InícioNotíciasInvestimentosNFT: o que é e como funciona?

NFT: o que é e como funciona?

0
(0)

Imagine você produzir qualquer mídia digital e transformá-la em um bem único e exclusivo. Isso seria muito interessante, certo? Estamos falando nada mais do que de NFT. Mas o que é isso? Como funciona?

Ele é um registro digital que transforma o seu bem digital em algo único. Isso gera escassez no mercado que, por sua vez, chama a atenção de consumidores, colecionadores e investidores.

O vídeo “Leave Britney Alone”, um meme de 2007, por exemplo, foi vendido como NFT por R$253 mil. Além disso, uma transação balançou o mundo da arte: uma colagem digital do artista norte-americano Beeple foi vendida por mais de US$69 milhões em um leilão.

Se você quer saber mais sobre esse assunto, continue a leitura e confira tudo que separamos sobre NFT. Vamos lá?

O que é a NFT?

Mas, afinal, o que é NFT? Essa é a sigla de Non-fungible Token, em tradução livre, Token não-fungível. O NTF é um certificado digital que usa o sistema de segurança do blockchain, a mesma usada em criptomoedas, para armazenar e emitir o atestado de que um bem digital é exclusivo e original.

Ou seja, NFT é capaz de transformar qualquer foto, vídeo, áudio, música, pinturas ou qualquer outro item em algo único e que pode se valorizar com o passar do tempo.

De maneira bem resumida, um NFT funciona como um código que fica ligado à arte para que as pessoas saibam que ela é original, única e exclusiva, como a Mona Lisa, por exemplo.

Para isso, como mencionamos acima, é baseado em blockchain. Isso garantirá algumas vantagens, principalmente quando a arte é comercializada.

imagem sobre blockchain
Nova websérie gratuita da Udacity promete ensinar tudo sobre blockchain

+ A inovação do blockchain, além da criptomoeda

Como funciona a NFT?

Você pode criar uma mídia digital e colocá-la em um NFT para conferir a ela originalidade na expectativa de comercializá-la posteriormente.

Para isso, no entanto, é necessário emitir o token, que é um número único que diz que o seu ativo digital é exclusivo.

Vale ressaltar, porém, que esse token tem um custo elevado. Por isso, antes da sua emissão você precisa ter alguém disposto a pagar pelo seu bem digital. Caso contrário, é possível ter prejuízos.

A emissão do NFT é feita por meio de plataformas especializadas, como o Rarible. Nesse caso, você precisa criar um cadastro e fazer o upload do arquivo do ativo digital. Em seguida, é preciso definir o valor do produto, bem como descrever as principais características dele.

Vantagens da NFT

Dentre as vantagens da NFT podemos destacar a oportunidade de fazer contato de negócios com pessoas do mundo inteiro, já que as vendas são realizadas através da Internet. As vendas são feitas, normalmente, através de criptomoedas ou dólar.

+ Onde comprar e negociar criptomoedas com segurança?

Outra vantagem é que o ativo digital é peça única e, portanto, pode se valorizar ainda mais com o tempo.

Ou seja, se você comprar um ativo hoje, depois de alguns anos pode revender por um preço mais elevado. No entanto, esse tipo de transação também depende da valorização do autor da obra digital.

Quando é criado algo e atribuído ao NFT ou quando a pessoa compra um ativo com NFT, significa ter em mãos um bem digital exclusivo e original. O token, por exemplo, é quem protege a sua propriedade sobre esse ativo.

Portanto, existem vários benefícios tanto para quem cria com o objetivo de comercializar esses ativos digitais quanto para aqueles que desejam comprar as obras. Por isso, o mercado de compra e venda desses bens tende a aumentar cada vez mais.

O conteúdo te ajudou? Ficou com alguma dúvida sobre o assunto? Compartilhe conosco sua opinião nos comentários!

O que achou disso?

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

Diga-nos, como podemos melhorar?

Assine nossa newsletter!

Páginas Populares

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui