InícioNotíciasInvestimentosTesouro Direto: qual a melhor opção para você?

Tesouro Direto: qual a melhor opção para você?

5
(2)

O Tesouro Direto é um investimento que tem conquistado cada vez mais os brasileiros. Isso porque na plataforma desta aplicação é possível investir em diversas opções de títulos públicos, tudo de forma simples e rápida.

Além da facilidade e a falta de burocracia, duas vantagens que são levadas em consideração pelos investidores, também é preciso saber que existem três tipos diferentes de títulos públicos.

Mas como escolher qual a melhor opção de títulos do Tesouro Direto para você? Tenha em mente que a melhor forma é sempre conhecendo bem os tipos de investimentos que existem. 

Sendo assim, com os títulos públicos do Tesouro Direto não seria diferente. É preciso saber o que cada um tem a oferecer e qual é o que vai atender melhor às suas necessidades e objetivos.

Vale ressaltar ainda que as novas modalidades de aplicações do Tesouro Direto já estão inseridas nos três tipos que iremos abordar durante esse artigo.

Tesouro Direto: entenda o que é esse investimento

Antes de qualquer coisa é preciso entender o que é o Tesouro Direto, para somente depois começar a pensar em aplicar nos títulos públicos desse investimento.

Ele é um programa com o objetivo de facilitar o acesso dos brasileiros aos investimentos em títulos públicos do Governo Federal. E desde a criação, pelo Tesouro Nacional, em conjunto com a Bolsa de Valores, em 2002, já foram abertas milhares de carteiras de investimentos.

Antes disso, quem quisesse investir precisava procurar por alguma instituição financeira para que fosse possível aplicar o dinheiro em algum tipo de investimento.

Uma vantagem do Tesouro Direto é que com ele você pode começar a investir com um valor a partir de R$30. E esse pode ser considerado um dos motivos que tornou o investimento tão popular, o valor baixo para começar.

Conheça as opções de títulos públicos para investir

Agora que você já sabe o que é o Tesouro Direto, está na hora de conhecer as opções de títulos públicos que existem para você começar a investir. Confira abaixo as principais aplicações e suas características.

Tesouro Selic

Este é o título do Tesouro que acompanha a taxa Selic diária. Por conta disso, o investidor consegue acompanhar o crescimento do patrimônio diariamente. Uma das vantagens é que para começar a investir é preciso aplicar a partir de R$107.

Outro benefício é que você pode resgatar o dinheiro a qualquer hora, sem precisar esperar o dia certo para isso. Vale ressaltar que por esse motivo, essa aplicação é muito utilizada como reserva de emergência.

+ Confira os investimentos que se tornam mais rentáveis com a alta da SELIC

Tesouro IPCA+

Este, é conhecido por ser um título híbrido do Tesouro Direto Nele, a rentabilidade é composta por uma taxa prefixada acrescida da inflação.

Por isso, é considerado por muitos o investimento ideal para quem deseja proteger o dinheiro da inflação – principalmente a quem quer fazer o dinheiro render a longo prazo. 

gráficos coloridos em uma tela de computador
Para quem quer investir no Tesouro Direto, existem três opções

Outro ponto importante a ser citado é que o Tesouro IPCA+ é um investimento de renda fixa. Por isso, a aplicação paga juros anuais mais a variação da inflação oficial do Brasil. 

O investimento mínimo é de R$40, podendo ser resgatado sempre no vencimento. Ele é bastante usado em casos de aposentadoria e tem como garantia o tesouro nacional.

Um ponto importante também é sobre a rentabilidade. Soma-se o IPCA + a taxa préfixada.

Título Prefixado

Por último, e também importante, temos o título pré ou prefixado. Este é o que possui uma taxa de rentabilidade pré definida no momento da aplicação. 

Deste modo, o investidor já sabe, logo no momento do aporte, qual será a rentabilidade da aplicação no vencimento do título.

O seu investimento mínimo é de R$32, com resgate no vencimento. Ele costuma ser mais usado para garantir certa estabilidade.

A rentabilidade ocorre pela taxa prefixada e, também, tem garantia no tesouro nacional.

E aí, agora que você já conhece as três opções e modalidades do Tesouro Direto, já sabe qual melhor se encaixa no seu perfil? Comenta e conta pra gente a que você escolhe ou escolheria e compartilhe com alguém este artigo!

O que achou disso?

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 2

Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

Diga-nos, como podemos melhorar?

Assine nossa newsletter!

Páginas Populares

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui