Saiba como usar ações para fazer a poupança dos filhos

0
86
mãe e filha colocando moeda em porquinho
0
(0)

Está na dúvida do presente que você deve dar para os seus filhos amanhã? Uma boa opção é começar a investir na poupança dos pequenos para que no futuro eles possam utilizar o dinheiro para realizar algum sonho importante.

Anúncios

Se você investir desde cedo e da maneira correta, é possível render um bom capital. Mas é claro, o quanto antes você começar é melhor. Por isso existem pais que dão o pontapé inicial logo no nascimento dos filhos e deixam o dinheiro rendendo até completar a maioridade.

Mas apesar de ser uma grande vantagem para a família, poucos brasileiros buscam realizar esse tipo de investimento para os filhos. Isso acaba acarretando em dificuldades no planejamento financeiro.

Anúncios

Até porque o dinheiro pode ser utilizado para diversos objetivos, desde para pagar a faculdade até para que o seu filho possa realizar um intercâmbio no exterior. Além de também ser um presente para quando eles forem começar a independência financeira.

Mas o que é uma poupança para as crianças?

Bom, se você não está entendendo muito bem o que significa ter uma poupança para as crianças, a gente te explica. Esse costuma ser um valor que os pais guardam, todo mês, com o objetivo de garantir o futuro dos seus filhos.

+ Como abrir conta digital para crianças? Confira os 3 passos

Anúncios

É muito comum que esse dinheiro seja utilizado para os estudos ou para outras necessidades que seu filho possa vir a ter quando chegar na fase adulta. Até porque, qual pai não sonha em ver o filho formado, com um bom emprego e estabilidade financeira?

É justamente por esse motivo que é preciso pensar no futuro e, consequentemente, realizar um planejamento financeiro para eles é sempre um bom presente. Por mais que agora eles não entendam isso como um bom presente para o dia das crianças.

Qual o valor para começar a investir?

Muitos pais têm dúvidas sobre o valor correto para começar a investir na poupança das crianças. Não existe uma resposta para isso, mas o importante é que você realize um planejamento para poder saber o que você pode poupar para começar a investir no futuro dos seus filhos.

Isso é fundamental para evitar que durante o investimento, você não acabe prejudicando as suas finanças mensais. 

criança desenhando
Começar uma poupança para o seu filho desde os primeiros anos de vida dele é fundamental

E o valor que é aplicado mensalmente será maior que o valor poupado, depois de um determinado período. Mas é importante estar atento e alternar as formas que você investe, ou seja, diversificar a sua carteira de investimentos.

Lembre-se que você precisa escolher a melhor opção de investimento para você. E nem sempre abrir uma poupança para os pequenos é uma boa alternativa já que a rentabilidade dela está abaixo da inflação.

Como usar ações como poupança?

O que muita gente não sabe é que investir em ações pode ser uma excelente opção para quem deseja começar uma poupança para os filhos. Principalmente se a ideia for começar o projeto do zero, fazendo aportes regulares.

+ Poupança para menor de idade: como começar?

Seja ações ou através de fundos, investir em renda variável é uma das melhores formas de ter retorno e colocar em prática as suas propostas com a poupança do seu filho.

No entanto, embora seja uma boa opção, a escolha do investimento deve ser feita de acordo com o perfil de risco dos pais. Afinal, nem toda pessoa consegue fazer o caminho da renda variável.

Onde é melhor investir?

A resposta para essa pergunta é também muito variável, por dois motivos: pelo fato do mercado passar por muita instabilidade e por ele ter muitas opções. Dessa forma, as maneiras vão inúmeras e variadas.

+ Confira 7 investimentos com menos de R$100 para iniciantes

Por esse motivo, também, você precisa ter bastante cautela. Procurar um especialista é recomendado. Afinal, o investimento vai precisar alinhar suas expectativas, prazos e alguns hábitos: como disciplina e foco.

Exemplos de investimentos para o seu filho a longo prazo, e com aportes recorrentes, são:

  • Ações de empresas sólidas e com bom potencial de crescimento;
  • Ações de empresas pagadoras de dividendos;
  • Fundos Imobiliários.

Um dos melhores aliados neste processo será o tempo e o seu compromisso com o investimento. Ele precisará ser bem gerenciado para ter boas rentabilidades.

Este conteúdo te ajudou? Então continue acompanhando o FinanceOne e fique por dentro de tudo sobre investimentos e poupança, assim, seu filho vai ter ainda mais retorno no futuro.

O que achou disso?

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

Diga-nos, como podemos melhorar?

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui