Conversor de moedas

Veja a cotação do Dólar Hoje, Euro hoje e Bitcoin hoje.

Como funciona o Seguro de Vida?

Escrito por: Redação em 29 de novembro de 2017

Nos momentos de dificuldade um seguro de vida pode te ajudar e muito. Muitas pessoas já ouviram falar, mas não sabem como funciona. Se for uma delas, esse post é para você.

Tudo o que você precisa saber sobre Seguro de Vida
Tudo o que você precisa saber sobre Seguro de Vida

O que chamamos de seguro de vida se trata de um contrato formalizado por uma seguradora que garante suporte e cobertura financeira a pessoas próximas de você ou a seus familiares que o dependem em alguma situação de fatalidade. O serviço também é disponível para utilização em casos de invalidez que te obrigam a se aposentar ou em casos de doenças extremamente graves.

É preciso ter atenção redobrada na hora de firmar um contrato de seguro de vida, pois os valores e taxas a serem cobrados podem variar muito dependendo da cobertura escolhida. Para isso é necessário botar na balança quais são as suas necessidades e o quanto pode pagar para não haver um endividamento desnecessário.

Como se calcula o seguro de vida?

O que mais é levado em conta, na hora de calcular o seu seguro de vida, é a idade. Dependendo da seguradora, pode haver restrição para pessoas com idade superior a 65 anos ou até para pessoas com idade superior a 60 anos, que irá ter reflexo na primeira apólice. Em casos de renovação de contrato, é muito possível que tenha algum diálogo com a seguradora para avançar a idade.

Quem eu posso incluir para ser um beneficiário? 

A escolha para quer será beneficiária é livre. Se quiser fazer substituição para outras pessoas, também existe a possibilidade de fazer isso livremente.

O que ocorre se por acaso não houver indicação?

Em casos de ausência de beneficiário, parte do capital, metade do todo, será destinado ao cônjuge que não esteja divorciado judicialmente e o restante da renda aos herdeiros, possivelmente os filhos, do seguro. Assim obedecendo a ordem de vocação hereditária. Há exceções. É o caso de seguro de vida que é contratado como garantida de alguma dívida. Um financiamento imobiliário ou então um empréstimo pessoal são bons exemplos desse caso.

Qual a diferença entre o seguro de vida e o seguro de acidentes pessoais?

Muitas pessoas ainda confundem os dois, então vamos mostrar a diferença. O seguro de vida cobre o pagamento em casos de uma fatalidade natural ou acidental. Porém, em caso de cobertura de acidentes pessoais, há cobertura somente em casos de morte por acidente. A diferença de definição é acompanhada pela diferença de valores. Como o seguro de vida possui uma cobertura muito mais ampla em diferentes casos, ela possui um valor muito mais alto. Há outras diferenças na cobrança, como o cálculo do prêmio, por exemplo. O preço a se pagar ao consumidor para ter direito ao seguro, possui diferença em relação a idade. Enquanto o seguro de acidentes pessoais não distingue jovem de idoso, no segura de vida já existe

Sempre que fizer um contrato financeiro devo adquirir um seguro de vida?

Em muitos casos, os bancos podem impor essa obrigação, mas isso deve ser assim. Um não é dependente do outro. Você pode seguramente contratar um dos serviços e não o outro.

Fique ligado nas dicas e informações que passamos aqui no FinanceOne. Com um pouco de finanças pessoais é possível economizar muito.

Redação

Criado em 2003, o FinanceOne é um site especializado em finanças. Desde a influência do mercado financeiro no seu dia a dia até a simples economia dentro de casa.

Deixe uma resposta

Precisa converter?

A calculadora de conversão do FinanceOne fornece os últimos valores cotados para diversas moedas. Acesse agora!

Converter agora

Posts relacionados

Black Friday chegando: como não cair em ciladas
financiamento estudantil
Nubank lança cartão de débito - Cartão de débito Nubank
dívidas
organizar-as-finanças-depois-das-férias