InícioNotíciasEconomiaCalendário auxílio emergencial: veja datas até final do ano

Calendário auxílio emergencial: veja datas até final do ano

1
(1)

Se você está esperando o pagamento de alguma parcela, fique atento e veja o calendário auxílio emergencial da Caixa.

Começou no último domingo, 22 de novembro, o 5º ciclo de pagamentos do benefício, o qual pode ser de R$600 ou R$300, dependendo do número de parcelas que você já recebeu.

O depósito do último domingo, por exemplo, foi para os aniversariantes de janeiro e que não estão inscritos no Bolsa Família.

No final de outubro, a Caixa já havia iniciado o pagamento do Ciclo 4 da 7ª parcela do auxílio emergencial para os brasileiros aprovados em abril deste ano.

A seguir, entenda como funcionam os diferentes pagamentos e confira o cronograma completo até o final do ano.

+ Auxílio emergencial será prorrogado se houver uma 2ª onda de Covid, diz Guedes

Ciclo 5: Depósito do auxílio para os nascidos em janeiro

A Caixa chama de ciclo cada calendário em que todos os beneficiários (exceto os do Bolsa Família) recebem pelo menos uma parcela, independente de qual seja.

Portanto, a cada ciclo há dois cronogramas, ambos levando em conta a data de nascimento do beneficiário.

O dinheiro depositado no domingo, por enquanto, fica disponível apenas para transações digitais no aplicativo Caixa Tem. Saques e transferências serão liberados em 19 de dezembro.

Quem recebeu a primeira parcela do auxílio em abril deve chegar agora à oitava parcela (a terceira do auxílio residual), e quem recebeu a primeira em maio alcançará a sétima parcela (segunda da extensão).

Isso significa que o valor será de R$300 (ou R$ 600 para mulheres chefe de família).

+ Prorrogação do auxílio emergencial: veja repercussão nas redes sociais

Pessoas que começaram a receber a partir de julho ainda receberão uma das cinco primeiras parcelas. Portanto, o valor continua sendo R$600 (ou R$ 1.200 para mulheres chefe de família).

Veja as datas do ciclo 5

Mês de aniversárioDepósitoSaque
Janeiro22 de novembro19 de dezembro
Fevereiro23 de novembro19 de dezembro
Março25 de novembro4 de janeiro
Abril27 de novembro6 de janeiro
Maio29 de novembro11 de janeiro
Junho30 de novembro13 de janeiro
Julho2 de dezembro15 de janeiro
Agosto4 de dezembro18 de janeiro
Setembro6 de dezembro20 de janeiro
Outubro9 de dezembro22 de janeiro
Novembro11 de dezembro25 de janeiro
Dezembro12 de dezembro27 de janeiro
Calendário do auxílio emergencial. Fonte: Diário Oficial da União

Saques dos ciclos 3 e 4 continuam

Embora a Caixa Econômica tenha iniciado o ciclo 5 do calendário auxílio emergencial, ainda estão sendo liberados saques e transferências dos ciclos 3 e 4.

O beneficiário pode sacar ou transferir ao mesmo tempo as parcelas dos ciclos 3 e 4, que já foram depositadas na poupança digital.

Os saques ou transferências dos ciclos 3 e 4 poderão ser realizados até o dia 5 de dezembro, de acordo com a data de aniversário do beneficiário.

calendário auxílio emergencial

Próximos ciclos de pagamentos do auxílio emergencial

No total, são seis ciclos de pagamentos. A cada um deles, todos os beneficiários recebem uma nova parcela (seja de R$600 ou de R$300), conforme o mês de aniversário.

Vale lembrar, no entanto, que os ciclos não valem para quem está inscrito no Bolsa Família. Esse público recebe dentro do calendário próprio do programa.

Mês de aniversárioDepósitoSaque
Janeiro13 de dezembro19 de dezembro
Feveiro13 de dezembro19 de dezembro
Março14 de dezembro4 de janeiro
Abril16 de dezembro6 de janeiro
Maio17 de dezembro11 de janeiro
Junho18 de dezembro13 de janeiro
Julho20 de dezembro15 de janeiro
Agosto20 de dezembro18 de janeiro
Setembro21 de dezembro20 de janeiro
Outubro23 de dezembro22 de janeiro
Novembro28 de dezembro25 de janeiro
Dezembro29 de dezembro27 de janeiro
Ciclo 6 de pagamentos do auxílio emergencial. Fonte: Diário Oficial da União

Saiba o número de parcelas que terá direito

A quantidade de parcelas total a que a pessoa terá direito depende do mês em que ela começou a receber o auxílio. O máximo são nove parcelas, sendo as cinco primeiras de R$600 e as quatro últimas de R$300.

Veja o número de parcelas de acordo com a data de recebimento:

  • Quem recebeu a 1ª em abril: 9 parcelas;
  • Quem recebeu a 1ª em maio: 8 parcelas;
  • Quem recebeu a 1ª em junho: 7 parcelas;
  • Quem recebeu a 1ª em julho: 6 parcelas.

Todas as pessoas que começaram a receber o auxílio emergencial de agosto em diante terão direito apenas às cinco primeiras parcelas de R$600. Ou seja, não receberão parcelas do auxílio extensão de R$300.

No ciclo 6, o último previsto, pode haver o pagamento de até três parcelas de uma vez para completar os cinco depósitos.

Mulheres chefes de família têm direito a duas cotas. Portanto, as cinco primeiras parcelas são de R$ 1.200, enquanto as quatro últimas são de R$600.

Saques do auxílio emergencial para os beneficiários do Bolsa Família

Até 30 de novembro, a terceira parcela do auxílio residual de R$300 será liberada para todos do Bolsa Família que tem direito, começando pelo NIS 1 e terminando pelo NIS 0.

+ Renda Brasil x Bolsa Família: qual a diferença?

No entanto, não é possível acumular integramente pagamentos do auxílio e do Bolsa Família. Por isso, se o valor do Bolsa Família é inferior a R$300, a pessoa vai receber parcelas de R$300. Se for superior a R$ 300, vai receber o valor do Bolsa Família.

Os beneficiários podem sacar o dinheiro por meio do cartão do Programa Bolsa Família, Cartão Cidadão ou por crédito em conta da Caixa.

O que achou disso?

Média da classificação 1 / 5. Número de votos: 1

Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

Diga-nos, como podemos melhorar?

Assine nossa newsletter!

Páginas Populares

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui