Conversor de moedas Transferência internacional

Veja a cotação do Dólar Hoje, Euro hoje e Bitcoin hoje.

Os carros que mais desvalorizam entre os mais vendidos

Escrito por: Mateus Carvalho em 4 de outubro de 2018

Você sabe quais são os carros que mais desvalorizam entre os mais vendidos? Caso a resposta seja não, você precisa conhecer o recente estudo da KBB Brasil. O levantamento mostra os carros que mais desvalorizam entre os mais vendidos no primeiro semestre deste ano.

O Fiat Strada foi considerado o carro que mais perde valor entre os veículos mais vendidos no primeiro semestre de 2018. De acordo com a pesquisa, uma das versões do veículo desvaloriza 23% após o primeiro ano de uso. E no segundo ano, a desvalorização sobe para 34%.

carros que mais desvalorizam entre os mais vendidos
Conheça os carros que mais desvalorizam entre os mais vendidos no primeiro semestre de 2018

Para ajudar interessados em comprar um carro, o estudo mostrou que versões que mais desvalorizaram entre os modelos vendidos até a metade de 2018. A informação foi obtida com a Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave).

10 carros que mais desvalorizam no 1º semestre

Versão                                                                                                                              Percentual de desvalorização no 2º ano de uso                     

– Fiat Strada/CE Hard Working 1.4 8V Flex 2P (Básico)                                               – 33,84%

– Fiat Strada/CS Hard Working 1.4 8V Flex 2P (Básico)                                               – 30,96%

– Ford Ka/S 1.0 12V Flex 4P (Básico)                                                                                 – 29,65%

– Fiat Toro/Freedom 1.8 16V AT6 Flex 4P (Básico)                                                        – 29,22%

– Renault Sandero/Authentique 1.0 12V SCe Flex 4P (Básico)                                     – 25,90%

– Renault Sandero/Expression 1.0 12V SCe Flex 4P (Básico)                                        – 25,51%

– Fiat Strada/CD Hard Working 1.4 8V Flex 3p (Básico)                                                -25,14%

– Ford Ka/SE 1.5 16V Flex 4P (Básico)                                                                                – 24,99%

– Renault Sandero/GT Line 1.6 16V SCe Flex 4P (Básico)                                              – 24,17%

– Renault Sandero/Expression 1.6 16V SCe Flex 4P (Basico)                                         – 24%

No Brasil, os 10 modelos de carros mais vendidos foram: Chevrolet Onix, Hyundai HB20, Ford Ka, Volkswagen Gol. Além do Fiat Strada, Chevrolet Prisma, Toyota Corolla, Jeep Compass, Fiat Toro e Renault Sandero.

Os veículos dos modelos Volkswagen Polo, Renault Kwid e Fiat Argo estão entre os mais vendidos mas não foram utilizados no estudo porque só têm versões dos anos de 2018 ou 2019. E para realizar o estudo foram considerados dois anos de uso para cada veículo.

Por que levar em conta a desvalorização?

A desvalorização ou depreciação de um veículo é a chamada perda de valor de acordo com o tempo. E esse é um dos critérios que pode ajudar a guiar a escolha de qual carro comprar.

Isso porque quanto maior a desvalorização, mais dificuldade você terá para revender o veículo e mais dinheiro poderá perder. É importante lembrar que essa desvalorização começa a valer desde o momento da compra até a venda do carro.

Porém, se você tem a intenção de comprar um carro seminovo, o índice de depreciação aponta quais carros usados têm valores mais distantes em relação à versão do veículo zero quilômetro. Por isso que os valores podem representar uma boa oportunidade de compra.

Você sabe por que a desvalorização acontece? Como os veículos perdem valor rápido? Isso ocorre porque quanto menor a procura por um determinado modelo, maior será o valor de perda dele. Dessa forma, os carros que costumam perder mais valor são os considerados de luxo.

Isso porque eles têm uma demanda menor. Outros veículos que podem ter o valor reduzido de forma rápida são os que não são bem aceitos pelos consumidores. Porém, alguns veículos mais populares também podem ser incluídos na lista dos carros que mais desvalorizam entre os mais vendidos.

Esse fato ocorre quando as vendas não são suficientes para absorver a grande oferta do veículo na revenda. Além disso, o cenário de crise e mudanças que o Brasil vem sofrendo também colabora nas condições de financiamento. O que acaba contribuindo para elevar o estoque da versão de um determinado veículo.

Quer vender carro usado? Veja como não perder dinheiro

Quem quer vender um carro usado sabe que não é uma tarefa fácil. Mas como é possível realizar um bom negócio? Para isso, é necessário ter bastante cuidado para não perder dinheiro. Dessa forma, você não sairá prejudicado e mal sucedido.

É importante frisar que nem toda venda de carro está associada com a desvalorização e/ou perda de dinheiro. Isso irá depender do ponto de vista e da estratégia do interessado.

Além disso, quem deseja vender um carro usado tem que optar entre ganhar mais dinheiro, vender mais rápido ou ter mais segurança na transação. Confira mais dicas de como não perder dinheiro ao vender um carro usado!

Mateus Carvalho

Jornalista formado pela Unicarioca. Atualmente, repórter da Folha Dirigida e produtor de conteúdo no FinanceOne. Já fui colaborador do Torcedores.com.

Precisa converter?

A calculadora de conversão do FinanceOne fornece os últimos valores cotados para diversas moedas. Acesse agora!

Converter agora

Posts relacionados

fraude
Brasil e Chile
crise
Economia da América latina
Trabalhadores da indústria temem perder empregos para robôs