Mais
    InícioNotíciasFinanças PessoaisImposto de Renda: veja como consultar se caiu na malha fina

    Imposto de Renda: veja como consultar se caiu na malha fina

    0
    (0)

    O contribuinte já tem como saber se caiu na malha fina do Imposto de Renda. Para isso é preciso consultar o status da sua declaração e descobrir qual a pendência.

    Publicidade

    Quem declara o Imposto de Renda deve ficar de olho e verificar se a sua declaração deu certo para evitar problemas mais sérios com o Fisco. Mas como consultar se você caiu na malha fina? A gente explica o passo a passo para você ficar de bem com o fisco.

    O que é a malha fina?

    “Cair na malha fina” significa a retenção da declaração do Imposto de Renda por alguma razão. Que podem ser, por exemplo, a divergência de valores, omissão de rendimentos, preenchimento incorreto das informações são alguns dos motivos mais comuns que fazem os contribuintes caírem na malha fina.

    Outra situação frequente, porém, é quando não há documentos suficientes que comprovem as informações declaradas à Receita. Em qualquer um destes casos, a Receita Federal retém sua declaração.

    Imposto de Renda: como saber se caí na malha fina?

    Para descobrir se você um contribuinte caiu ou não na malha fina é muito simples. Para verificar, basta acessar a seção “pendências de malha” no extrato da declaração. Nesta opção, é possível descobrir o motivo pelo qual a declaração foi retida e o que deve ser corrigido ou/e comprovado.

    A seguir, veja o passo a passo para seguir o extrato da declaração do Imposto de Renda:

    Publicidade
    • Acesse o portal e-Cac da Receita Federal e cadastre-se com seus documentos e recibo de entrega da declaração;
    • Depois de fazer o cadastro, clique em “Meu Imposto de Renda”;
    • Em seguida, clique em “Processamento” e depois em “Pendências da Malha”.

    Se houver qualquer tipo de pendência com o Leão, ela aparecerá nesta seção.

    celular com a logo da Receita Federal
    Imposto de Renda: saiba se caiu na malha fina e o que fazer

    O que acontece se cair na malha?

    O ideal, de acordo com os especialistas, é o contribuinte verificar a situação da declaração do Imposto de Renda assim que entregar para saber se está tudo certo. Dessa forma, caso haja algum erro, a correção pode ser feita facilmente no sistema, através da retificação da declaração.

    No entanto, quando o contribuinte não verifica o sistema e não sabe se está na malha fina, ele pode ser convocado pela Receita Federal para prestar esclarecimentos. Essa notificação, por exemplo, costumava ser feita por meio do correio. Agora, por causa da pandemia do coronavírus, todo o processo é virtual.

    Para isso, o contribuinte recebe uma notificação avisando que precisa prestar esclarecimentos. A notificação pode ser enviada através de mensagem ou por e-mail informado na identificação do contribuinte.

    + Lote residual do Imposto de Renda: o que é e como consultar

    É possível corrigir a declaração?

    Sim! Vale lembrar que se a declaração cair na malha fina e for corrigida, nada acontece com o contribuinte. No entanto, a restituição do Imposto de Renda fica presa até que seja feita a retificação na declaração. Isto é, quanto antes o contribuinte corrigir a declaração, melhor!

    Publicidade

    Além disso, caso o contribuinte não faça a retificação ou ela seja insuficiente, a Receita Federal pode cobrar o imposto devido mais 75% de multa sobre o valor total e juros.

    Caso haja, de fato, algum erro na declaração, o contribuinte pode enviar uma declaração retificadora, desde que ainda não tenha sido notificado sobre a malha fina.

    Além disso, também é possível enviar os documentos referentes ao erro por intermédio do DDA. Todos esses documentos passarão por uma verificação do auditor da Receita Federal.

    No caso de haver alguma tributação a mais, o valor será descontado da sua restituição. Se não houver restituição prevista e você estiver devendo algum imposto ao governo, deverá gerar um Documento de Arrecadação de Receitas Federais (DARF) e pagá-lo o quanto antes.

    Este conteúdo ajudou você? Então compartilhe com alguém que declarou Imposto de Renda e precisa dessas informações sobre malha fina.

    Publicidade

    *Colaboração: Isabella Mercedes

    O que achou disso?

    Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

    Seja o primeiro a avaliar este post.

    Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

    Diga-nos, como podemos melhorar?

    Redação
    Redação
    O FinanceOne é um site especializado em finanças. Desde 2003, publicamos conteúdos que buscam traduzir desde a influência do mercado financeiro no seu dia a dia até a simples economia dentro de casa. Nossa missão é mostrar que qualquer pessoa pode ter controle financeiro e fazer as escolhas certas. Assim como ter no dinheiro um aliado para viver bem e conquistar seus sonhos.

    Artigos Relacionados

    Assine nossa newsletter!

    Páginas Populares

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    InícioNotíciasFinanças PessoaisImposto de Renda: veja como consultar se caiu na malha fina

    Imposto de Renda: veja como consultar se caiu na malha fina

    0
    (0)

    O contribuinte já tem como saber se caiu na malha fina do Imposto de Renda. Para isso é preciso consultar o status da sua declaração e descobrir qual a pendência.

    Publicidade

    Quem declara o Imposto de Renda deve ficar de olho e verificar se a sua declaração deu certo para evitar problemas mais sérios com o Fisco. Mas como consultar se você caiu na malha fina? A gente explica o passo a passo para você ficar de bem com o fisco.

    O que é a malha fina?

    “Cair na malha fina” significa a retenção da declaração do Imposto de Renda por alguma razão. Que podem ser, por exemplo, a divergência de valores, omissão de rendimentos, preenchimento incorreto das informações são alguns dos motivos mais comuns que fazem os contribuintes caírem na malha fina.

    Outra situação frequente, porém, é quando não há documentos suficientes que comprovem as informações declaradas à Receita. Em qualquer um destes casos, a Receita Federal retém sua declaração.

    Imposto de Renda: como saber se caí na malha fina?

    Para descobrir se você um contribuinte caiu ou não na malha fina é muito simples. Para verificar, basta acessar a seção “pendências de malha” no extrato da declaração. Nesta opção, é possível descobrir o motivo pelo qual a declaração foi retida e o que deve ser corrigido ou/e comprovado.

    A seguir, veja o passo a passo para seguir o extrato da declaração do Imposto de Renda:

    Publicidade
    • Acesse o portal e-Cac da Receita Federal e cadastre-se com seus documentos e recibo de entrega da declaração;
    • Depois de fazer o cadastro, clique em “Meu Imposto de Renda”;
    • Em seguida, clique em “Processamento” e depois em “Pendências da Malha”.

    Se houver qualquer tipo de pendência com o Leão, ela aparecerá nesta seção.

    celular com a logo da Receita Federal
    Imposto de Renda: saiba se caiu na malha fina e o que fazer

    O que acontece se cair na malha?

    O ideal, de acordo com os especialistas, é o contribuinte verificar a situação da declaração do Imposto de Renda assim que entregar para saber se está tudo certo. Dessa forma, caso haja algum erro, a correção pode ser feita facilmente no sistema, através da retificação da declaração.

    No entanto, quando o contribuinte não verifica o sistema e não sabe se está na malha fina, ele pode ser convocado pela Receita Federal para prestar esclarecimentos. Essa notificação, por exemplo, costumava ser feita por meio do correio. Agora, por causa da pandemia do coronavírus, todo o processo é virtual.

    Para isso, o contribuinte recebe uma notificação avisando que precisa prestar esclarecimentos. A notificação pode ser enviada através de mensagem ou por e-mail informado na identificação do contribuinte.

    + Lote residual do Imposto de Renda: o que é e como consultar

    É possível corrigir a declaração?

    Sim! Vale lembrar que se a declaração cair na malha fina e for corrigida, nada acontece com o contribuinte. No entanto, a restituição do Imposto de Renda fica presa até que seja feita a retificação na declaração. Isto é, quanto antes o contribuinte corrigir a declaração, melhor!

    Publicidade

    Além disso, caso o contribuinte não faça a retificação ou ela seja insuficiente, a Receita Federal pode cobrar o imposto devido mais 75% de multa sobre o valor total e juros.

    Caso haja, de fato, algum erro na declaração, o contribuinte pode enviar uma declaração retificadora, desde que ainda não tenha sido notificado sobre a malha fina.

    Além disso, também é possível enviar os documentos referentes ao erro por intermédio do DDA. Todos esses documentos passarão por uma verificação do auditor da Receita Federal.

    No caso de haver alguma tributação a mais, o valor será descontado da sua restituição. Se não houver restituição prevista e você estiver devendo algum imposto ao governo, deverá gerar um Documento de Arrecadação de Receitas Federais (DARF) e pagá-lo o quanto antes.

    Este conteúdo ajudou você? Então compartilhe com alguém que declarou Imposto de Renda e precisa dessas informações sobre malha fina.

    Publicidade

    *Colaboração: Isabella Mercedes

    O que achou disso?

    Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

    Seja o primeiro a avaliar este post.

    Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

    Diga-nos, como podemos melhorar?