Planejamento financeiro: 5 dicas para fazer o seu | FinanceOne
FinanceOne

Onde suas finanças começam!

Veja a cotação do Dólar Hoje, Euro hoje e Bitcoin hoje.

Planejamento financeiro: 5 dicas para fazer o seu

Planejar está no topo da lista de recomendações dos especialistas para quem quer ter sucesso na vida. O planejamento financeiro deve ser o primeiro passo se você quer aumentar suas chances de alcançar seus objetivos e metas.

Comprar um carro ou um apartamento, fazer a viagem dos sonhos, ter independência financeira ou a tão sonhada estabilidade na vida. Os objetivos podem ser muitos, e os mais variados. Para todos eles, há um caminho certo: o planejamento financeiro.

Mas no mundo corrido de hoje, fica difícil parar para planejar. Essa tarefa vai ficando sempre para amanhã, para a semana que vem ou mês que vem. E você não consegue concluir suas metas somente por falta de planejamento, certo?

Nesse artigo, vamos dar cinco dicas importantes para você fazer um bom planejamento financeiro. Confira!

planejamento financeiro dicas

O que é planejamento financeiro

Antes de conhecer a definição teórica de planejamento financeiro, tenha em mente que essa é uma ferramenta poderosa. É ela que pode proporcionar a realização de sonhos, independentemente da sua realidade.

Se dizem que nada é impossível, com o planejamento financeiro as conquistas ganham mais chances. Entenda a definição dessa ferramenta:

Planejamento financeiro é a organização das finanças (pessoais, familiar, da empresa) para conseguir alcançar objetivos a curto, médio e longo prazo, com uma certa proteção para eventuais imprevistos financeiros.

Resumidamente, podemos dizer que o planejamento financeiro consiste nas seguintes etapas:

  • Diagnóstico da situação atual;
  • Definição das metas e objetivos;
  • Definição da estratégia;
  • Disciplina no cumprimento do planejamento a longo prazo.

Pronto para as dicas?

Dica #1: Controle suas finanças todo dia

Acompanhe, se possível diariamente, seus gastos e receitas. Anote nos mínimos detalhes tudo que você gasta ou ganha. Há três boas formas de fazer isso:

– Planilhas: O Excel pode ser um ótimo aliado no controla das suas finanças. Crie uma planilha separando receitas e despesas, discriminando cada fonte e cada gasto. Mas é importante que você preencha a cada novo dado, sem deixar desatualizado.

Aplicativos: Hoje há uma infinidade de aplicativos de celular que auxiliam no controle financeiro. A vantagem é que você pode acessar com mais facilidade, preenchendo e controlando praticamente em tempo real. O GuiaBolso é um desses aplicativos.

– No papel: O bom e velho caderninho não é muito prático e moderno, mas ainda ajuda muita gente. Se esse for o seu caso, reserve uns minutinhos do dia para preencher gastos e receitas e deixar tudo anotado.

Seja lá qual for a forma de controle adotada, ela vai possibilitar uma visão geral e mais detalhada do que você está fazendo com seu dinheiro. A partir disso, você vai poder analisar melhor onde está gastando e o que pode otimizar. É uma boa forma de identificar desperdícios também.

Dica #2: Atenção na hora das compras

Máquina de cartão de créditoConsumir é uma ação inevitável para nós que vivemos em um mundo capitalista. Compramos o tempo todo produtos e serviços, seja por necessidade, desejo, vaidade e etc. Para fazer e seguir com seu planejamento financeiro, há alguns cuidados que você precisa tomar ao fazer compras.

São eles:

Comprar somente o que precisa: Esse é um exercício diário, ainda mais para pessoas consumistas. Crie o hábito de avaliar a real necessidade de compra e analise o quanto aquele dinheiro não gasto pode ajudar na sua saúde financeira.

Comparar os preços antes de comprar: A compra por impulso pode render a sensação chata de arrependimento. E, pior, esse dinheiro desperdiçado poderia se juntar às suas economias ou ser gasto de maneira mais proveitosa. Pesquise e compare sempre.

Usar o cartão de crédito somente quando valer a pena: Parcelar sem juros, acumular milhas ou fazer parte de um clube de descontos são benefícios interessantes do cartão de crédito. Mas fique atento às taxas de conveniência, anuidades altas ou juros excessivos.

Tentar conseguir um desconto à vista: Pagar à vista pode ser vantajoso para garantir um preço mais em conta. Além disso, você se livra de prestações e não compromete a renda no futuro.

Dica #3: Crie metas sendo realista

O objetivo é o que move todo o sacrifício de manter o planejamento financeiro. Ele é a chama que alimenta a disciplina. E é no objetivo a ser alcançado que você deve pensar quando bate a vontade de desistir.

Mas é preciso ter claro o conceito de objetivo, que é diferente de meta. No planejamento financeiro, ambos existem, e os dois são bem importantes.

O objetivo é a definição daquilo que você quer alcançar. A meta é a descrição em termos quantitativos e com um prazo determinado. Por exemplo, se seu objetivo é juntar dinheiro, sua meta pode ser juntar R$50 mil em um ano.

Muito cuidado na hora de estabelecer objetivo e meta. Seja sempre realista e tenha o pé no chão. Talvez seja bom ter até uma certa dose de pessimismo, que garanta a estabilidade mesmo diante de imprevistos.

Não conte com rendas futuras que não são confirmadas. Trabalhe com suas possibilidades reais e trace metas e objetivos possíveis de serem alcançados.

Dica #4: Informe-se sobre finanças e investimentos

A educação financeira deve começar desde cedo. Se você está aqui no FinanceOne, meio caminho andado. Mostra que você está em busca de informação, e esse é um ótimo caminho.

Hoje em dia é vasta a oferta de informação gratuita e de qualidade em todos os assuntos. Busque informações, sempre em fontes confiáveis, sobre finanças e investimentos. Aos poucos você vai tomando gosto por esse tipo de conhecimento, justamente por conseguir aplicar ao seu dia a dia e ver resultados.

Separamos alguns artigos sobre investimentos que podem lhe interessar:

Como investir pela primeira vez
Como investir na Bolsa de Valores
Como investir em Bitcoin
Como investir em Fundos de Investimento
Investimentos melhores que a Poupança
Melhores investimentos em 2018

Dica #5: Avalie seu planejamento de acordo com seu padrão

Um bom planejamento financeiro funciona justamente para evitar descontrole quando acontecem imprevistos. Mas como o planejamento traça metas a longo prazo, podem ocorrer mudanças nessa trajetória.

As pessoas mudam de emprego e de salário, ficam desempregadas, ganham mais um integrante na família ou têm doenças que aumentam os gastos. Tudo pode acontecer. Por isso, é preciso estar atento à necessidade de adaptação do planejamento.

Depois de traçado o planejamento, é preciso acompanhar diariamente a evolução, e redefinir estratégias se for necessário. Trabalhe com metas menores e mais fáceis de serem alcançadas a curto prazo. Assim você consegue ver melhor a evolução e as pequenas conquistas. Enquanto você não alcança uma grande meta a longo prazo, vai se beneficiando das metas menores.

Outra dica importante é seguir seu planejamento sempre de acordo com seu padrão de vida. Compre o que pode comprar, gaste o que pode gastar. Não tente dar um passo onde sua perna não pode alcançar. Evite se endividar para mostrar um padrão que você não pode manter. Lembre-se sempre: metas realistas!







Mais lidos

Cartões de crédito sem anuidade: veja os 10 melhores
Procurando cartões de crédito sem anuidade? Eles definitivamente conquistaram o seu espaço na eco ...
Trabalhar em casa: 28 profissões para ganhar dinheiro
Trabalhar em casa e ganhar dinheiro no conforto do lar é um sonho para muitas pessoas. No Brasil, o ...
Cartão de crédito com aprovação imediata existe?
Quem não quer ter um cartão de crédito hoje em dia para realizar as compras? Muitas instituiçõe ...
10 marcas mais valiosas do mundo em 2018
O ano está chegando quase no fim e as empresas não param de crescer. Para se ter uma ideia, a  p ...
Os jogadores mais bem pagos do mundo em 2018
Quem são os jogadores mais bem pagos do mundo? Muito provavelmente você vai responder Cristiano Ro ...




Ebook do FinanceOne

Ebook gratuito investidor iniciante

Quer investir mas não sabe como? O Guia Completo do Investidor Iniciante traz os primeiros passos para você começar a investir e ganhar dinheiro!

BAIXAR AGORA!

Publicidade


 

Guias

Calculadoras