Conversor de moedas

Veja a cotação do Dólar Hoje, Euro hoje e Bitcoin hoje.

Latam - Ofertas Imperdíveis

Quem pode ter máquina de cartão de crédito?

Escrito por: Priscila Gomes em 25 de fevereiro de 2019

Pagar as compras com cartão é prático, rápido e seguro. Por isso, muitos clientes optam por essa forma de pagamento no dia a dia.

Mas, nem todo profissional dispõe deste equipamento para realizar suas transações comerciais.

Se você ainda não tem sua máquina de cartão de crédito e está em dúvida sobre quem pode usá-la, dê uma olhada essas dicas e garanta mais uma forma de turbinar suas vendas. Confira!

Vamos começar com uma boa notícia: qualquer pessoa que tenha um negócio regulamentado pode ter sua máquina de cartão de crédito, seja ela pessoa física ou jurídica.

Mas, nem todas as empresas precisam, de fato, de uma máquina de cartão. Então, antes de adquirir a sua é importante avaliar se você realmente precisa dela.

Em cidades pequenas, por exemplo, o uso de cédulas de dinheiro ainda é muito comum. Alguns estabelecimentos também apresentam um volume baixo de vendas ou atendem clientes que ainda preferem pagar com “dinheiro vivo”.

Nesses casos, ter uma máquina de cartão de crédito poderia acarretar em prejuízos para o lojista.

Quem pode ter máquina de cartão de crédito?

Pessoa física pode ter máquina de cartão de crédito?

Antigamente uma máquina de cartão era um benefício apenas para as grandes empresas. Isso porque para ter o equipamento era necessário ser uma pessoa jurídica e comprovar um valor mínimo de faturamento mensal pré-estabelecido.

Até mesmo empresas de pequeno porte tinham dificuldade em conseguir sua máquina porque as taxas de aluguel eram altas.

Em 2010 a regulamentação foi alterada pelo Banco Central e ter acesso a esse equipamento ficou mais fácil. Mais empresas passaram a oferecer as máquinas de cartão, o que contribuiu para a diminuição das taxas.

Hoje uma pessoa jurídica pode sim ter sua própria máquina para fazer suas transações comerciais. Com as novas regras, o valor do faturamento não é fator impeditivo para a aquisição do equipamento.

No entanto, assim como para as empresas, é preciso avaliar se a máquina é realmente necessária ou não.

Dois seguimentos de profissionais que se beneficiam muito com essa possibilidade são os fotógrafos e consultores de vendas.

Como funcionam as máquinas de cartão de crédito

Normalmente, as máquinas de cartão cobram uma taxa de retenção por cada transação realizada. A taxa varia de 2% a 6% sobre o valor total da compra.

Além disso, os proprietários de máquinas de cartão também precisavam arcar com os custos de aluguel do equipamento.

Mas hoje já existem no mercado diversas opções de máquinas que podem ser compradas, dispensando esse curso extra.

Uma simples compra pelo cartão de crédito é composta por sete etapas de autorização do pagamento.

Cada uma dessas etapas é protagonizada por um participante interessado na concretização da operação comercial. Entenda:

Cliente: esse é o primeiro protagonista do processo de compra. Ele autoriza o pagamento ao utilizar sua senha, após passar o cartão. Seu maior interesse é o produto ou serviço que deseja adquirir;

Comerciante: esse participante autoriza o pagamento no momento em que passa o cartão do cliente na máquina. Seu interesse é a venda do produto ou serviço;

Gateway de pagamento: essa ferramenta é a responsável pela troca de informações entre o cartão, a máquina e o processador de pagamentos do banco do cartão ou do cliente;

Banco do vendedor: processa as operações de venda do proprietário da máquina. Também encerra o ciclo por ser o destino final do dinheiro da venda;

Intercâmbio de cartão de crédito: este participante é o responsável pela troca de informações entre o banco de quem vendeu com o banco de quem comprou;

Emissor do cartão de crédito: empresa que emite cartões de crédito, como Mastercard e Visa.

Quem pode ter máquina de cartão de crédito?

Vantagens de usar máquina de cartão de crédito

Se você avaliou seu negócio e acredita que usar uma máquina de cartão de crédito pode ser bom para sua empresa, mas ainda não está totalmente convencido.

Conheça essas vantagens de oferecer mais essa forma de pagamento para seus clientes.

#1. As chances de levar um calote daquele cliente mal pagador diminuem e muito! Você com certeza receberá o dinheiro da venda porque ao pagar com o cartão o cliente fica devendo ao banco e não a você;

#2. Cartões são fáceis de usar. Chega de perder tempo preenchendo cheques ou passando troco;

#3. Falando em cheques, você pode retirar essa forma de pagamento das suas opções e assim evitar o risco de receber algum cheque sem fundo;

#4. Outra vantagem em relação aos cheques é que você terá uma previsão de datas para receber seu pagamento

#5. Possibilidade de vender a prazo;

#6. Relatório detalhado das vendas; e

#7. Segurança para você e seu cliente. Com menos dinheiro em caixa os prejuízos são menores em casos de assalto e seus clientes também não precisam sair por aí carregando altas quantias de dinheiro nos bolsos.

Priscila Gomes

Jornalista. Gosto de abraços, aniversários e do Natal. Atualmente produzo conteúdo para internet e faço assessoria sindical.

Deixe uma resposta

Posts relacionados

pedir demissão
máquinas-de-cartão-GetNet-Santander
A Rede apresenta modelos de máquinas de cartão para cada empreendedor
Microfranquias
livros-para-pensar-fora-da-caixa