Conversor de moedas Transferência internacional

Veja a cotação do Dólar Hoje, Euro hoje e Bitcoin hoje.

Como funciona o empréstimo pra negativado

Escrito por: Mateus Carvalho em 22 de março de 2019

A onda de empréstimos no país tem crescido cada vez mais. No entanto, a grande dúvida é se um cliente com o nome sujo pode solicitar. Como funciona o empréstimo pra negativado? A pergunta é pertinente e tem resposta.

De acordo com a Serasa Experian, em um estudo realizado em 2014, cerca de 35 milhões de brasileiros encontravam-se na situação de inadimplência.

Um estudo mais recente mostra uma crescente nesses dados. Em 2016, de acordo com o Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), eram mais de 58,3 milhões de brasileiros nessa situação.

empréstimo para negativado

Os estudos consideravam dívidas atrasadas com mais de três meses e em valores acima de 200 reais. Os dados mostram que mais de 39% da população está com o nome sujo.

No entanto, mesmo com esse cenário é possível ter um pingo de esperança. Isso porque se você pretende ou necessita de fazer um empréstimo pessoal e está na situação de inadimplência, a sua situação pode ser resolvida.

A situação não é tão simples. Pois as instituições financeiras pretendem emprestar dinheiro para quem elas enxergam ter uma garantia que irá pagar. Mas é passível de compreensão e solução.

Como um negativado pode conseguir empréstimo?

Quem é funcionário público, aposentado ou pensionista na condição de negativado pode conseguir empréstimo em diversas empresas e instituições financeiras.

No entanto, essa pode ser uma medida um tanto quanto arriscada. Isso porque os juros transformam o valor em quase o dobro na hora de pagar.

Não é à toa que elas possuem até mesmo em seu slogan a frase “crédito para negativados”.

Mas, atenção: não é qualquer pessoa nessa condição que conseguirá adquirir o empréstimo.

A opção de empréstimo para negativados costuma ser dividida em duas modalidades, sendo a primeira reservada para servidores públicos, enquanto a outra é para aposentados e pensionistas.

Quem tem nome sujo e precisa de empréstimo tem de estar ciente de que sempre será uma medida arriscada.

Isso porque a taxa de juros para quem é negativado é alta. Por isso, é preciso analisar o custo benefício e avaliar se é vantagem.

Outra opção para os negativados é o empréstimo consignado, que garante o pagamento das parcelas para a devida instituição financeira.

Nessa opção, a chance de o cliente ter a sua solicitação de empréstimo, mesmo com o nome sujo, é bem maior do que nas outras modalidades.

Assim como em outros casos para clientes com nome limpo, o empréstimo consignado desconta as parcelas do empréstimo diretamente na folha de pagamento do cliente.

Essa é uma medida consideravelmente segura. Pois assim, o cliente não cai naquela de esquecer de pagar e entrar em uma bola de neve sem fim de juros em cima de juros.

São duas as opções mais comuns para quem quer um empréstimo consignado e está com o nome sujo: optar por uma taxa de juros maior ou optar pelo empréstimo consignado.

No entanto, em ambos os casos o aconselhável é estudar antes e colocar na ponta do lápis todos os custos e valores.

Assimilar o que será vantagem e o que será prejuízo. Além disso, verificar se não será ainda pior do que estava antes, sem o empréstimo.

Outras formas de pegar empréstimo

Se você se encontra na condição de inadimplente e não consegue um empréstimo de jeito nenhum, talvez esteja na hora de buscar outras formas.

Ou seja, outra saída que possa lhe custar menos, com tarifas menores. O fato de não conseguir um empréstimo em uma instituição financeira por esse motivo não é desesperador.

Pelo contrário, você pode estar se livrando de precisar pagar por juros altíssimos e, mais na frente, piorar a sua situação precisando pedir novos empréstimos.

Se empacar em algum obstáculo, seja documentação ou qualquer tipo de burocracia, tente métodos mais simples. Confira algumas dicas a seguir.

Fale com um parente ou conhecido: tente o empréstimo com uma pessoa de confiança.

Explique a ela sua situação e demonstre confiança para que ela possa perceber em você uma segurança de que pode emprestar sem medo.

No entanto, fuja de agiotas! As dicas para procurar outras formas de conseguir empréstimos não englobam essa opção.

Na hora do desespero, essa alternativa pode até passar pela sua cabeça, mas não deve nem ser cogitada a prática.

A oferta pode ser boa, sem precisar de comprovantes e sem juros altos, mas o desfecho disso tudo é o pior possível.

A falta de paz e desconforto serão constantes.

Mateus Carvalho

Jornalista formado pela Unicarioca. Atualmente, repórter da Folha Dirigida e produtor de conteúdo no FinanceOne. Já fui colaborador do Torcedores.com.

Deixe um comentário

Precisa converter?

A calculadora de conversão do FinanceOne fornece os últimos valores cotados para diversas moedas. Acesse agora!

Converter agora

Posts relacionados

Como identificar (e fugir) de um esquema de pirâmide?
cartão-de-crédito-consignado-sem-anuidade
voos cancelados da Avianca
consórcio de dinheiro
organizar-as-finanças-depois-das-férias