Início E-commerce Veja o passo a passo para criar uma loja online

Veja o passo a passo para criar uma loja online

0
(0)

Você tem um negócio? Quer investir no e-commerce? Em época de isolamento social, vender online é fundamental, mas como fazer isso? Como criar uma loja online do zero? Esse processo pode parecer difícil, mas não é.

Além disso, existem diversas vantagens ao criar uma loja online e vender por meio dela. Sendo a principal delas que é mais barato do que abrir uma loja física.

Outro benefício é que você pode vender para o país inteiro, podendo aumentar as suas vendas.

Marketing Digital
Criar uma loja online é alternativa para quem quer aumentar as vendas

Mas antes de criar uma loja online, é importante estar atento em alguns pontos, como a plataforma a ser utilizada, as formas de pagamento, o suporte. Além da segurança e sistema de anti-fraude do site.

Todas essas características irão dar uma maior credibilidade e segurança para que os clientes possam adquirir os seus produtos e/ou serviços por meio do site da sua loja. Neste conteúdo você irá ler:

Conheça as vantagens de criar uma loja online
Passo a passo para criar uma loja online
Go Daddy é uma das plataformas para criar uma loja online

Conheça as vantagens de criar uma loja online

Antes de você conhecer o passo a passo para criar a sua loja online, é necessário saber as vantagens que ela irá lhe trazer. Confira abaixo!

1) Investimento inicial baixo

Abrir uma loja física, além de ser trabalhoso, é necessário ter um alto investimento para que a loja fique bem localizada. Também existem os gastos extras com a documentação e burocracia.

Enquanto a loja virtual não tem tanta burocracia. É necessário somente comprar um domínio, escolher uma plataforma de e-commerce e criar um layout funcional. Além de oferecer diferentes formas de pagamento.

Sendo assim, o investimento em uma loja virtual é menor, quando comparado a uma loja física.

2) Loja funcionando 24 horas por dia

Ao ter uma loja virtual, o seu negócio estará disponível para os consumidores 24 horas por dia, fazendo com que o seu cliente conheça e escolha os produtos sem sair de casa. 

Lembre-se que as pessoas estão priorizando e buscando facilidade e agilidade. Por isso, observe sempre o comportamento dos seus clientes e aproveite o momento para aumentar as suas vendas.

3) Maior alcance dos consumidores

Tendo uma loja virtual, o seu negócio consegue alcançar um grande número de pessoas em qualquer lugar do planeta. Isso porque todas as pessoas que estão na internet poderão realizar as compras sem dificuldades.

Essa também é uma oportunidade para você inserir os produtos e/ou serviços do seu negócio no comércio exterior. Aumentando os seus potenciais clientes.

Passo a passo para criar uma loja online

1º passo: registre o domínio da sua loja

O domínio, mais conhecido como URL, do site é o seu endereço na web. Lembre-se que ele deve ser único e identificar a sua loja, no meio de tantas outras. E não somente para o Brasil, mas para o mundo todo.

E para escolher o domínio você deve levar alguns quesitos em consideração, como usar o nome da marca junto a uma palavra-chave que defina o seu negócio. Isso irá ajudar a posicionar melhor o seu site nos mecanismos de busca.

Outra dica é que você adote nomes curtos e fáceis de serem lembrados. Evite caracteres especiais e termos estrangeiros. Dessa forma, será fácil que as pessoas procurem pela sua loja na internet.

Além disso, prefira domínios que terminem em “.com.br” para garantir um melhor posicionamento regional. Assim, os mecanismos de busca identificam a localização do seu host e dão preferências aos resultados nacionais.

2º passo: procure um servidor que seja bom

Após realizar o registro do domínio, será necessário hospedá-lo em um servidor. Existem diversas empresas que oferecem hospedagens de sites. Para escolher, você deverá levar em consideração alguns requisitos.

Como por exemplo, a capacidade de armazenamento, que conforme insere produtos e serviços na loja, aumenta de tamanho. E isso acaba exigindo um maior espaço no servidor. Por isso verifique a expansão do seu e-commerce.

O limite de tráfego é outro requisito a ser avaliado, já que ele não poderá ter um limite para que o site não fique fora do ar. Sendo assim, verifique a amplitude do limite de tráfego do site.

Além disso, cada servidor conta com uma disponibilidade que corresponde ao tempo em que ele fica no ar sem nenhum problema. Quanto maior for a taxa, maior será a garantia de que sua loja não ficará fora do ar.

Outra informação a ser analisada é o suporte do servidor. Se acontecer um problema, você conseguirá resolvê-lo? Procure por aqueles que oferecem atendimento 24 horas.

Também é necessário avaliar o preço desse servidor. Um serviço de hospedagem de qualidade nem sempre é caro. Por isso, faça comparativos e analise tudo o que for necessário.

3º passo: analise as formas de receber pagamentos

Esse é um dos pontos principais a ser avaliado por quem escolhe ter uma loja virtual. Diferentemente das lojas presenciais, nesse caso todo o procedimento será online. Mas, como será feito?

É possível escolher entre: intermediadores de pagamentos; gateways de pagamentos; e integração direta com a adquirente.

Os intermediadores são bem mais simples e o mais recomendável para quem está começando. Eles cobram taxas fixas por transação mais uma variável sobre o valor da venda.

Já os gateways, oferecem soluções buscadas para pagamentos, com conexão bem mais estável. Esse, cobra apenas uma taxa fixa de transação, mas o lojista terá que contratar outros serviços adicionais.

venda de produtos
Ao criar uma loja online é preciso estar atento a algumas características do site

A integração, por sua vez, é sugerida mais a lojistas experientes, que tenham equipes disponíveis para desenvolvimento com o entendimento de segurança.

4º passo: atente-se ao anti-fraude

Pode parecer bobeira, mas esse é um assunto que ninguém deve negligenciar. Isso porque receber pagamentos através da internet requer todo o cuidado e preocupação adicional, mesmo que fuja do padrão e do necessário.

Tudo isso para evitar possíveis fraudes. Já pensou o seu cliente comprar com um cartão de crédito roubado.

E você, sem saber, enviar o produto a ele em um fluxo normal de vendas, mas alguns dias após o pagamento via seguradora do cartão é desfeito.

O seu saldo vai ser zero, sem dinheiro e sem o produto. E por isso a importância da anti-fraude. No caso do intermediador de pagamentos, ele mesmo já se preocupa com essa questão. Já os demais, precisam de cuidado redobrado.

5º passo: preocupe-se com a segurança do site

Ao criar a sua loja virtual você deve, sobretudo, se preocupar com a segurança dela. O motivo principal é o fato de prezar pela segurança dos dados dos seus clientes.

Os dois tipos de segurança fundamentais no e-commerce são:

-> SSL (Secure Socket Layer);
-> Scan de aplicação e IP.

6º passo: invista em estratégias de marketing

Essa etapa é fundamental, embora muitas empresas no início enxerguem como secundária. Afinal, como você vai fazer um bom trabalho e não vai divulgá-lo?

A internet possibilita o cliente de fazer, ele próprio, um trabalho de marketing digital, ou até mesmo terceirizar o serviço.

É possível gerar tráfego por meio de conteúdos, redes sociais, Google Adwords, aumento de conversão e e-mail marketing.

7º passo: tenha um suporte eficaz

Com as primeiras visitas no seu site, é preciso se preocupar em como você manterá o seu cliente e, também, como cuidará dos problemas dele.

Essa ação é importante no durante, pré e pós-venda. É raro uma empresa funcionar 100% bem sem um serviço de suporte ao cliente.

8º passo: preocupe-se com logística e frete

A finalização da compra é muito importante para o cliente, para que ele saia satisfeito e disposto a indicá-lo a outras pessoas.

Por isso, para se ter sucesso na empresa, tenha um planejamento de como adotar e invista em logística de entrega e fretes.

Em tese, é possível realizar por meio dos Correios ou por transportadoras. O meio mais simples de começar é pelos Correios, mas a outra opção é bem mais estável e não limitável.

Go Daddy é uma das plataformas para criar uma loja online

Você já conhece as vantagens e o passo a passo para criar uma loja online, se convenceu e está querendo criar a sua? Existem diversas plataformas que te ajudam com isso. Uma delas é a Go Daddy.

Com ela é possível ter um domínio próprio, criar um site e fazer a hospedagem de forma simples e ágil. Além de a empresa oferecer todos os componentes necessários para criar uma presença online do seu negócio.

Quem quiser somente ter o próprio domínio pagará no primeiro ano o valor de R$19,90. Caso você queira ainda ter um e-mail profissional, será preciso pagar R$3,99 por mês por cada usuário.

Uma vantagem do Go Daddy é que você consegue criar um site em até uma hora de forma gratuita. Mas para isso, é necessário realizar um cadastro na plataforma. Cadastre-se já!

O que achou disso?

Deixei sua classificação

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Seja o primeiro a avaliar este post.

Mateus Carvalho
Jornalista de profissão e apaixonado por Marketing Digital. Já foi redator de jornal impresso, atualmente escrevo para o digital e tenho sede por empreender. Escrever é a minha maior paixão e quando não estou digitando estou pensando em digitar. Carioca, vascaíno e apaixonado por memes.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -

5 erros mais comuns ao usar cartão de crédito

Você já se complicou alguma vez utilizando o cartão de crédito? Ficou com preocupação com a fatura do próximo mês? Se a...

6 opções para trabalhar como freelancer aos finais de semana

Está em busca de aumentar a sua renda ou a da sua família nas horas vagas? Uma alternativa é ser freelancer aos...

Descubra 5 ferramentas semelhantes ao PIX

Pagamento via QR Code, transferências rápidas e que podem ser feitas 24 horas por dia, sete dias na semana: o Pix é...

Como calcular quanto você precisa de renda extra

Em tempos de crise econômica, conseguir uma renda extra se torna o objetivo de muitos profissionais. No entanto, algumas pessoas não conseguem...

Como reclamar uma cobrança bancária indevida

Uma das maiores reclamações de consumidores com relação às instituições financeiras é a cobrança bancária indevida. Esse ainda é um problema recorrente, mas que...

4 vantagens do Open Banking para clientes e empresas

Antes de descobrir quais as vantagens do Open Banking para clientes e empresas, você precisa saber o que é essa nova realidade...