    Como funciona o cálculo do IPI?

    Se você quer saber ainda mais sobre este imposto que pode impactar o preço do seu futuro veículo, saiba como calcular o valor do IPI. Para isso, é necessário:

    1° passo: consultar a tabela para saber qual é a alíquota do produto ao qual deseja calcular o IPI.

    2° passo: verifique a base do cálculo. Ela costuma ser composta por:

    Valor do produto + seguro + frete + demais despesas de produção.

    3° passo: por último, multiplique o resultado da soma pelo valor da alíquota.

    É motorista e gostou do artigo? Continue a sua leitura e veja por quais motivos o IPVA ficou mais caro em 2022.

    Leia mais no FinanceOne:

    O que achou disso?

    Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

    Seja o primeiro a avaliar este post.

    Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

    Diga-nos, como podemos melhorar?