Mais
    InícioNotíciasEmpreendedorismoSaiba quanto custa abrir uma empresa

    Saiba quanto custa abrir uma empresa

    0
    (0)

    Empreender continua sendo o sonho de muita gente em 2022. Estima-se que, pelo menos 50 milhões de brasileiros desejam abrir um negócio nos próximos três anos. Mas, afinal, quanto custa abrir uma empresa?

    Essa é uma pergunta que possui muitas variantes. Isso tudo vai depender de mais informações como a área de atuação, porte da empresa, além do segmento em que a empresa atuará. Ou seja, abrir uma empresa requer um levantamento inicial!

    Há ainda outros fatores como a existência de uma unidade física, o pagamento de impostos, despesas referentes a serviços básicos, entre outros.

    No entanto, não veja todas essas variantes como cobranças ou impedimentos. Atualmente todas essas despesas estão cada vez mais facilitadas, colaborando para o surgimento de novos empreendedores no mercado.

    Ficou curioso para saber o quanto custa abrir uma empresa no Brasil? Então continue a leitura. Vamos ajudar você a entender melhor como funciona esse processo e quais são as burocracias relacionadas a essa situação. Confira!

    Pessoa abrindo sua própria empresa
    Dependendo da sua área de atuação, é possível começar sua empresa de casa!

    Conhecendo tipos de empresa:

    Antes de mais nada, é preciso entender qual o tipo de empresa que você pretende abrir. Essa é uma etapa muito importante porque diz respeito à natureza jurídica da empresa assim como ao regime tributário.

    Entre as principais opções ao abrir uma empresa estão:

    • MEI: uma das modalidades iniciantes de empresa, o Microempreendedor Individual é voltado para pequenos empreendedores. Possui regime tributário facilitado e não permite sociedade. Ideal para aqueles que possuem arrecadação anual de até 81 mil reais;
    • Microempresa (ME): já a microempresa é um pequeno negócio que possibilita a contratação de até 19 funcionários. Seu rendimento bruto anual precisa ser de até R$360 mil;
    • Empresa Individual de Responsabilidade Limitada (EIRELI): outra possibilidade de empresa para aqueles que querem abrir uma empresa é a EIRELI. Esse é um tipo de empresa que não permite quadro societário, mas é aceita no Simples Nacional. Opção muito boa para quem quer empreender mas não se encaixa nos requisitos do MEI;
    • Sociedade Limitada (Ltda): já para quem possui a intenção de criar uma empresa com outras pessoas, as empresas de sociedade limitada são ótimas, mas envolvem um custo maior.

    Cada uma dessas opções de empresa possui custos diferentes que variam de estado para estado. Por isso, vale a pena estudar todas as possibilidades de empresas existentes no Brasil para entender a que melhor se adequa a sua realidade de negócio.

    Ainda assim, é possível que um empreendedor gaste em média de R$500 a R$1.500 para abrir seu CNPJ, incluindo já os custos de documentação e da contratação de um contador para dar início ao trâmite.

    + Balcão Único: o que é e como funciona

    Principais gastos de uma empresa:

    Ao abrir uma empresa, seus principais custos serão relacionados a documentação. Entre eles estão:

    • Documento de Arrecadação de Receitas Estaduais (DARE);
    • Documento de Arrecadação de Receitas Federais (DARF);
    • Junta Comercial;
    • Certificado Digital.

    Há ainda os custos de aluguel, compra de equipamentos, contas básicas como energia, água e internet, salário de colaboradores e os impostos da empresa.

    Como dito anteriormente, é impossível estimar os custos de abrir uma empresa. Mas existem três custos importantes e essenciais para colocar uma empresa em funcionamento.

    Estimando o quanto você pode gastar com cada um, fica mais fácil colocar a mão na massa e abrir o seu próprio negócio. Confira!

    • investimento fixo: gasto correspondente à infraestrutura do negócio. Por exemplo: móveis, máquinas, decoração, estoque inicial, etc;
    • investimento pré-operacional: é relacionado a ações que devem ser tomadas para que a empresa comece a funcionar. Entre eles, estão: o registro de marca, aquisição de sistemas, legalização da empresa, treinamento, site, divulgação, entre outros;
    • capital de giro: é o valor que a empresa precisa ter em caixa para funcionar mensalmente, pagando os salários, contas , impostos, fornecedores e custos de produção.

    Gostou do nosso conteúdo? Que tal compartilhar com alguém que pretende abrir uma empresa mas não sabe por onde começar?

    O que achou disso?

    Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

    Seja o primeiro a avaliar este post.

    Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

    Diga-nos, como podemos melhorar?

    Loyane Lapa
    Loyane Lapa
    Carioquíssima de Campo Grande, com um pézinho em São Paulo. Jornalista, Produtora de Conteúdo e [insira aqui outras funcionalidades de um jornalista]. Apaixonada por livros, filmes e pelo universo cultural. Curiosa e antenada nas novidades do mercado financeiro.

    Artigos Relacionados

    Assine nossa newsletter!

    Páginas Populares

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    InícioNotíciasEmpreendedorismoSaiba quanto custa abrir uma empresa

    Saiba quanto custa abrir uma empresa

    0
    (0)

    Empreender continua sendo o sonho de muita gente em 2022. Estima-se que, pelo menos 50 milhões de brasileiros desejam abrir um negócio nos próximos três anos. Mas, afinal, quanto custa abrir uma empresa?

    Essa é uma pergunta que possui muitas variantes. Isso tudo vai depender de mais informações como a área de atuação, porte da empresa, além do segmento em que a empresa atuará. Ou seja, abrir uma empresa requer um levantamento inicial!

    Há ainda outros fatores como a existência de uma unidade física, o pagamento de impostos, despesas referentes a serviços básicos, entre outros.

    No entanto, não veja todas essas variantes como cobranças ou impedimentos. Atualmente todas essas despesas estão cada vez mais facilitadas, colaborando para o surgimento de novos empreendedores no mercado.

    Ficou curioso para saber o quanto custa abrir uma empresa no Brasil? Então continue a leitura. Vamos ajudar você a entender melhor como funciona esse processo e quais são as burocracias relacionadas a essa situação. Confira!

    Pessoa abrindo sua própria empresa
    Dependendo da sua área de atuação, é possível começar sua empresa de casa!

    Conhecendo tipos de empresa:

    Antes de mais nada, é preciso entender qual o tipo de empresa que você pretende abrir. Essa é uma etapa muito importante porque diz respeito à natureza jurídica da empresa assim como ao regime tributário.

    Entre as principais opções ao abrir uma empresa estão:

    • MEI: uma das modalidades iniciantes de empresa, o Microempreendedor Individual é voltado para pequenos empreendedores. Possui regime tributário facilitado e não permite sociedade. Ideal para aqueles que possuem arrecadação anual de até 81 mil reais;
    • Microempresa (ME): já a microempresa é um pequeno negócio que possibilita a contratação de até 19 funcionários. Seu rendimento bruto anual precisa ser de até R$360 mil;
    • Empresa Individual de Responsabilidade Limitada (EIRELI): outra possibilidade de empresa para aqueles que querem abrir uma empresa é a EIRELI. Esse é um tipo de empresa que não permite quadro societário, mas é aceita no Simples Nacional. Opção muito boa para quem quer empreender mas não se encaixa nos requisitos do MEI;
    • Sociedade Limitada (Ltda): já para quem possui a intenção de criar uma empresa com outras pessoas, as empresas de sociedade limitada são ótimas, mas envolvem um custo maior.

    Cada uma dessas opções de empresa possui custos diferentes que variam de estado para estado. Por isso, vale a pena estudar todas as possibilidades de empresas existentes no Brasil para entender a que melhor se adequa a sua realidade de negócio.

    Ainda assim, é possível que um empreendedor gaste em média de R$500 a R$1.500 para abrir seu CNPJ, incluindo já os custos de documentação e da contratação de um contador para dar início ao trâmite.

    + Balcão Único: o que é e como funciona

    Principais gastos de uma empresa:

    Ao abrir uma empresa, seus principais custos serão relacionados a documentação. Entre eles estão:

    • Documento de Arrecadação de Receitas Estaduais (DARE);
    • Documento de Arrecadação de Receitas Federais (DARF);
    • Junta Comercial;
    • Certificado Digital.

    Há ainda os custos de aluguel, compra de equipamentos, contas básicas como energia, água e internet, salário de colaboradores e os impostos da empresa.

    Como dito anteriormente, é impossível estimar os custos de abrir uma empresa. Mas existem três custos importantes e essenciais para colocar uma empresa em funcionamento.

    Estimando o quanto você pode gastar com cada um, fica mais fácil colocar a mão na massa e abrir o seu próprio negócio. Confira!

    • investimento fixo: gasto correspondente à infraestrutura do negócio. Por exemplo: móveis, máquinas, decoração, estoque inicial, etc;
    • investimento pré-operacional: é relacionado a ações que devem ser tomadas para que a empresa comece a funcionar. Entre eles, estão: o registro de marca, aquisição de sistemas, legalização da empresa, treinamento, site, divulgação, entre outros;
    • capital de giro: é o valor que a empresa precisa ter em caixa para funcionar mensalmente, pagando os salários, contas , impostos, fornecedores e custos de produção.

    Gostou do nosso conteúdo? Que tal compartilhar com alguém que pretende abrir uma empresa mas não sabe por onde começar?

    O que achou disso?

    Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

    Seja o primeiro a avaliar este post.

    Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

    Diga-nos, como podemos melhorar?