Início Notícias Economia Novo saque emergencial do FGTS pode ser liberado em 2021

Novo saque emergencial do FGTS pode ser liberado em 2021

5
(1)

Os trabalhadores vão terminar 2020 com uma ótima notícia. O Governo Federal está preparando uma nova rodada do saque emergencial do FGTS para o ano que vem. Essa medida faz parte do plano de enfrentamento da pandemia da Covid-19.

Mas vale ressaltar que essa ação ainda está em estudo e pode ser adotada junto a outras iniciativas do Governo Federal. A intenção é justamente injetar dinheiro na economia do país, que tem sido afetada durante o período da crise.

O Ministério da Economia já está montando uma série de medidas que podem ser acionadas dependendo da intensidade da crise sanitária e econômica do país. E uma delas é o saque emergencial do FGTS.

Nos estudos do plano de contingência, a pasta tem esboçado diversos desenhos para cada cenário possível que o Brasil possa enfrentar por conta da pandemia.

E em todos os cenários que estão sendo avaliados, o plano prevê que as ações iniciais não impactarão as contas públicas.

Medidas econômicas que o Brasil poderá adotar para conter crise em 2021

Caso a crise no país cresça ainda mais, uma das primeiras ações que entrará em vigor é a antecipação do 13º salário dos aposentados e abono salarial. Este último seria uma espécie de 14º salário pago para os trabalhadores formais que recebem até dois salários mínimos.

É importante ressaltar que o anúncio dessas medidas não será realizado de forma imediata. Isso porque a equipe econômica estuda que as ações implementadas neste ano ainda vão ter efeitos no início de 2021, dando uma cobertura para a economia até fevereiro.

E o auxílio emergencial deve ser pago para os beneficiários que ainda receberão as parcelas residuais. Da mesma forma, os programas de crédito continuam tendo efeitos até o ano que vem.

A intenção do governo é estudar o cenário depois da virada do ano. Ainda existe a possibilidade que as medidas sejam anunciadas no final do mês de janeiro.

Existe margem de recursos no FGTS para que seja permitida uma nova rodada de retiradas. E essa medida não comprometeria a sustentabilidade do fundo. Dessa forma, a ação seria realizada principalmente para a classe média.

Mais de 9,7 bilhões não foram sacados no FGTS emergencial 2020

Em 2020, o governo realizou ações para amenizar os impactos da pandemia do novo coronavírus. Entre elas, a criação do saque emergencial de até R$1.045.

Os trabalhadores tiveram um calendário publicado em junho com datas de crédito e saque, com prazos variados de acordo com a data de nascimento do beneficiário.

rescisão trabalhista
Um novo saque emergencial do FGTS poderá acontecer por conta da pandemia do Covid-19

Em novembro, a Caixa informou que quase R$8 bilhões foram sacados. Com isso, o dinheiro voltará para o fundo caso os correntistas não realizem o resgate até o fim do ano.

Os beneficiários têm até o dia 31 de dezembro para demonstrar interesse no saque, que pode ser transferido por meio do aplicativo Caixa Tem do banco federal, ou comparecendo a uma agência. O formato e modelo de programa para o próximo ano ainda não foi definido.

Como sacar o FGTS emergencial após o prazo?

O trabalhador pode sacar o Fundo de Garantia emergencial mesmo após o término do prazo no calendário? A resposta para essa pergunta é sim.

Além disso, é importante mencionar que o brasileiro que não tiver interesse em receber o saque emergencial do FGTS poderá, ainda, solicitar o cancelamento do benefício. Com isso, você pode ficar despreocupado que não irá perder dinheiro, pois ele voltará integralmente para a sua conta do FGTS.

Outro ponto a ser mencionado é que se você não quiser realizar o saque emergencial do FGTS não deve realizar nenhuma movimentação na conta. Mas, como sacar o valor após o prazo, é possível?

A Caixa Econômica Federal respondeu a essa pergunta. Segundo o banco, caso o trabalhador mude de ideia e decida pela retirada do valor, ele:

“…poderá realizar a solicitação pelo aplicativo FGTS até o dia 31/12/2020. O valor será creditado na poupança social digital e poderá ser movimentado pelo aplicativo Caixa Tem”, disse o banco.

É preciso estar com os dados cadastrais atualizados, sendo necessário:

  • Acessar o aplicativo FGTS;
  • Complementar os dados cadastrais;
  • Solicitar o saque dos valores, que serão creditados na conta poupança social digital.

Com esse procedimento, você já será informado sobre qual o valor disponível e qual será a data de crédito em conta.

E aí, este conteúdo te ajudou? Se sim, compartilhe com outras pessoas para que todos saibam sobre as novidades do FGTS para 2021 e as garantias ao trabalhador.

O que achou disso?

Deixei sua classificação

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

Seja o primeiro a avaliar este post.

Mateus Carvalho
Jornalista de profissão e apaixonado por Marketing Digital. Já foi redator de jornal impresso, atualmente escrevo para o digital e tenho sede por empreender. Escrever é a minha maior paixão e quando não estou digitando estou pensando em digitar. Carioca, vascaíno e apaixonado por memes.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui