Conversor de moedas Transferência internacional

Veja a cotação do Dólar Hoje, Euro hoje e Bitcoin hoje.

3 investimentos que prometem boa rentabilidade em 2019

Escrito por: Priscila Gomes em 22 de fevereiro de 2019

Desde que o Brasil vive uma crise econômica, iniciada em 2016, o desemprego tem assolado o país e deixado os trabalhadores muito inseguros quanto a dependência do setor privado como meio de sustento.

A partir desse período, investir no mercado financeiro tem se tornado uma interessante alternativa para o ganho de uma renda extra, como uma forma de segurança financeira.

Por essa razão, entender sobre aplicações e investimentos nos dias de hoje tem se tornado uma habilidade importante. Conheça 3 investimentos que prometem boa rentabilidade em 2019.

3 investimentos que prometem boa rentabilidade em 2019

Estratégias de investimento

Quando se trata de investimentos uma pessoa comum, que não está ativamente envolvida no mercado financeiro, pode pensar em duas estratégias: a compra de ações, de empresas de capital aberto, ou a compra de títulos públicos ou privados.

Os títulos públicos são basicamente papéis vendidos pelo Tesouro Nacional e que rendem dinheiro para quem os compra e futuramente os resgatam. A lógica da venda de títulos públicos por parte do Governo é a captação do dinheiro particular para pagamento de dívidas públicas.

Já de outro lado temos os títulos privados, como por exemplo, o CDB (Certificado de Depósito Bancário) e as debêntures, contudo o CDB é o mais apropriado para pessoas comuns (enquadradas na média salarial do país, que, segundo dados do IBGE, está em R$2,1 mil), já que debêntures possuem valores de compra mais elevados, frequentemente com valor mínimo de R$1 mil.

Antes de conhecer estes investimentos, entenda um pouco sobre como funciona a rentabilidade das ações e dos títulos mais populares.

A princípio é bom saber que existem aplicações que oferecem renda fixa e aplicações que fornecem uma renda variável. Tudo vai depender de taxas e/ou das configurações atuais do mercado, da venda ou compra de ações, ou da aplicação de recursos em determinada empresa, por exemplo.

Geralmente as de renda fixa são os que oferecem as menores remunerações porque são as que apresentam menor risco de perda do valor investido. As pessoas que optam pela renda fixa se encaixam no chamado perfil chamado ‘conservador’. E é bom lembrar que os títulos públicos e privados são de renda fixa.

Por outro lado, há o perfil ‘agressivo’, caracterizado por pessoas que investem em aplicações mais ousadas, com alto risco na aposta, tanto para resultados positivos, quanto para negativos. Ambos tipos podem apresentar boa rentabilidade em 2019.

3 investimentos que prometem boa rentabilidade em 2019

Renda fixa x Renda variável

Investimentos de renda fixa são aqueles cujos valores estão atrelados a determinados parâmetros, já determinados. Esses parâmetros são taxas como o CDI (Certificado de depósito interbancário), Selic e o IPCA (inflação).

Dentro dessa modalidade de investimentos temos, de forma básica, duas classificações: os títulos prefixados e os pós-fixados. Os ‘pré’ são aqueles cujo valor da rentabilidade (porcentagem ao mês ou ao ano) já está determinado na compra do título, portanto, já se sabe o quanto vai ser recebido ao fim do prazo. Já os ‘pós’ rendem valores conforme indexadores, como as taxas já citadas anteriormente (CDI, Selic, IPCA, etc.).

Os investimentos de renda variável, como as ações, que só podem ser vendidas por empresas privadas de capital aberto ou sociedades de economia mista (como a Petrobras, por exemplo), são os mais atrativos pois oferecem, em geral  grandes rendimentos.

Mas é claro que não existe almoço grátis: é fato que com apenas uns poucos reais qualquer pessoa pode se tornar ‘parte’ de uma empresa adquirindo ações, mas o risco da queda neste tipo de investimento é alto, sobretudo em mercados mais instáveis como o brasileiro desde a crise econômica.

Esta aplicação depende da rentabilidade da empresa no momento em que o valor for resgatado. Mas voltando aos perfis de investidores, vamos conhecer 3 investimentos que prometem boa rentabilidade em 2019.

3 investimentos que prometem boa rentabilidade em 2019

Para o perfil considerado conservador há algumas aplicações muito interessantes como o CDB e o Tesouro Direto.

CDBs prefixados

Como o nome já diz, é uma aplicação de rendimento prefixado e que vem apresentando bons resultados para quem opta por este tipo de investimento porque em 2019 a inflação vem apresentando índices melhores, o que significa melhores ganhos.

Até o vencimento do título as alíquotas do Imposto de Renda do CDB vão reduzindo, esta é uma vantagem interessante.

Tesouro Direto Selic

Nessa aplicação o valor da recompensa depende da taxa Selic, que é a taxa básica de juros do país, que influencia todas as outras.

Esse é um investimento “pós-fixado” e é considerado vantajoso para investidores mais experientes porque pode ser se tornar um ótimo investimento quando a inflação estiver em ótimos níveis. Não se sabe quando vai receber até o dia em que houver o resgate, por isso não é totalmente confiável.

Ações

Para o perfil agressivo as ações nunca deixam de ser uma forma atrativa de garantir bons rendimentos. É simples de investir e com poucos reais uma pessoa comum pode ter uma ‘parte’ da empresa em suas mãos e pode resgatar os dividendos a qualquer momento, ao contrário de alguns investimentos anteriormente citados.

Neste ano de 2019, a MRV (construtora) e o Itaú Unibanco apresentam situações confortáveis e estáveis para quem deseja começar a investir em ações. No mês de fevereiro deste ano o valor de uma ação da MRV oscilou próximo aos R$14 e rendeu aproximadamente (para mais ou menos) 6%.

Já o Itaú Unibanco, também teve a mesma média de renda, oscilando quase sempre para mais, e com valores próximos a R$37. Ambas são empresas estáveis e bem visadas no mercado financeiro. Claro que nem sempre isto é sinônimo de renda garantida, mas já garante uma segurança enorme, sobretudo para quem não está acostumado a lidar com termos como bolsa de valores, taxas e juros.

Está pronto para garantir boa rentabilidade em 2019? Qual é seu plano de investimento?

Priscila Gomes

Jornalista. Gosto de abraços, aniversários e do Natal. Atualmente produzo conteúdo para internet e faço assessoria sindical.

Deixe um comentário

Posts relacionados

Como funciona o Consórcio Honda
conta conjunta
Quando não vale a pena investir em ações?
Diversificação de investimentos: como começar?
letra-de-câmbio