Início Notícias Finanças Pessoais Qual a melhor forma de vender carro usado? Confira!

Qual a melhor forma de vender carro usado? Confira!

5
(1)

Após o período de fechamento motivado pelo novo coronavírus, vender carro usado tem sido um bom negócio. Depois de amargar queda nos primeiros meses da pandemia, agora, os números melhoram.

Relatório da Federação Nacional das Associações dos Revendedores de Veículos Automotores (Fenauto) mostra um aumento de 10,5% em setembro nas vendas de veículos usados no Brasil, com relação ao mês anterior.

Em relação a setembro de 2019, sem a pandemia, as vendas aumentaram 12,2%, mostrando que o setor já tem um desempenho melhor do que o do ano passado.

As maiores altas na comparação com agosto foram observadas nas seguintes regiões:

  • Nordeste – 15%;
  • Sul – 10,7%;
  • Sudeste – 9,9%;
  • Centro-Oeste – 9,5%;
  • Norte – 2,9%.

Contudo, apesar dos bons números, vender carro usado pode demorar. E mesmo para quem já passou por essa experiência, é sempre bom rever o passo a passo desse tipo de transação para você se organizar melhor evitando dores de cabeça.

Por isso, depois de ajudá-lo a comprar um carro usado, separamos algumas dicas mais importantes para você vender o seu carro usado sem medo e, de quebra, ganhar mais dinheiro no negócio.

Primeiros passos para vender carro usado

O primeiro passo para vender carro usado é dar aquela geral caprichada nele. Por exemplo, um bom polimento para casos em que a pintura tenha perdido bastante o brilho ou possua muitas manchas, marcas e arranhões superficiais.

Dependendo do valor do carro, vale a pena consertar esses itens mesmo que os gastos versus o acréscimo na venda fiquem no zero a zero ou com um pequeno prejuízo.

Se o assunto for mecânica, como rangidos e barulhos na suspensão, isso causará uma má impressão ao comprador.

Luzes acesas no painel indicando falha na injeção, lâmpadas queimadas ou qualquer outro problema simples pode ser considerado um grande problema ao interessado. Portanto, manter a manutenção do carro em dia é obrigação do vendedor.

Não esqueça de organizar os documentos do seu carro. Separe as notas fiscais e comprovantes que você guardou para substanciar sua reputação como um proprietário zeloso, o que definitivamente ajudará a conquistar o interessado em seu veículo.

5 dicas para vender o seu carro usado

Agora que você já sabe os cuidados que deve ter, confira cinco dicas para vender seu carro usado:

Vender um carro usado pode ser uma boa estratégia para conseguir dinheiro

1 – Definir o preço

A Tabela Fipe é utilizada como referência na hora de determinar uma média de valores para vender carro usado.

Contudo, lembre-se que para vender um carro usado para pessoa física é importante que o preço seja competitivo. Como você não precisará arcar com as garantias do veículo, o futuro comprador busca algumas vantagens por não comprar esse carro na loja.

Normalmente os veículos comprados em transações particulares custam cerca de 20% a menos que o seu valor de tabela.

2 – Venda para uma loja

A venda para uma garagem especializada traz comodidade na questão de segurança para o dono do veículo. A grande vantagem dessa negociação é a facilidade para concretizar a venda, afinal, o proprietário está lidando com especialistas.

Porém, quem deseja vender deve estar ciente de que conseguirá um preço menor pelo veículo, pois a loja deve arcar com algumas despesas. Além de ter uma margem de lucro na hora da revenda.

3 – Venda para pessoa física

A venda para uma pessoa física é mais vantajosa financeiramente para quem está anunciando o veículo, pois poderá cobrar um preço maior se comparado ao que conseguiria em uma garagem.

Em contrapartida, a venda em particular pode demorar mais para ser concretizada e exige mais atenção aos detalhes da negociação.

4 – Anúncio na internet

Dada a sua alta e rápida veiculação de informação, a internet é um excelente meio de comunicação para anunciar o seu veículo. Sua publicação pode atingir um bom alcance e levar a sua oferta até as pessoas interessadas.

Depois de escolher um site confiável para o anúncio, o próximo passo é descrever todas as características, detalhes e dados do veículo, destacando informações sobre o seu tempo de uso e tratamentos que tenham sido feitos desde a sua compra, por exemplo.

Além disso, invista em fotos para mostrar o bom estado do veículo. Outro fator favorável à venda é citar algumas particularidades como, se o veículo nunca passou por um acidente ou se possui economia de combustível.

5 – Acompanhe a transferência do carro

Negocio fechado? Com o dinheiro da venda na conta, não deixe que o comprador resolva a transferência sozinho. Procure acompanhá-lo até o cartório imediatamente.

Se futuras multas ou processos chegarem até você, não terá certeza se foi você mesmo ou o novo dono, que não registrou o carro no nome dele.

É comum também que as pessoas vendam o carro ainda com o financiamento em curso. Saiba como transferir o financiamento do veículo para outra pessoa.

O que achou disso?

Deixei sua classificação

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

Seja o primeiro a avaliar este post.

Rafael Massadar
Carioca, amante de esportes e de viagens. Escolhi o jornalismo porque ele vive pelo mundo e conta histórias de pessoas e realidades distintas. Tenho experiência em redação e assessoria de imprensa. Atualmente, trabalho numa agência de marketing digital.

2 COMENTÁRIOS

  1. Infelizmente em 2020 com a pandemia o mundo parou e
    mudou a vida financeira da população e muitos fechando
    os seus negócios ou migrando 100% para o mundo digital.
    Estou compartilhando esse artigo no meu facebook.
    Obrigado pela informação.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui