InícioNotíciasInvestimentosFGTS ou poupança: veja qual rende mais

FGTS ou poupança: veja qual rende mais

5
(2)

O Governo Federal estuda liberar uma nova rodada de saque emergencial do FGTS como no ano passado. Mas se te perguntassem o que rende mais: FGTS ou poupança? O que você responderia?

É bem provável que a resposta seja a segunda opção. Mas será que a resposta está correta?

Anteriormente, o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço rendia menos que a poupança e grande parte dos especialistas recomendava sacar o dinheiro em todas as oportunidades. No entanto, hoje a situação é diferente.

Isso porque o retorno do FGTS tem superado, com folga, a poupança e até mesmo boa parte dos investimentos de renda fixa mais conservadores. Mas como isso é possível? O FinanceOne te explica.

Com a Selic nos atuais 2,75% ao ano, a parte fixa do rendimento do FGTS supera essa taxa básica de juros. E essa é a principal referência sobre o rendimento das aplicações de renda fixa do mercado.

FGTS-ou-poupança
FGTS ou poupança: é preciso saber qual rende mais para você deixar o seu dinheiro

FGTS ou poupança: ainda não é possível saber a rentabilidade

Entre FGTS ou poupança, ainda não se sabe sobre a rentabilidade exata do fundo em 2021. Isso porque o lucro do FGTS está de certo modo ameaçado, por conta do aumento do desemprego no Brasil. 

Mas ainda é incerto se o rendimento do FGTS não será o esperado por conta da antecipação dos saques, aprovada pelo presidente Jair Bolsonaro.

Como exemplo, nas últimas semanas, pesquisas publicadas pelo Conselho Curador do Fundo mostram a queda de quase 50% no lucro do benefício.

Dessa forma, o lucro distribuído voltou a ser parcial e o percentual a ser repartido com os trabalhadores passa a ser definido anualmente. Foi o que informou a saúde financeira do Fundo de Garantia.

Sendo assim, se o lucro distribuído volta a ser de 50% e, caso o resultado seja parecido com o dos anos anteriores, o rendimento do FGTS desse ano deve ficar perto de 4,5%.

Qual foi o rendimento do FGTS nos últimos anos?

Levando em consideração os dados dos últimos três anos, a rentabilidade do FGTS foi:

  • 2017: 7,14% ao ano;
  • 2018: 5,59% ao ano;
  • 2019: 6,18% ao ano;
  • 2020: 4,5% ao ano.

Como saber se vale a pena sacar o FGTS?

Essa é uma pergunta que muita gente quer saber e que geralmente não é fácil de se responder. Afinal, isso depende de uma série de fatores, uma vez que o novo FGTS é considerado emergencial.

E essa é a primeira pergunta que a considerar. Você possui contas emergenciais que precisam ser quitadas neste momento?

Há algumas dívidas ou pendências que precisam ser resolvidas que foram causadas ou acumuladas durante a pandemia?

Reinaldo Domingos, à frente do canal Dinheiro à Vista, destaca que, no momento, o rendimento do FGTS é maior do que a maioria dos investimentos que existem.

No entanto, mais do que somente essa análise de mercado, o trabalhador precisa avaliar as suas condições financeiras atuais.

Por isso, se feita essa avaliação, você considerar que está em uma situação confortável, o especialista recomenda não mexer no dinheiro e deixar ele rendendo, já que poderá ser vantajoso no futuro.

Se, por outro lado, você considerar que está precisando e em uma situação de muitas dívidas, Domingos aponta que o trabalhador deve, sim, sacar FGTS que ficará disponível na conta poupança digital.

Com isso, você conseguirá quitar algumas contas em atraso. Além disso, de acordo com o valor sacado, ainda consegue fazer ainda renegociação de dívidas ou então quitar o valor integral.

Você sabe quanto e como será pago o FGTS emergencial?

O Governo Federal está preparando uma nova rodada do saque emergencial do FGTS, que pode ter mudanças para o ano de 2021. Essa medida faz parte do plano de enfrentamento à pandemia da Covid-19.

Mas, vale ressaltar, que essa ação ainda está em estudo e pode ser adotada junto a outras iniciativas do Governo Federal. A intenção é justamente injetar dinheiro na economia do país, que tem sido afetada durante o período da crise.

Entretanto, o último calendário do novo FGTS divulgado em junho, seguiu os mesmos padrões de pagamentos do auxílio emergencial de R$600.

Então, o Governo criou uma conta digital para todos os beneficiários. E dividiu o cronograma em datas de crédito e saque, sendo o crédito apenas para pagamentos de contas e transferências na própria plataforma.

Por fim, as datas seguiram os meses de nascimento dos beneficiários. O valor do FGTS emergencial foi de R$1.045, sendo este o valor máximo e o trabalhador poderia optar em sacar um valor menor, caso não tivesse essa quantia disponível.

O cronograma seguiu com as datas de saque até o fim do ano de 2020, confira abaixo:

Janeiro: crédito em conta 29 de junho e saques a partir de 25 de julho;

Fevereiro: crédito em conta 06 de julho e saques a partir de 08 de agosto;

Março: crédito em conta 13 de julho e saques a partir de 22 de agosto;

Abril: crédito em conta 20 de julho e saques a partir de 5 de setembro;

Maio: crédito em conta 27 de julho e saques a partir de 19 de setembro;

Junho: crédito em conta 03 de agosto e saques a partir de 03 de outubro;

Julho: crédito em conta 10 de agosto e saques a partir de 17 de outubro;

Agosto: crédito em conta 24 de agosto e saques a partir de 17 outubro;

Setembro: crédito em conta 31 de agosto e saques a partir de 31 de outubro;

Outubro: crédito em conta 08 de setembro e saques a partir de 31 de outubro;

Novembro: crédito em conta 14 de setembro e saques a partir de 14 de novembro;

Dezembro: crédito em conta 21 de setembro e saques a partir de 14 de novembro;

Gostou desse artigo? Essas informações foram úteis para você? Então compartilhe-o nas redes sociais para que mais pessoas fiquem sabendo sobre os benefícios do FGTS e como fazer com ele renda.

O que achou disso?

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 2

Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

Diga-nos, como podemos melhorar?

Assine nossa newsletter!

Páginas Populares

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui