Veja a cotação do Dólar Hoje, Euro hoje e Bitcoin hoje.

Conheça 8 itens que você não precisa pagar nunca mais

Escrito por: Tamires Silva em 11 de fevereiro de 2020

Já parou para pensar que alguns itens da sua lista de gastos mensais poderiam simplesmente não existir? Sim! Alguns serviços no Brasil são obrigatoriamente gratuitos e você não precisa pagar nunca mais por eles.

Um estudo feito pelo Serviço de Proteção do Crédito (SPC Brasil) mostra que 70,4% dos brasileiros admitem que realizam gastos desnecessários.

Isso engloba desde itens supérfluos até produtos e serviços que não precisariam ter sido pagos. Neste artigo você descobrirá quais são esses itens!

Descubra por quais serviços não pagar nunca mais, sem precisar abrir mão deles
Descubra por quais serviços não pagar nunca mais, sem precisar abrir mão deles

Por quais serviços você não precisa pagar nunca mais

1. Anuidade de cartão de crédito

A anuidade do cartão de crédito é uma espécie de taxa de manutenção, mas você não é obrigado a pagar por ela. Uma opção, se você já tem cartão, é negociar o valor ou, melhor ainda, pedir isenção total. Saiba como aqui!

Porém, existem diversas opções de cartões de crédito sem anuidade no mercado, como Neon, Nubank, Digio, Intermedium, entre outros. Mesmo sendo negativado, é possível conseguir um.

+ Cartão de crédito para negativado: é possível?

2. Passagens interestaduais

Pessoas com 60 anos ou mais não precisam pagar para viajar de ônibus entre os estados. As empresas são obrigadas a reservar dois assentos por viagem para esse público.

Por isso é preciso fazer reserva com antecedência. Também têm direito a esses benefícios pessoas de baixa renda e jovens, com até 29 anos.

Para isso é preciso ter o ID Jovem, ou Identidade Jovem, que também possibilita meia-entrada em eventos artístico-culturais e outros benefícios.

3. Tratamento para fumar

Outros serviços para não pagar nunca mais é o tratamento de tabagismo, que é oferecido pelo SUS. O processo engloba uma avaliação individual, passando depois por consultas individuais ou sessões de grupo de apoio.

Também são fornecidos medicamentos gratuitos para reduzir os sintomas da síndrome de abstinência à nicotina.

De acordo com o INCA – Instituto Nacional de Câncer, desde 2002 o Ministério da Saúde juntamente com as secretarias estaduais e municipais de Saúde organiza uma rede de unidades de saúde do SUS para oferecer tratamento para parar de fumar.

Para conseguir, é preciso procurar o coordenador do controle de tabagismo no seu Estado, município ou postos de saúde próximos.

4. Tarifa bancária

Você não é obrigado a pagar nunca mais qualquer tarifa a bancos ou instituições financeiras. Para isso, opte apenas pelos serviços básicos da conta.

Ou seja, com quatro saques, dois extratos impressos, duas transferências entre contas da mesma instituição e 12 folhas de cheque por mês.

Todos os bancos são obrigados a oferecer a conta essencial, estabelecida por decisão do Conselho Monetário Nacional (CMN). Acesso a serviços bancários essenciais sem a cobrança de tarifas é um direito de todos os brasileiros.

+ Em dois anos, tarifas bancárias subiram o dobro da inflação, diz Idec

Outros serviços para não pagar nunca mais

5. Advogado

Existem três formas de obter serviços de assessoria jurídica gratuitamente. Uma delas é pelo Juizado Especial Cível, que recebe ações de pequenas causas, ou seja, com valor é de até 20 salários mínimos.

Também é possível ter acesso a advogados por meio da Defensoria Pública, para entrar com ação judicial, se defender em um processo, resolver um acordo extrajudicial ou receber orientação jurídica. Os dois não atendem processos trabalhistas e previdenciários.

Por fim, existem faculdades de direito que oferecem atendimento em escritórios próprios. Nesses casos, é possível obter atendimento em ações mais caras e também em processos trabalhistas e previdenciários.

6. Suspender serviços enquanto viaja

De acordo com a Anatel, telefone fixo, banda larga, TV por assinatura ou mesmo aparelhos móveis, como celular ou tablet, podem ser cobranças suspensas durante o período de férias.

Você não pagará a mensalidade ou outras cobranças, nem pelo pedido de “ligar” ou “desligar”. Para isso, é preciso observar alguns critérios:

  • a suspensão deve durar de 30 a 120 dias;
  • é preciso estar em dia com as contas da prestadora do serviço; e
  • a suspensão só pode ser solicitada uma vez a cada 12 meses.

7. Água filtrada em restaurantes

Em diversos estados e municípios, restaurantes são obrigados por lei a oferecer água filtrada. É o caso, por exemplo, do Rio de Janeiro, Sergipe, São Paulo e outros lugares no país.

Consulte a legislação estadual ou da sua cidade para ver se o serviço também é gratuito onde mora.

+ Como proceder a cobranças abusivas nas contas de água, luz e telefone

8. Cursos online e presenciais

Talvez já saiba da existência de cursos, tanto online quanto presenciais, que são gratuitos. Mas é o tipo de informação que muitas vezes esquecemos e deixamos de aproveitar grandes oportunidades.

Desde aulas na área de beleza, como maquiagem e manicure, até outras áreas voltadas para tecnologia, eletrônica, comunicação. Pela internet é possível encontrar uma infinidade de opções seguras, como os cursos online da Fundação Bradesco, por exemplo.

Está pronto para não pagar nunca mais por esses serviços? Avalie hoje mesmo a sua lista de gastos mensais e descubra quais itens dela podem ser riscados sem que você perca o acesso a serviços que são importantes e até mesmo essenciais.

Tamires Silva

Jornalista atuando como repórter e produtora de conteúdo. Produz conteúdo para internet desde 2015.

Deixe uma resposta

Precisa converter?

A calculadora de conversão do FinanceOne fornece os últimos valores cotados para diversas moedas. Acesse agora!

Converter agora

Posts relacionados

imposto de renda
Opções para plano de saúde de cachorro
Nubank lança cartão de débito - Cartão de débito Nubank
nova CPMF
rescisão contratual