Conversor de moedas Transferência internacional

Veja a cotação do Dólar Hoje, Euro hoje e Bitcoin hoje.

Passo a passo: como fazer uma planilha de gastos com cartão de crédito

Escrito por: Priscila Gomes em 14 de dezembro de 2018

O cartão de crédito tem tido cada vez mais espaço no dia a dia das pessoas. É comum ouvir “crédito ou débito?” em alguma fila, seja a do mercado ou até mesmo a da lanchonete da esquina. É fato que usar o cartão de crédito é mais simples, mas você sabe organizar as finanças do cartão?

Neste artigo, você poderá conferir os erros que mais causam dor de cabeça nos usuários do cartão e aprenderá a fazer sua própria planilha para gastos com o cartão de crédito.

Como fazer uma planilha de gastos com cartão de crédito

Erros que você não pode cometer com o cartão de crédito

Entre as coisas que comprometem o planejamento financeiro está a dívida do cartão de crédito. Isso acontece por dois grandes fatores: descontrole nas compras e altas taxas de juros. Por isso, todo cuidado ao comprar com o cartão é pouco, ainda mais em relação ao parcelamento.

De fato, o mau hábito de consumo é o que mais faz as famílias entrarem no vermelho. Quem nunca disse frases como “Ah, um milk-shake não mata ninguém” ou “Só vou comprar essa blusa e pronto” não sabe o que é ver as contas no fim do mês e se chocar com os valores, certo?

E é aí que a lista dos maiores erros no uso do cartão pode te ajudar. Confira os hábitos vistos como normais, mas que são grandes erros que uma hora ou outra prejudicarão severamente o orçamento mensal:

– Fatura com um valor muito alto

Você pode até pagar a fatura antes do vencimento para evitar os juros e inadimplência, mas ainda tem que arcar com um valor muito grande na fatura. O problema de utilizar ais de 50% dos gastos com o cartão compromete – e muito – a realização de outras metas financeiras como viagens.

O ideal é usar o cartão de crédito apenas para emergências e não como mini empréstimo pessoal todos os meses ou formas de empurrar gastos para o próximo mês.

– Utilizar o cartão para gastos supérfluos

O correto, de acordo com especialistas, é que o cartão seja utilizado apenas para compras emergenciais e grandes. O indicado é que seja para a aquisição de bens realmente necessários como eletrodomésticos e outros itens indispensáveis.

Fazer compras pequenas no cartão deve estar fora de cogitação porque aumenta as chances de endividamento. Se conseguir evitar esse tipo de despesa, os riscos de descontrole nas compras também serão menores.

– Parcelar as compras em poucas vezes

Sentimos muito em dizer que não parcelar compras não significa saúde financeira. Nem sempre parcelar em poucas vezes é a melhor decisão, principalmente quando não se tem um planejamento e um acompanhamento das finanças.

Ao parcelar em poucas vezes, duas coisas são possíveis: 1) ficar com a fatura mais cara do que imaginava; 2) não sobrar dinheiro para demais pagamentos do mês. Qualquer opção será prejudicial para o orçamento.

– Usar o cartão e ficar sem dinheiro para o mês

Se mais da metade ou até mesmo todo seu salário é direcionado ao pagamento da fatura do cartão, há problemas no seu planejamento financeiro. Tente, aos poucos, mudar a forma de uso do cartão para cobrir alguma despesa adicional.

O cartão de crédito deve ser um aliado das finanças e não um inimigo. É preciso que haja controle e equilíbrio todos os meses. Crie o planejamento abaixo para que possa ter melhor administração das finanças pessoais.

Faça sua própria planilha de gastos com cartão de crédito

O objetivo aqui é facilitar sua vida, por isso, a planilha é muito simples e fácil de ser montada. Siga o seguinte tutorial com quatro passos para fazer a sua.

1. Encontre uma ferramenta

O melhor programa para criação de planilhas é o Excel que também tem sua versão online, onde é possível administrar de qualquer lugar. Escolha a que se sentir mais à vontade e que possibilite juntar todas as informações necessárias.

Como fazer uma planilha de gastos com cartão de crédito

2. Organize os meses

Coloque os meses um ao lado do outro na horizontal, conforme a imagem. É interessante listar os meses desta forma para que haja melhor organização e manuseamento da planilha. Mas ela pode ser feita da forma que achar mais adequada.

Como fazer uma planilha de gastos com cartão de crédito

3. Liste as dívidas

Comece a organizar seus gastos diários com o cartão de crédito. Se foi ao supermercado, lanchonete, cinema ou qualquer outro estabelecimento, coloque na planilha junto dos valores utilizados. Se tiver dois cartões de crédito, liste as compras em cada um deles para melhor aproveitamento.

Como fazer uma planilha de gastos com cartão de crédito

4. Some e controle

À medida que os dias forem passando, some os gastos por meio da fórmula do próprio aplicativo. Dessa forma, conseguirá controlar mais as finanças e o que gasta em cada cartão. É possível ficar de olho nos gastos e analisar no futuro a maneira com que lida com o benefício.

Como fazer uma planilha de gastos com cartão de crédito

Conte para nós o principal problema na organização das finanças com o cartão? E se quiser uma ajuda especial, baixe nosso ebook gratuito 25 dicas para usar melhor o cartão de crédito!

Priscila Gomes

Jornalista. Gosto de abraços, aniversários e do Natal. Atualmente produzo conteúdo para internet e faço assessoria sindical.

Deixe um comentário

Precisa converter?

A calculadora de conversão do FinanceOne fornece os últimos valores cotados para diversas moedas. Acesse agora!

Converter agora

Posts relacionados

Como identificar (e fugir) de um esquema de pirâmide?
cartão-de-crédito-consignado-sem-anuidade
voos cancelados da Avianca
consórcio de dinheiro
organizar-as-finanças-depois-das-férias