InícioNotíciasEconomiaVeja quem tem direito ao Auxílio Emergencial Mineiro. Pagamentos liberados!

Veja quem tem direito ao Auxílio Emergencial Mineiro. Pagamentos liberados!

3.9
(12)

Na semana passada começou a ser pago o Auxílio Emergencial Mineiro, o novo programa de transferência de renda que vai auxiliar famílias mineiras de baixa renda. Mas, afinal, quem tem direito?

Muitos cidadãos estão com dúvidas sobre como acessar o benefício, já que não é necessário realizar uma inscrição. Quer saber como consultar se tem direito e como receber?

Então continue lendo este artigo!

Como funciona o Auxílio Emergencial Mineiro?

O Auxílio Emergencial Mineiro é um benefício financeiro temporário no valor de R$600. Mas ao contrário de outros auxílios emergenciais, esse será pago em uma parcela única.

O benefício é destinado às famílias que se encontram em situação de extrema pobreza. Trata-se de uma medida excepcional de enfrentamento às consequências econômicas e sociais da pandemia de Covid-19.

Segundo informações do governo estadual, serão investidos R$650 milhões no custeio do auxílio. Com isso, mais de um milhão de famílias mineiras serão beneficiadas.

Os recursos vêm do Programa Recomeça Minas, criado pela Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG).

Como saber se tenho direito ao Auxílio Emergencial Mineiro?

O Auxílio Emergencial Mineiro é destinado às famílias mineiras em situação de extrema pobreza. Ou seja, aquelas que:

  • residem no estado de Minas Gerais
  • possuem renda mensal por pessoa de até R$89 e
  • estão inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico)

Além disso, é necessário que a inscrição do responsável familiar no CadÚnico tenha sido realizada até 22 de maio de 2021. Se a família foi inscrita depois dessa data, não tem direito ao auxílio..

Mas como saber se você e sua família atendem a todos os critérios? Existe um jeito mais fácil de consultar, basta seguir o passo a passo:

  1. acesse o site oficial do programa (www.auxilioemergencialmineiro.mg.gov.br/)
  2. no topo da página, nos campo indicados, informe o CPF ou o seu NIS (Número de Inscrição Social)
  3. no campo abaixo, informe o resultado da soma apresentada (isso serve apenas para comprovar que você não é um robô)
  4. depois basta clicar no botão “Verificar” e a tela seguinte vai informar se você tem direito ou não

Se você não quiser realizar a consulta pelo seu CPF, pode informar o NIS. Esse número pode ser consultado no Cartão Cidadão, no Cartão do Programa Bolsa Família ou pelo site: meucadunico.cidadania.gov.br.

Como receber o benefício?

O Auxílio Emergencial Mineiro será pago automaticamente para as famílias que se enquadram nos requisitos e estão com o cadastro no CadÚnico em dia. Não é necessário fazer nenhuma inscrição.

O pagamento será concedido com base nas informações constantes no CadÚnico do dia 22 de maio de 2021. Portanto, quem só passou a figurar nos critérios de extrema pobreza depois disso não será contemplado.

O valor do auxílio será pago pela Caixa Econômica Federal de duas formas:

1. Para quem já possui conta poupança social digital na Caixa

Se o beneficiário já possui Poupança Social Digital na Caixa, é nela que será depositado o benefício.

O depósito será realizado na data prevista, conforme o mês de aniversário do responsável familiar (o calendário está mais abaixo neste artigo).

É possível sacar ou utilizar o benefício da mesma maneira que você costuma movimentar as outras quantias desta conta.

2. Para quem NÃO possui conta poupança social digital na Caixa

Se o responsável familiar não possui a conta social digital, a Caixa abrirá uma conta automaticamente para o beneficiário e depositará o benefício nela.

Para saber se a sua conta já foi aberta, acesse o site do Auxílio Emergencial Mineiro e verifique, informando os seus dados (CPF ou NIS).

Se ela já estiver aberta, você deve baixar o app “Caixa Tem” em seu celular, digitar o número de seu CPF e seguir os passos na tela do aplicativo para criar uma senha.

O valor de sua parcela só estará disponível na data prevista no calendário de pagamento (detalhado abaixo), que varia de acordo com o mês de nascimento do responsável familiar.

celular aberto no aplicativo do caixa tem para poupança social digital
Auxílio Emergencial Mineiro será pago pela Poupança Social Digital da Caixa

Como sacar o auxílio emergencial mineiro?

A conta poupança social digital da Caixa pode ser movimentada pelo aplicativo de smartphone “Caixa Tem”. Ele está disponível tanto para celulares Android quanto iOS.

Em caso de dúvidas, pode conferir tutoriais pelo site da Caixa.

Mas caso você não possua celular, para sacar o benefício precisará comparecer a uma agência da Caixa Econômica Federal ou Casa Lotérica com um documento de identificação com foto.

Lá, você deve procurar um atendente e informar que deseja receber o “token” para sacar o auxílio. Esse token é um código numérico.

Com esse código em mãos, é possível sacar o auxílio na própria agência da Caixa, em um caixa eletrônico ou na Casa Lotérica.

Vale destacar que cada família cadastrada no CadÚnico possui um Responsável Familiar (RF), que é a pessoa que respondeu à entrevista do CadÚnico. O RF possui 16 anos ou mais e é, preferencialmente, uma mulher.

O benefício será depositado na conta deste Responsável Familiar. Não será possível realizar o pagamento do benefício para famílias que não possuam RF.

Calendário de pagamento do Auxílio Emergencial Mineiro

Todas as famílias elegíveis ao auxílio emergencial mineiro receberão parcela única de R$600, independente do total de pessoas da família.

No entanto, essas famílias são divididas em dois grupos: prioritárias e não prioritárias.

As do grupo prioritário começaram a receber as parcelas no dia 14 de outubro, conforme o calendário abaixo. As não prioritárias começam a receber o valor a partir de 22 de outubro.

Calendário para famílias prioritárias

As famílias prioritárias do auxílio emergencial mineiro são aquelas que, além de se enquadrarem nos requisitos já mencionados, também:

  • não recebem benefício do Programa Bolsa Família; e/ou
  • são constituídas por mães solteiras e seus filhos.

Se a sua família se encaixa neste perfil, receberá o benefício antes das demais, conforme o calendário de pagamento do auxílio abaixo.

MÊS DE ANIVERSÁRIO DO RFDATA DO DEPÓSITO
Janeiro e fevereiro14/10/2021
Março e abril15/10/2021
maio e junho18/10/2021
julho e agosto19/10/2021
Setembro e outubro20/10/2021
Novembro e dezembro21/10/2021

Calendário para famílias não prioritárias

Se a sua família atende aos critérios do auxílio emergencial mineiro, mas não está no perfil de prioridade, o calendário de pagamento é o informado na tabela abaixo.

MÊS DE ANIVERSÁRIO DO RFDATA DO DEPÓSITO
Janeiro e fevereiro22/10/2021
Março e abril25/10/2021
maio e junho26/10/2021
julho e agosto27/10/2021
Setembro e outubro28/10/2021
Novembro e dezembro29/10/2021

O conteúdo foi útil? Então compartilhe com outros amigos que podem ter direito ao benefício!

O que achou disso?

Média da classificação 3.9 / 5. Número de votos: 12

Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

Diga-nos, como podemos melhorar?

Assine nossa newsletter!

Páginas Populares

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui