Compra por impulso: descubra como evitar o consumismo | FinanceOne

Gráficos e cotações de Hoje

Dólar R$ 3,785
Euro R$ 4,411
Bitcoin R$ 24.200,00
Bovespa 74.538,54
CDI 6,39% a.a
Poupança (mês) 0,5000%
Libra R$ 5,020
Conversor de Moeda
Veja a Cotação do
Dólar Hoje, Euro hoje e Bitcoin hoje.


Compra por impulso: descubra como evitar o consumismo

Compra por impulso é um fator que certamente afeta as finanças de muita gente. Mas, do ponto de vista psicológico, ajuda inclusive a melhorar o humor. Porém, para manter uma saúde financeira, é preciso ultrapassar as barreiras e bloquear a compra por impulso. O questionamento é: como não comprar?

Segundo um estudo publicado na revista científica Psychology & Marketing em 2011, a “terapia de compras”, traduzindo, é usada como uma forma de tentar alegrar a si mesmo ao comprar agrados. Entretanto, a falta de humor que leva as pessoas a procurarem fazer uma compra, também está diretamente ligada à impulsividade e à falta de controle do comportamento.

Esse mesmo fato foi comprovado em um estudo nacional e mais recente, realizado em 2016 pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL). Esta pesquisa revelou que 36,3% dos entrevistados – mais de um terço! -, faz compras para aliviar o estresse do dia a dia. Um número bastante expressivo. Mas, espere por esse próximo dado.

Quase metade dos consumidores entrevistados – 47,7% – admitiu fazer compras para se sentir bem. A pesquisa do SPC ainda apontou que desses, mais de um terço – 43,7% – são mulheres e 40,2% são consumidores que pertencem às classes A e B.

É certo que um comprador impulsivo é aquele que toma uma decisão, não planejada, de adquirir um produto ou serviço logo antes de efetuar essa aquisição. Essa decisão é repleta de decisões e sentimentos que afetam o psicológico e causam essa compra não planejada.

Só que uma das regras de evitar dívidas, ou de sair delas, é justamente pensar bem se você realmente precisa daquele produto ou serviço. Portanto, como fugir da compra por impulso no shopping, supermercado…? Até porque você não quer ser um dos 62 milhões de brasileiros endividados, certo?

Como fugir da compra por impulso
Para fugir da compra por impulso, ter controle emocional ajudará você a evitar o consumismo

Como evitar compra por impulso

Para evitar a compra por impulso o primeiro passo é avaliar se você realmente precisa daquele produto ou serviço. Além disso, pagamentos à vista e tentar não usar o cartão de crédito vão ajudar a evitar compras desnecessárias. Calma, explicamos o porquê disso.

Avaliar a necessidade do produto ou serviço é extremamente importante. Será que você continuará precisando em um curto espaço de tempo? Na verdade, será que você realmente precisa agora? Principalmente se você já está com o bolso apertado, perguntar-se isso pode ajudar a não ficar endividado por algo que nem era assim importante.

Sobre os pagamentos à vista. Isso vai ser ótimo, pois você terá que dispor de todo o valor naquele momento. É provável que tenha economizado para adquirir tal produto, portante realmente precisa do produto ou serviço. Além disso, com o pagamento de uma única vez é possível negociar descontos e você não fica com pendências financeiras por causa dessa compra.

Evitar o uso do cartão de crédito. Você alguma vez já caiu no rotativo do cartão de crédito? Se ainda não, queremos alertar sobre esse risco. Não pagar o valor total da fatura do cartão implica em cair no crédito rotativo, com juros muito altos. Para ter uma ideia, podem chegar a quase 800% ao ano!

Um perigo para as compras por impulso – e para seu bolso – são os cartões de loja. Nesse caso, os juros podem chegar a incríveis 875% a.a. Por isso também que você deve saber o limite do cartão de crédito ideal. Além de ter controle e evitar o consumismo.

Como controlar o impulso de comprar

Acabar com a compulsão por compras vai te ajudar, principalmente, a não ter uma dívida no banco. Ou com seu cartão de crédito, por exemplo. Ter cuidado com as emoções também é importante para você controlar o impulso de comprar. A pesquisa da Psychology & Marketing apontou em seus resultados, que dos entrevistados, 158 indivíduos fizeram alguma compra na ida ao shopping.

Destes, 56% compraram algo como um agrado. Além disso, aqueles que engajaram nessa “terapia de compras” estavam com um humor pior. Ou seja, prevaleceram as “compras terapêuticas”. O estudo também concluiu que aqueles em um humor ruim eram mais propensos a comprar algo para agradar a si mesmos e engajar na “terapia das compras”.

O que o estudo do SPC e a CNLD também confirma. Esse levantamento aponta que três em cada dez (29,5%) consumidores concordam que fazer compras melhora o humor. Além disso, 24,5% confessaram realizar compras quando se sentem deprimidos.

Não existe uma fórmula mágica para você saber como não comprar. O que podemos dizer, com base na fala de especialistas e após a conclusão dos dois estudos, é que uma forma de como evitar o consumismo é não escolher fazer compras quando estiver em um humor ruim. Não que você não deva mais ir a shoppings. Apenas evitar ir naqueles dias em que bateu o desânimo, pois será mais perigoso para o seu bolso do que você pode imaginar.

Conclusão

Saber administrar seu dinheiro com inteligência vai evitar muitos problemas com falta de orçamento. Se você precisa sair das dívidas urgente, listamos algumas técnicas que podem te ajudar nessa situação.

Lembre-se também que além de evitar compras desnecessárias, ter um planejamento financeiro é o primeiro passo para você alcançar seus objetivos e metas.







Mais lidos

11 eventos de empreendedorismo em 2018 para você ficar ligado
Empreender é a sua meta para 2018, mas você não sabe por onde começar? E o que todo empreendedor...
Fuja desses 5 erros ao administrar suas finanças pessoais
Você sabe como administrar suas finanças pessoais? A sua resposta pode até ser sim, se você est...
Franquia home office: como lucrar trabalhando em casa
Abrir uma franquia home office é mais fácil e barato do que você imagina. E a notícia boa é: o ...
Cuidados ao contratar um seguro de celular
Ter um seguro é essencial para garantir a segurança e a comodidade caso algo dê errado ou não sa...
Investir em Portugal vale a pena? Descubra!
Vale investir em Portugal. Não é só a facilidade da língua que pode atrair investidores brasilei...
Conheça os 31 planos de saúde suspensos pela ANS
Muitas pessoas têm planos de saúde para evitar que em momentos de necessidade tenham que recorrer ...





Notice: Undefined variable: hidden in /var/www/finance-one/wp-content/themes/financeone_estrategia/single.php on line 46

Publicidade