Mais
    InícioNotíciasCarreirasVeja como fazer um pedido de demissão com 5 dicas

    Veja como fazer um pedido de demissão com 5 dicas

    0
    (0)

    Se você pensa em mudar de empresa, já pensou em como vai fazer o seu pedido de demissão? Essa é uma situação delicada e que precisa ser bem feita para que se mantenha uma boa relação com o empregador. 

    Talvez você já tenha ouvido falar de pessoas que saíram de seus empregos de forma brusca, tensa etc. E, sim, muitos que trabalham em condições precárias até sonham com o famoso “pé na bunda” do patrão. 

    Mas, acredite, por mais desafiador que seu trabalho tenha sido e por mais ansioso que você esteja para partir para outra oportunidade, vale a pena pedir demissão de forma amigável. 

    Assim, você mantém um networking com seus colegas e empregadores, tem mais chances de conseguir novas oportunidades futuras com ele, além de evitar comentários negativos no meio e ficar com uma má reputação, até com outros empregadores. 

    Como fazer um pedido de demissão? Confira 5 dicas!

    A seguir, confira algumas dicas de como fazer um pedido de demissão profissional. Mas antes de fazer isso, tenha certeza da decisão que está tomando e consciência de que não terá os mesmos direitos trabalhistas de quem é demitido sem justa causa.

    1 Tome uma decisão consciente

    Se você estiver muito ansioso para deixar o emprego atual, tenha cuidado com reações impensadas. Fazer um pedido de demissão é algo que deve ser feito com cautela e não impulsivamente.

    2 Converse amigavelmente

    Mesmo que a motivação para fazer o pedido de demissão seja um acontecimento desagradável, a educação nunca é dispensável. Iniciar e terminar a conversa de forma amigável será melhor para ambos os lados, mas principalmente para quem sai.

    3 Não minta no seu pedido demissão

    Você não precisa enrolar, nem bolar um milhão de justificativas falaciosas para fazer um pedido de demissão. Seja direto e transparente com seu empregador, na medida do possível. 

    Até mesmo se o pedido de demissão foi motivado por um problema interno da empresa, essa é a oportunidade perfeita para dar um feedback. Apenas faça isso com educação.

    Pessoa guardando seus pertences do trabalho após pedido de demissão
    Pedido de demissão pode ser realizado de forma amigável

    4 Prepare-se para uma contraproposta

    Não subestime o quão valioso você é para a sua empresa. Se é você que está prestes a fazer um pedido de demissão e não o contrário, significa que existe a possibilidade de uma contraproposta surgir. 

    É interessante pensar sobre isso antes de ir fazer o comunicado. Assim, você já terá estabelecido quais são as propostas aceitáveis ou não. 

    Se mesmo assim não souber na hora se deve aceitar a oferta ou não, peça uns dias. Só não tome decisões precipitadas.

    5 Informe o tempo que permanecerá na empresa

    Logicamente, faça isso respeitando o aviso prévio ou qualquer acordo que tenha sido estabelecido. De preferência, não avise sobre seu pedido de demissão às vésperas do último dia no trabalho. 

    Lembre-se que pedir demissão e não cumprir o aviso prévio dá ao empregador o direito de descontar os valores correspondentes ao período. 

    Mesmo que esteja disposto a arcar com esse prejuízo, é melhor não fazer nada de forma repentina. Assim, você tem mais chances de manter uma boa relação com aquela empresa. 

    Se por causa de uma oportunidade imperdível você precisa sair sem aviso prévio, a melhor saída é ter uma conversa transparente com o empregador.

    + Pedi demissão: tenho direito de sacar o FGTS? Veja se é possível

    Como fazer o pedido de demissão no RH?

    Uma vez que você fez o comunicado e seguiu as dicas, é hora de efetivamente fazer o pedido de demissão no setor de Recursos Humanos. Ou seja, formalizar todo o processo. 

    Não tem nenhum bicho de sete cabeças, basta comparecer a esse setor da sua empresa e realizar o comunicado. O profissional da área dará prosseguimento ao seu desligamento. 

    Você precisará escrever uma carta de demissão, mas não se preocupe, o pessoal do RH o orientará sobre como fazer esse documento. Apenas atente-se ao fato de que esta carta deve conter:

    • Dados da empresa (nome, local)
    • Nome e assinatura do funcionário que está pedindo demissão
    • Nome do seu ex-gestor ou do responsável pelo RH
    • Cargo que você ocupava
    • Indicação se o aviso prévio será cumprido ou não
    • Data do pedido de demissão

    Importante: converse com a sua gestão, ou seja, o seu chefe direto primeiro. Depois que ele já tiver sido comunicado, formalize o pedido no RH. 

    O conteúdo ajudou? Desejamos boa sorte na sua nova jornada! Se ficou com alguma dúvida, deixe aqui nos comentários! Leia também: Entenda quais são os 5 tipos de demissão e suas diferenças!

    O que achou disso?

    Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

    Seja o primeiro a avaliar este post.

    Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

    Diga-nos, como podemos melhorar?

    Tamires Silva
    Tamires Silva
    Jornalista e Redatora do FinanceOne, onde suas finanças começam.

    Artigos Relacionados

    Assine nossa newsletter!

    Páginas Populares

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    InícioNotíciasCarreirasVeja como fazer um pedido de demissão com 5 dicas

    Veja como fazer um pedido de demissão com 5 dicas

    0
    (0)

    Se você pensa em mudar de empresa, já pensou em como vai fazer o seu pedido de demissão? Essa é uma situação delicada e que precisa ser bem feita para que se mantenha uma boa relação com o empregador. 

    Talvez você já tenha ouvido falar de pessoas que saíram de seus empregos de forma brusca, tensa etc. E, sim, muitos que trabalham em condições precárias até sonham com o famoso “pé na bunda” do patrão. 

    Mas, acredite, por mais desafiador que seu trabalho tenha sido e por mais ansioso que você esteja para partir para outra oportunidade, vale a pena pedir demissão de forma amigável. 

    Assim, você mantém um networking com seus colegas e empregadores, tem mais chances de conseguir novas oportunidades futuras com ele, além de evitar comentários negativos no meio e ficar com uma má reputação, até com outros empregadores. 

    Como fazer um pedido de demissão? Confira 5 dicas!

    A seguir, confira algumas dicas de como fazer um pedido de demissão profissional. Mas antes de fazer isso, tenha certeza da decisão que está tomando e consciência de que não terá os mesmos direitos trabalhistas de quem é demitido sem justa causa.

    1 Tome uma decisão consciente

    Se você estiver muito ansioso para deixar o emprego atual, tenha cuidado com reações impensadas. Fazer um pedido de demissão é algo que deve ser feito com cautela e não impulsivamente.

    2 Converse amigavelmente

    Mesmo que a motivação para fazer o pedido de demissão seja um acontecimento desagradável, a educação nunca é dispensável. Iniciar e terminar a conversa de forma amigável será melhor para ambos os lados, mas principalmente para quem sai.

    3 Não minta no seu pedido demissão

    Você não precisa enrolar, nem bolar um milhão de justificativas falaciosas para fazer um pedido de demissão. Seja direto e transparente com seu empregador, na medida do possível. 

    Até mesmo se o pedido de demissão foi motivado por um problema interno da empresa, essa é a oportunidade perfeita para dar um feedback. Apenas faça isso com educação.

    Pessoa guardando seus pertences do trabalho após pedido de demissão
    Pedido de demissão pode ser realizado de forma amigável

    4 Prepare-se para uma contraproposta

    Não subestime o quão valioso você é para a sua empresa. Se é você que está prestes a fazer um pedido de demissão e não o contrário, significa que existe a possibilidade de uma contraproposta surgir. 

    É interessante pensar sobre isso antes de ir fazer o comunicado. Assim, você já terá estabelecido quais são as propostas aceitáveis ou não. 

    Se mesmo assim não souber na hora se deve aceitar a oferta ou não, peça uns dias. Só não tome decisões precipitadas.

    5 Informe o tempo que permanecerá na empresa

    Logicamente, faça isso respeitando o aviso prévio ou qualquer acordo que tenha sido estabelecido. De preferência, não avise sobre seu pedido de demissão às vésperas do último dia no trabalho. 

    Lembre-se que pedir demissão e não cumprir o aviso prévio dá ao empregador o direito de descontar os valores correspondentes ao período. 

    Mesmo que esteja disposto a arcar com esse prejuízo, é melhor não fazer nada de forma repentina. Assim, você tem mais chances de manter uma boa relação com aquela empresa. 

    Se por causa de uma oportunidade imperdível você precisa sair sem aviso prévio, a melhor saída é ter uma conversa transparente com o empregador.

    + Pedi demissão: tenho direito de sacar o FGTS? Veja se é possível

    Como fazer o pedido de demissão no RH?

    Uma vez que você fez o comunicado e seguiu as dicas, é hora de efetivamente fazer o pedido de demissão no setor de Recursos Humanos. Ou seja, formalizar todo o processo. 

    Não tem nenhum bicho de sete cabeças, basta comparecer a esse setor da sua empresa e realizar o comunicado. O profissional da área dará prosseguimento ao seu desligamento. 

    Você precisará escrever uma carta de demissão, mas não se preocupe, o pessoal do RH o orientará sobre como fazer esse documento. Apenas atente-se ao fato de que esta carta deve conter:

    • Dados da empresa (nome, local)
    • Nome e assinatura do funcionário que está pedindo demissão
    • Nome do seu ex-gestor ou do responsável pelo RH
    • Cargo que você ocupava
    • Indicação se o aviso prévio será cumprido ou não
    • Data do pedido de demissão

    Importante: converse com a sua gestão, ou seja, o seu chefe direto primeiro. Depois que ele já tiver sido comunicado, formalize o pedido no RH. 

    O conteúdo ajudou? Desejamos boa sorte na sua nova jornada! Se ficou com alguma dúvida, deixe aqui nos comentários! Leia também: Entenda quais são os 5 tipos de demissão e suas diferenças!

    O que achou disso?

    Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

    Seja o primeiro a avaliar este post.

    Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

    Diga-nos, como podemos melhorar?