Cursos que transformam sua vida financeira
Mais
    InícioCriptomoedaConheça 5 maneiras de conseguir renda passiva com criptomoedas

    Conheça 5 maneiras de conseguir renda passiva com criptomoedas

    5
    (4)

    Ganhar uma renda extra é o sonho de muitos brasileiros, entretanto, como fazer isso? Uma alternativa é conseguir renda passiva com criptomoedas.

    Publicidade

    Contudo, antes de descobrir como, vamos explicar o que é renda passiva. Ela nada mais é que o dinheiro ganho por suas posses sem sua participação.

    Isso pode incluir lucros de um imóvel alugado, vendas automatizadas perenes para uma empresa, dividendos de ações ou qualquer outro tipo de receita. Ganhar juros sobre suas contas bancárias e, mais recentemente, sobre renda passiva com criptomoedas.

    Entretanto, é de extrema importância que o investidor, antes de negociar, estude cada forma de reproduzir uma renda passiva. Bem como, em qual projeto ele deve investir para adquirir uma renda extra.

    Como todo mercado financeiro, a volatilidade das criptomoedas é bastante comum. Por conta disso, existem rendas passivas com ótimos retornos.

    Portanto, sem um estudo prévio sobre este mercado, isso pode causar prejuízos ao investidor.

    Publicidade

    Sendo assim, além de incluir as criptomoedas em sua carteira de investimentos para se prevenir da inflação e o controle estatal, o investidor pode fazer renda extra com uma série de produtos disponibilizados por empresas do setor. Confira como neste artigo!

    + Halving: conheça o evento que promete altos lucros com criptomoedas

    Como está o mercado de criptomoedas hoje?

    Recentemente os investidores se viram preocupados com o chamado crash das criptomoedas. Ou seja, uma queda generalizada dos preços dos ativos. Mas como está o cenário atual?

    Há algumas semanas o preço do Bitcoin está na faixa de US$20 mil. A moeda perdeu mais de 60% de seu valor depois de atingir seu pico em novembro de 2021.

    O temor dos investidores é que haja uma nova tendência de baixa ou uma demora na recuperação do valor do ativo. Por conta disso, muitos investidores estão adiando a realização de novos aportes.

    Publicidade

    A alta da inflação nos EUA e a elevação dos preços do petróleo, levando a um custo mais elevado de transporte, são aspectos que também influenciam o custo de vida, reduzindo a renda disponível.

    Assim, muitos investidores aguardam uma recuperação socioeconômica para voltar a acelerar os investimentos em criptomoedas.

    Ou seja, as tensões geopolíticas, a possibilidade de uma recessão e as incertezas do mercado são fatores que influenciam diretamente as correções no mercado cripto.

    Segundo especialistas, a expectativa, agora, é que o mercado atinja certa estabilidade no médio prazo, para que tenha condições de voltar a um movimento de alta futuramente.

    Moeda de Bitcoin junto a um gráfico de crescimento
    Ganhar renda passiva com criptomoedas é uma modalidade cada vez mais popular

    Como posso ganhar renda passiva com criptomoedas?

    Descubra cinco métodos mais experimentados e testados de criação de fluxos para conseguir renda passiva com criptomoedas. São eles:

    Publicidade

    1 – Mineração

    Mineração é o processo de empregar poder computacional para proteger uma rede em troca de uma recompensa. É a técnica mais antiga de geração de renda passiva no setor de bitcoin, apesar do fato de não exigir reservas de criptomoedas.

    Contudo, para o investimento ser um minerador de criptomoeda, depende da criptomoeda que for minerada. A forma mais comum e conhecida de minerar, é com bitcoin.

    Porém, não é melhor neste cenário, por conta da necessidade de se ter computadores potentes, caros e específicos.

    Logo, podemos realizar o processo de mineração com outros ativos digitais, que requisita a utilização de computadores, para solucionar as dúvida matemáticas para validar uma blockchain.

    2 – Staking

    Em suma, o processo de staking é uma maneira de validar uma rede, chamado de “proof-of-stake” (PoS), empregado em redes, como por exemplo, de Ethereum (ETH).

    Logo, pode ser caracterizado como uma forma de utilizar seus tokens para validar as transações de uma rede, ou até mesmo, conceder esse processo para terceiros.

    Neste processo de validação, as criptomoedas ficam paralisadas na rede até a conclusão do processo, e quem valida recebe as taxas como forma de recompensa pelo processo.

    Desse modo, o risco neste processo ocorre se o validador ou um terceiro cometer um erro durante o acontecimento. Com efeito, em uma punição ao validador retirando a sua posse dos tokens. Este erro no processo de staking é chamado de slashing.

    + Staking de criptomoedas: descubra o que é e como funciona

    3 – Lending (empréstimo)

    O empréstimo é uma forma de renda passiva com criptomoedas. Muitos serviços de empréstimo ponto a ponto (P2P) permitem que você bloqueie seu dinheiro por um determinado período de tempo para receber o pagamento de juros mais tarde.

    A taxa de juros pode ser fixa (determinada pela plataforma) ou variável (determinada por você, dependendo das taxas de mercado atuais).

    Esse recurso está disponível nativamente nas plataformas de várias bolsas que oferecem negociação de margem.

    Essa técnica é adequada para investidores de longo prazo que desejam aumentar suas carteiras com o mínimo esforço.

    Vale a pena mencionar que garantir dinheiro em um contrato inteligente é inerentemente arriscado.

    + Saiba quais são as moedas mais valorizadas do mundo

    4 – Liquidity Pools

    O liquidity pools, traduzido para o português como ‘piscinas de liquidez’, é um processo que acontece em corretoras descentralizadas, produzindo liquidez.

    Assim, o investidor dos ativos pode bloquear as criptomoedas em um liquidity pool.

    Sendo assim, o ativo alcança uma liquidez superior em transações de ponta a ponta. Uma vez que não há necessidade de compra ordenada. Logo, o investidor pode retirar os tokens da piscina para acrescentar na transação.

    Por fim, os riscos que surgem neste processo podem ser, o de perda impermanente, ou de custódia da plataforma.

    + Como investir em Bitcoin? Saiba se é seguro

    5 – Afiliado Programas

    Algumas empresas de criptomoeda podem compensá-lo por trazer mais pessoas para sua rede.

    Links de afiliados, referências ou qualquer outro tipo de desconto oferecido a novos usuários que são trazidos para a plataforma por você são exemplos disso.

    Os programas de afiliados podem ser um ótimo método para complementar sua renda se você tiver um número significativo de seguidores nas redes sociais.

    Para evitar a divulgação de iniciativas de baixa qualidade, geralmente é uma boa ideia realizar algumas pesquisas preliminares sobre o negócio.

    Assista a um vídeo do Especialista Renato Carvalho no Tik Tok e veja quem criou o Bitcoin:

    @financeonebr

    O Bitcoin é mais misterioso do que muita gente imagina… 😶‍🌫️ #bitcoin #cripto #satoshinakamoto #fyp #criptomoedas

    ♬ Intro – The xx

    Riscos de gerar renda passiva com criptomoedas

    Um dos riscos de tentar gerar renda passiva com criptomoedas é a compra de ativos de baixa qualidade. Isso acontece quando as taxas de retorno são artificialmente infladas ou os investidores são enganados a comprar um ativo que, na realidade, possui muito pouco valor.

    Algumas redes de staking adotam um sistema de múltiplos tokens, no qual as recompensas são pagas em um outro token, o que cria uma pressão constante para a venda do token de recompensa.

    Outro ponto é quando acontece um erro do usuário. Como a indústria de blockchain ainda está em crescimento, configurar e manter essas fontes de renda requer conhecimento técnico e uma mentalidade investigativa.

    Para alguns holders, pode ser melhor esperar até que esses serviços se tornem mais práticos ou usar apenas aqueles que exigem menor conhecimento técnico.

    Gostou desse texto? Quer continuar aprendendo sobre como investir em bitcoin e criptomoedas? Leia agora mesmo o texto: “conheça os 7 golpes com criptomoedas mais praticados” para continuar por dentro do assunto!

    Colaboração: Letícia de Jesus

    O que achou disso?

    Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 4

    Seja o primeiro a avaliar este post.

    Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

    Diga-nos, como podemos melhorar?

    Rafael Massadar
    Rafael Massadar
    Carioca, amante de esportes e de viagens. Escolhi o jornalismo porque ele vive pelo mundo e conta histórias de pessoas e realidades distintas. Tenho experiência em redação e assessoria de imprensa. Atualmente, trabalho numa agência de marketing digital.

    Artigos Relacionados

    Assine nossa newsletter!

    Páginas Populares

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    InícioCriptomoedaConheça 5 maneiras de conseguir renda passiva com criptomoedas

    Conheça 5 maneiras de conseguir renda passiva com criptomoedas

    5
    (4)

    Ganhar uma renda extra é o sonho de muitos brasileiros, entretanto, como fazer isso? Uma alternativa é conseguir renda passiva com criptomoedas.

    Publicidade

    Contudo, antes de descobrir como, vamos explicar o que é renda passiva. Ela nada mais é que o dinheiro ganho por suas posses sem sua participação.

    Isso pode incluir lucros de um imóvel alugado, vendas automatizadas perenes para uma empresa, dividendos de ações ou qualquer outro tipo de receita. Ganhar juros sobre suas contas bancárias e, mais recentemente, sobre renda passiva com criptomoedas.

    Entretanto, é de extrema importância que o investidor, antes de negociar, estude cada forma de reproduzir uma renda passiva. Bem como, em qual projeto ele deve investir para adquirir uma renda extra.

    Como todo mercado financeiro, a volatilidade das criptomoedas é bastante comum. Por conta disso, existem rendas passivas com ótimos retornos.

    Portanto, sem um estudo prévio sobre este mercado, isso pode causar prejuízos ao investidor.

    Publicidade

    Sendo assim, além de incluir as criptomoedas em sua carteira de investimentos para se prevenir da inflação e o controle estatal, o investidor pode fazer renda extra com uma série de produtos disponibilizados por empresas do setor. Confira como neste artigo!

    + Halving: conheça o evento que promete altos lucros com criptomoedas

    Como está o mercado de criptomoedas hoje?

    Recentemente os investidores se viram preocupados com o chamado crash das criptomoedas. Ou seja, uma queda generalizada dos preços dos ativos. Mas como está o cenário atual?

    Há algumas semanas o preço do Bitcoin está na faixa de US$20 mil. A moeda perdeu mais de 60% de seu valor depois de atingir seu pico em novembro de 2021.

    O temor dos investidores é que haja uma nova tendência de baixa ou uma demora na recuperação do valor do ativo. Por conta disso, muitos investidores estão adiando a realização de novos aportes.

    Publicidade

    A alta da inflação nos EUA e a elevação dos preços do petróleo, levando a um custo mais elevado de transporte, são aspectos que também influenciam o custo de vida, reduzindo a renda disponível.

    Assim, muitos investidores aguardam uma recuperação socioeconômica para voltar a acelerar os investimentos em criptomoedas.

    Ou seja, as tensões geopolíticas, a possibilidade de uma recessão e as incertezas do mercado são fatores que influenciam diretamente as correções no mercado cripto.

    Segundo especialistas, a expectativa, agora, é que o mercado atinja certa estabilidade no médio prazo, para que tenha condições de voltar a um movimento de alta futuramente.

    Moeda de Bitcoin junto a um gráfico de crescimento
    Ganhar renda passiva com criptomoedas é uma modalidade cada vez mais popular

    Como posso ganhar renda passiva com criptomoedas?

    Descubra cinco métodos mais experimentados e testados de criação de fluxos para conseguir renda passiva com criptomoedas. São eles:

    Publicidade

    1 – Mineração

    Mineração é o processo de empregar poder computacional para proteger uma rede em troca de uma recompensa. É a técnica mais antiga de geração de renda passiva no setor de bitcoin, apesar do fato de não exigir reservas de criptomoedas.

    Contudo, para o investimento ser um minerador de criptomoeda, depende da criptomoeda que for minerada. A forma mais comum e conhecida de minerar, é com bitcoin.

    Porém, não é melhor neste cenário, por conta da necessidade de se ter computadores potentes, caros e específicos.

    Logo, podemos realizar o processo de mineração com outros ativos digitais, que requisita a utilização de computadores, para solucionar as dúvida matemáticas para validar uma blockchain.

    2 – Staking

    Em suma, o processo de staking é uma maneira de validar uma rede, chamado de “proof-of-stake” (PoS), empregado em redes, como por exemplo, de Ethereum (ETH).

    Logo, pode ser caracterizado como uma forma de utilizar seus tokens para validar as transações de uma rede, ou até mesmo, conceder esse processo para terceiros.

    Neste processo de validação, as criptomoedas ficam paralisadas na rede até a conclusão do processo, e quem valida recebe as taxas como forma de recompensa pelo processo.

    Desse modo, o risco neste processo ocorre se o validador ou um terceiro cometer um erro durante o acontecimento. Com efeito, em uma punição ao validador retirando a sua posse dos tokens. Este erro no processo de staking é chamado de slashing.

    + Staking de criptomoedas: descubra o que é e como funciona

    3 – Lending (empréstimo)

    O empréstimo é uma forma de renda passiva com criptomoedas. Muitos serviços de empréstimo ponto a ponto (P2P) permitem que você bloqueie seu dinheiro por um determinado período de tempo para receber o pagamento de juros mais tarde.

    A taxa de juros pode ser fixa (determinada pela plataforma) ou variável (determinada por você, dependendo das taxas de mercado atuais).

    Esse recurso está disponível nativamente nas plataformas de várias bolsas que oferecem negociação de margem.

    Essa técnica é adequada para investidores de longo prazo que desejam aumentar suas carteiras com o mínimo esforço.

    Vale a pena mencionar que garantir dinheiro em um contrato inteligente é inerentemente arriscado.

    + Saiba quais são as moedas mais valorizadas do mundo

    4 – Liquidity Pools

    O liquidity pools, traduzido para o português como ‘piscinas de liquidez’, é um processo que acontece em corretoras descentralizadas, produzindo liquidez.

    Assim, o investidor dos ativos pode bloquear as criptomoedas em um liquidity pool.

    Sendo assim, o ativo alcança uma liquidez superior em transações de ponta a ponta. Uma vez que não há necessidade de compra ordenada. Logo, o investidor pode retirar os tokens da piscina para acrescentar na transação.

    Por fim, os riscos que surgem neste processo podem ser, o de perda impermanente, ou de custódia da plataforma.

    + Como investir em Bitcoin? Saiba se é seguro

    5 – Afiliado Programas

    Algumas empresas de criptomoeda podem compensá-lo por trazer mais pessoas para sua rede.

    Links de afiliados, referências ou qualquer outro tipo de desconto oferecido a novos usuários que são trazidos para a plataforma por você são exemplos disso.

    Os programas de afiliados podem ser um ótimo método para complementar sua renda se você tiver um número significativo de seguidores nas redes sociais.

    Para evitar a divulgação de iniciativas de baixa qualidade, geralmente é uma boa ideia realizar algumas pesquisas preliminares sobre o negócio.

    Assista a um vídeo do Especialista Renato Carvalho no Tik Tok e veja quem criou o Bitcoin:

    @financeonebr

    O Bitcoin é mais misterioso do que muita gente imagina… 😶‍🌫️ #bitcoin #cripto #satoshinakamoto #fyp #criptomoedas

    ♬ Intro – The xx

    Riscos de gerar renda passiva com criptomoedas

    Um dos riscos de tentar gerar renda passiva com criptomoedas é a compra de ativos de baixa qualidade. Isso acontece quando as taxas de retorno são artificialmente infladas ou os investidores são enganados a comprar um ativo que, na realidade, possui muito pouco valor.

    Algumas redes de staking adotam um sistema de múltiplos tokens, no qual as recompensas são pagas em um outro token, o que cria uma pressão constante para a venda do token de recompensa.

    Outro ponto é quando acontece um erro do usuário. Como a indústria de blockchain ainda está em crescimento, configurar e manter essas fontes de renda requer conhecimento técnico e uma mentalidade investigativa.

    Para alguns holders, pode ser melhor esperar até que esses serviços se tornem mais práticos ou usar apenas aqueles que exigem menor conhecimento técnico.

    Gostou desse texto? Quer continuar aprendendo sobre como investir em bitcoin e criptomoedas? Leia agora mesmo o texto: “conheça os 7 golpes com criptomoedas mais praticados” para continuar por dentro do assunto!

    Colaboração: Letícia de Jesus

    O que achou disso?

    Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 4

    Seja o primeiro a avaliar este post.

    Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

    Diga-nos, como podemos melhorar?