Cursos que transformam sua vida financeira
Mais
    InícioNotíciasInvestimentosQuer investir em ações? Saiba quando ocorre o pagamento de dividendos

    Quer investir em ações? Saiba quando ocorre o pagamento de dividendos

    0
    (0)

    Quem investe em ações já conhece o termo “dividendos’, mas muitos ainda têm dúvidas sobre como funciona o pagamento de dividendos. Se você é um deles e quer começar a aplicar em ações precisa saber mais sobre esse universo.

    Publicidade

    Para quem não sabe, os dividendos são a remuneração que os acionistas recebem tendo como base os lucros da empresa. E para que o pagamento desse dinheiro seja realizado, existem algumas regras e etapas que precisam ser seguidas. 

    Mas é importante que você saiba que não existe uma garantia que a empresa da qual você é acionista vai ter lucros e que o valor será distribuído. 

    O que são os dividendos?

    Os dividendos são parte do lucro das empresas que estão listadas na Bolsa de Valores (B3) distribuem para os acionistas. O valor arrecadado é distribuído para os investidores como forma de remuneração.

    Sendo assim, se você tem ação em uma empresa e ela registrou lucro em um determinado período, poderá receber os dividendos. E quem está falando isso não somos nós, é a Lei nº 6.404.

    De acordo com a Lei das S/As de 1976 (Lei nº 6.404), as empresas listadas na Bolsa de Valores que tiverem lucro líquido devem distribuir uma porcentagem dele entre os acionistas.

    Publicidade

    + Brasileiros podem comprar ações diretamente em Wall Street

    Vale ressaltar ainda que não existe um percentual mínimo obrigatório do lucro a ser repassado para os acionistas. Dessa forma, os valores podem variar em cada pagamento de dividendos realizado.

    Tela com várias ações
    Cada empresa realiza o pagamento do dividendo de uma forma

    Descubra quando é realizado o pagamento de dividendos

    E como é feito o pagamento de dividendos? Isso varia de acordo com cada empresa, ele pode ser realizado de forma mensal, semestral ou anual.

    Isso porque o Conselho Administrativo da empresa realiza um balanço para realizar a distribuição do dinheiro. É esse Conselho que verifica os lucros e a possibilidade de realizar o pagamento de dividendos dos acionistas. 

    Depois disso, é preciso realizar o protocolo na Comissão de Valores Mobiliários (CVM), órgão que regula e fiscaliza o mercado financeiro no Brasil. 

    Publicidade

    Para somente depois ser anunciado publicamente o pagamento e o valor do montante a ser distribuído. E quem tem ações de empresas pagadoras de dividendos também pode acompanhar a agenda de dividendos.

    Pagamento de dividendos: como ele é feito?

    Saiba que existem diversas formas de realizar o pagamento dos dividendos. Quer saber quais são elas?

    Por exemplo, se forem pagos em dinheiro, este valor é depositado diretamente na conta da corretora desse investidor. Sendo assim, eles não são incorporados ao investimento.

    + Saiba quais são os custos para investir em ações

    Dessa forma, a partir desse depósito realizado é que a pessoa vai poder escolher se prefere resgatar e usar o dinheiro, ou, então, usar para realizar um novo investimento. O que muita gente não obtém de informação é que quanto mais ações uma pessoa tiver, maior será a proporção dos dividendos que ela receberá.

    Publicidade

    E mais, assim como maior será a proporção, ainda sim, o percentual a ser pago também pode aumentar – caso a companhia opte dessa forma.

    Como os dividendos são calculados?

    Geralmente, o cálculo dos dividendos é feito como um valor por ação. Ou seja, em dinheiro ou em porcentual.

    Dessa forma, cada investidor ganha de acordo com quantas ações possui.

    Outra forma de realizar este cálculo é com o Dividend Yield, termo usado para definir o dividendo anual de uma ação – este, é dividido pelo seu preço atual.

    + Descubra como investir em ações internacionais e como funciona

    Veja um exemplo dado pelo Banco Nubank:

    Se as ações de uma empresa estão sendo negociadas no mercado a R$20, e o pagamento anual desses dividendos será de R$2 por ação, o cálculo do Dividend Yield ficaria da seguinte forma:

    R$ 2 (dividendo anual por ação) / R$ 20 (preço atual da ação) = 0,1% x 100 = 10%

    Esse cálculo visa mostrar o quanto a empresa vai pagar de dividendos em relação ao preço da ação. Ele ajuda o investidor a saber e escolher melhor onde vai e deseja investir.

    Gostou desse conteúdo? Veja uma lista com mais de 20 ações que podem pagar dividendos acima da Selic. Se for útil, compartilhe com seus amigos investidores!

    O que achou disso?

    Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

    Seja o primeiro a avaliar este post.

    Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

    Diga-nos, como podemos melhorar?

    Mateus Carvalho
    Mateus Carvalho
    Jornalista de profissão e apaixonado por Marketing Digital. Já foi redator de jornal impresso, atualmente escrevo para o digital e tenho sede por empreender. Escrever é a minha maior paixão e quando não estou digitando estou pensando em digitar. Carioca, vascaíno e apaixonado por memes.

    Artigos Relacionados

    Assine nossa newsletter!

    Páginas Populares

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    InícioNotíciasInvestimentosQuer investir em ações? Saiba quando ocorre o pagamento de dividendos

    Quer investir em ações? Saiba quando ocorre o pagamento de dividendos

    0
    (0)

    Quem investe em ações já conhece o termo “dividendos’, mas muitos ainda têm dúvidas sobre como funciona o pagamento de dividendos. Se você é um deles e quer começar a aplicar em ações precisa saber mais sobre esse universo.

    Publicidade

    Para quem não sabe, os dividendos são a remuneração que os acionistas recebem tendo como base os lucros da empresa. E para que o pagamento desse dinheiro seja realizado, existem algumas regras e etapas que precisam ser seguidas. 

    Mas é importante que você saiba que não existe uma garantia que a empresa da qual você é acionista vai ter lucros e que o valor será distribuído. 

    O que são os dividendos?

    Os dividendos são parte do lucro das empresas que estão listadas na Bolsa de Valores (B3) distribuem para os acionistas. O valor arrecadado é distribuído para os investidores como forma de remuneração.

    Sendo assim, se você tem ação em uma empresa e ela registrou lucro em um determinado período, poderá receber os dividendos. E quem está falando isso não somos nós, é a Lei nº 6.404.

    De acordo com a Lei das S/As de 1976 (Lei nº 6.404), as empresas listadas na Bolsa de Valores que tiverem lucro líquido devem distribuir uma porcentagem dele entre os acionistas.

    Publicidade

    + Brasileiros podem comprar ações diretamente em Wall Street

    Vale ressaltar ainda que não existe um percentual mínimo obrigatório do lucro a ser repassado para os acionistas. Dessa forma, os valores podem variar em cada pagamento de dividendos realizado.

    Tela com várias ações
    Cada empresa realiza o pagamento do dividendo de uma forma

    Descubra quando é realizado o pagamento de dividendos

    E como é feito o pagamento de dividendos? Isso varia de acordo com cada empresa, ele pode ser realizado de forma mensal, semestral ou anual.

    Isso porque o Conselho Administrativo da empresa realiza um balanço para realizar a distribuição do dinheiro. É esse Conselho que verifica os lucros e a possibilidade de realizar o pagamento de dividendos dos acionistas. 

    Depois disso, é preciso realizar o protocolo na Comissão de Valores Mobiliários (CVM), órgão que regula e fiscaliza o mercado financeiro no Brasil. 

    Publicidade

    Para somente depois ser anunciado publicamente o pagamento e o valor do montante a ser distribuído. E quem tem ações de empresas pagadoras de dividendos também pode acompanhar a agenda de dividendos.

    Pagamento de dividendos: como ele é feito?

    Saiba que existem diversas formas de realizar o pagamento dos dividendos. Quer saber quais são elas?

    Por exemplo, se forem pagos em dinheiro, este valor é depositado diretamente na conta da corretora desse investidor. Sendo assim, eles não são incorporados ao investimento.

    + Saiba quais são os custos para investir em ações

    Dessa forma, a partir desse depósito realizado é que a pessoa vai poder escolher se prefere resgatar e usar o dinheiro, ou, então, usar para realizar um novo investimento. O que muita gente não obtém de informação é que quanto mais ações uma pessoa tiver, maior será a proporção dos dividendos que ela receberá.

    Publicidade

    E mais, assim como maior será a proporção, ainda sim, o percentual a ser pago também pode aumentar – caso a companhia opte dessa forma.

    Como os dividendos são calculados?

    Geralmente, o cálculo dos dividendos é feito como um valor por ação. Ou seja, em dinheiro ou em porcentual.

    Dessa forma, cada investidor ganha de acordo com quantas ações possui.

    Outra forma de realizar este cálculo é com o Dividend Yield, termo usado para definir o dividendo anual de uma ação – este, é dividido pelo seu preço atual.

    + Descubra como investir em ações internacionais e como funciona

    Veja um exemplo dado pelo Banco Nubank:

    Se as ações de uma empresa estão sendo negociadas no mercado a R$20, e o pagamento anual desses dividendos será de R$2 por ação, o cálculo do Dividend Yield ficaria da seguinte forma:

    R$ 2 (dividendo anual por ação) / R$ 20 (preço atual da ação) = 0,1% x 100 = 10%

    Esse cálculo visa mostrar o quanto a empresa vai pagar de dividendos em relação ao preço da ação. Ele ajuda o investidor a saber e escolher melhor onde vai e deseja investir.

    Gostou desse conteúdo? Veja uma lista com mais de 20 ações que podem pagar dividendos acima da Selic. Se for útil, compartilhe com seus amigos investidores!

    O que achou disso?

    Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

    Seja o primeiro a avaliar este post.

    Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

    Diga-nos, como podemos melhorar?