Conversor de moedas

Veja a cotação do Dólar Hoje, Euro hoje e Bitcoin hoje.

Vale a pena pegar empréstimo para pagar dívidas?

Escrito por: Bruna Somma em 20 de agosto de 2019

Há meses e situações em que a renda mensal não é capaz de manter as contas em dia. Nesse caso, vale a pena pegar empréstimo para pagar dívidas?

Essa resposta é variável e depende das circunstâncias. É possível que o empréstimo compense para trocar uma dívida cara como a do cheque especial ou cartão de crédito.

O primeiro passo é entender que o empréstimo pode trazer a solução momentânea. Mas, depois você terá que pagar o valor com a cobrança de taxas e juros.

Por isso, é importante verificar com detalhes o orçamento. Descreva tudo o que você ganha e gasta ao mês. Assim como todas as suas dívidas, especificando o valor e o tempo que está com o débito atrasado.

Depois disso, ficará mais fácil fazer uma análise sobre o tipo de cobrança e o tempo que terá para pagar. Esses são dois fatores que influenciarão sobre como lidar com as despesas em atraso.

Cobrar dinheiro emprestado

Para quem tem dívida no cartão de crédito, os encargos são os mais caros do mercado. Demorar para resolver a situação pode piorar ainda mais.

Nesse contexto, pode ser favorável optar pelo empréstimo e pagar por juros menores.

Mas, antes de fechar o contrato com uma instituição financeira, a dica é procurar outras opções para conseguir o dinheiro.

Como por exemplo, perguntar se amigos próximos ou familiares podem emprestar uma quantia. Isso porque você conseguirá o dinheiro e não terá que arcar com juros progressivos no decorrer do tempo.

Abaixo, veja outras situações em que vale a pena pegar empréstimo para pagar dívidas.

Limpar o nome do SPC e Serasa

Em geral, quem está com nome sujo no Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) e Serasa tem dívidas que não consegue pagar a longo prazo.

Isso pode ser um impeditivo para fazer um financiamento, alugar um imóvel ou conseguir crédito. A solução é limpar o nome com rapidez. O empréstimo pode proporcionar isso.

Não esqueça, porém, que essa deve ser uma opção caso não consiga o valor da dívida para pagá-la.

Desconto na dívida com pagamento à vista

Todo ano, o Serasa realiza o ‘Feirão Limpa Nome’. Nele, os credores e devedores podem negociar descontos para liquidar as dívidas.

É possível que a conta seja reduzida em até 90% do valor total. Em muitos casos há, no entanto, a condição de que o valor seja pago à vista, sem parcelamento.

Assim, compensa fazer o empréstimo para ter o dinheiro disponível para pagar a dívida. O desconto da conta em atraso vele a pena.

Verifique a taxa de juros antes de fichar o empréstimo

Alguns cuidados devem ser tomados antes de fechar contrato de empréstimo para pagar dívidas. É fundamental avaliar a taxa de juros e os encargos cobrados.

Esses valores são variáveis de um banco para o outro. Se a taxa estiver muito alta pode ser que as despesas com ela façam um rombo ainda maior no seu orçamento.

As fintechs têm se destacado nesse mercado pois oferecem taxas de juros menores que os bancos tradicionais. Ficou interessado?

Então, conheça seis fintechs que oferecem empréstimos para pessoas físicas.

Avalie sua capacidade de pagamento

Também é importante certificar se o valor das parcelas do empréstimo cabe no seu rendimento mensal. Levando em consideração os juros e amortizações.

A isso depende a estabilidade do seu fluxo mensal, incluindo o salário e outras fontes de renda extra.

Especialistas indicam que o valor destinado ao empréstimo para pagar dívidas não ultrapasse 30% da renda líquida.

Leia os contratos com atenção para não ter dores de cabeça no futuro.

Analise a sua situação financeira, portanto, para ver se o empréstimo vale a pena. Ele não é a solução adequada para qualquer crise no seu orçamento doméstico. Fique atento!

Bruna Somma

Jornalista formada pela UFRRJ, com passagens por redações de jornais, sites e Assessoria de Comunicação.

Deixe uma resposta

Posts relacionados

venda de produtos
investimentos melhores que a poupança
Como quitar as dívidas
Lucro do FGTS
levar cachorro no avião