Produtividade no home office: 7 ferramentas que podem ajudar

Escrito por: Mateus Carvalho em 12 de junho de 2020

Para continuarem em funcionamento, muitas empresas adotaram o regime remoto durante a pandemia da Covid-19. Porém, quem não estava acostumado com esse modelo pode estar com dificuldades quanto a produtividade no home office.

Isso porque em casa existem mais distrações ao longo do dia em comparação ao escritório. E a dificuldade em alcançar bons resultados no trabalho também é outro problema quando o assunto é a produtividade.

É possível manter a produtividade no home office

Por isso, é necessário que os trabalhadores adaptem à rotina para que a produtividade no home office não seja afetada. 

Se você é uma das pessoas que estão pouco produtivas, saiba que é possível reverter essa situação. Existem diversas ferramentas que podem te ajudar a organizar as suas atividades. 

Além de plataformas que permitem melhorar a comunicação com a equipe, a manter a concentração, entre outras tarefas do dia.

Conheça algumas ferramentas para manter a produtividade no home office

Quer saber quais ferramentas podem ajudar você e a sua equipe a manterem a produtividade no home office alta? Confira.

1) Asana 

A Asana é uma plataforma que permite que você se comunique com toda a sua equipe, além de garantir o bom andamento dos projetos de forma eficiente. Uma das vantagens da ferramenta é que evita a troca de e-mails e, consequentemente, a demora nas respostas.

A plataforma ainda permite realizar as divisões de tarefas, além de ser possível definir as prioridades para as atividades de cada membro da equipe. Você também consegue acompanhar os prazos a serem cumpridos de cada tarefa.

É importante ressaltar que existe uma versão gratuita para que as empresas possam utilizar a ferramenta. Mas caso queiram mais recursos é necessário pagar um valor mensalmente, que varia de acordo com o plano escolhido.

2) Trello

O Trello já é conhecido por algumas empresas por conta de ser uma plataforma de fácil manuseio. Uma das vantagens é a possibilidade de gerenciar projetos, sejam da equipe ou individuais.

A interface do site também é bem intuitiva, o que ajuda no aumento da produtividade no home office. Isso porque o design é em formato de quadros, o que permite uma melhor visualização das tarefas a serem realizadas.

Com isso, é possível avaliar o que já foi realizado, o que ainda precisa ser feito e qual o prazo para isso. Além de ainda poder colocar as urgências de cada atividade a ser realizada.

3) Slack

Está com saudades de conversar de maneira mais informal com os colegas de trabalho? O Slack pode ser a solução. A plataforma funciona como um escritório virtual, já que os participantes podem manter as conversas tanto em grupo quanto em janelas privadas. 

Com o Slack você ainda impede as distrações das redes sociais, já que pode se comunicar com os seus colegas de trabalho pela ferramenta. 

Quem quiser adotar a plataforma, pode acessá-la de forma gratuita. Mas caso queira mais funções é necessário adquirir um dos planos oferecidos pelo Slack.

4) Momentum

O Momentum é uma excelente dica para quem quer atrelar a produtividade e organização. Você é daqueles que têm dificuldade de lembrar de tudo o que tem para fazer? Essa é uma ferramenta que pode acabar com os seus problemas de forma fácil.

E você nem vai ter muito trabalho para baixar e/ou administrar. O Momentum é uma extensão do Google Chrome. Fácil, prática e não pesa o seu navegador.

Ela age substituindo a página do Google toda vez que você abre uma nova aba. Você vai se deparar com uma página de imagem neutra, contendo hora, dia da semana e uma frase inspiradora.

O Momentum permite que você adicione a principal tarefa que precisa executar naquele dia e as secundárias que ficam ali registradas. Elas somente são retiradas da tela se você marcá-las como concluídas.

5) Workplace

O Workplace é a rede social corporativa do Facebook e já está disponível para os usuários há mais de cinco anos. Ela facilita uma comunicação entre grupos maiores com mais de 50 pessoas.

Para os profissionais que precisam tomar ações e decisões, realizar reuniões, fazer comunicados, de forma rápida e fácil, basta realizar uma ligação pelo Workplace. 

6) Buffer

O Buffer é outra ferramenta que vai facilitar e dar uma mobilidade ainda maior ao seu home office. A sua produtividade pode ser maior se você considerá-lo uma opção viável.

Ele é muito utilizado pelos profissionais de Marketing e Comunicação, pois é uma ferramenta excelente para análises de métricas das redes sociais.

Com o Buffer, você consegue calcular envolvimento, reunir contatos e outras opções. As alternativas da ferramenta são dinâmicas e fáceis de compreender.

O que facilita um retorno imediato ao seu cliente – além de organizar as suas tarefas.

7) Google Drive

Quem tem um Google Drive? Se você não, então talvez já tenha e nem saiba. Isso porque todo mundo que tem uma conta do Google ou Gmail tem um drive para chamar de seu.

Com o drive, você pode armazenar documentos, fotos, vídeos e vários outros arquivos. Ele te ajuda muito no assunto mobilidade.

Você que precisa, às vezes, ter acesso rápido a um documento na rua, no transporte público, ou de qualquer cômodo da casa, o drive tem esse benefício.

Além disso, ele permite armazenar arquivos em nuvem, fazer edição e compartilhamento com qualquer pessoa, mesmo que ela não tenha um drive.

Parecido com o drive, você também tem como opções o Dropbox e o OneDrive para compartilhar arquivos e pastas e colaborar arquivos.

Pesquisa revela em números as vantagens do home office

O home office é uma opção viável e produtiva. A modalidade já era vista com bons olhos antes da pandemia e após o coronavírus ficou ainda mais essencial. Em números, tem disparado como vantajoso para empresas e funcionários.

Há quem diga que no papel fácil afirmar tudo isso, mas você pode comprovar com dados e depoimentos. Afinal, se você trabalha em home office sabe das vantagens.

Recentemente, por exemplo, uma pesquisa realizada pela Indeed revelou que o home office reduz:

  • 52% a taxa de turnover;
  • 50% a taxa de absenteísmo;
  • 50% os custos operacionais para as empresas;
  • 31% os custos com benefícios;
  • o tempo no trânsito para os trabalhadores;

Além de aumentar 57% o engajamento e permitir a flexibilidade de horários de trabalho; aproximação com as pessoas da família; redução do dress code.

Gostou das opções? Como você tem feito para ser produtivo no home office?

Se você já usa essas ou outras ferramentas no seu dia a dia de trabalho, conte nos comentários e compartilhe essas dicas com outras pessoas!

Mateus Carvalho

Jornalista formado pela Unicarioca. Atualmente, repórter da Folha Dirigida e produtor de conteúdo no FinanceOne. Já fui colaborador do Torcedores.com.

Deixe uma resposta

Posts relacionados

mercado de ações
Como ganhar dinheiro viajando
graduação a distância grátis
curso de inglês no Brasil ou intercâmbio