Início Notícias Finanças Pessoais Qual o reajuste dos planos de saúde em 2021?

Qual o reajuste dos planos de saúde em 2021?

0
(0)

Parte dos beneficiários de planos de saúde passará a pagar mais caro pelo serviço prestado em 2021. O reajuste dos planos de saúde comerá a ser aplicado ainda neste mês de janeiro.

Em razão da pandemia da Covid-19, a Agência Nacional de Saúde (ANS) suspendeu o reajuste de 8,14% sobre os planos individuais e 15% sobre os planos coletivos – o qual tem 81% de usuários – que seria aplicado em 2020.

O reajuste dos planos de saúde será pago em 12 meses a partir deste mês. Além disso, a ANS determinou ainda que as operadoras esclareçam os valores cobrados nos boletos, devendo constar o valor da mensalidade e do reajuste.

+ O que avaliar na hora de escolher o plano de saúde

O total devido para a operadora, no entanto, dependerá do mês de aniversário do plano contratado.

Ou seja, os planos com aniversário de janeiro a abril, por exemplo, não terão a cobrança feita, apenas o reajuste anual. Isso acontece porque esses planos já tiveram a recomposição aplicada em 2020.

Como fica o reajuste dos planos de saúde individuais ou familiares

Para os planos individuais ou familiares ficou estabelecido o percentual de 8,14% de reajuste. O teto é válido para o período de maio de 2020 a abril de 2021.

Além do reajuste, o beneficiário do plano terá que pagar a primeira das 12 parcelas do aumento que deixou de ser cobrado entre setembro e dezembro de 2020 (para beneficiários cujo aniversário de contratação é entre maio e dezembro).

A seguir, veja os exemplos que a ANS divulgou.

1) Reajuste de plano de saúde individual/familiar com aniversário em maio de 2020 (oito meses de suspensão) e sem previsão de reajuste por faixa etária no ano:

  • Valor de mensalidade: R$100
  • Reajuste anual autorizado: 8,14%
Mensalidade sem reajustePercentual de reajuste anual definido pela ANSValor devido referente aos meses de suspensão do reajuste anualMensalidade atualizada e com a parcela da recomposição a ser paga de janeiro a dezembro de 2021*
R$1008,14%R$8,14 (valor do reajuste anual) X 8 (meses de suspensão) = 12 x R$5,43R$108,14 + R$5,43 = R$113,17 (mensalidade com reajuste e retroativo)

*Sem considerar mudanças de faixa etária no período.

2) Reajuste do plano de saúde individual/familiar com aniversário em maio de 2020 (oito meses de suspensão) e mudança da faixa etária em setembro de 2020 (quatro meses de suspensão):

  • Valor de mensalidade: R$100
  • Reajuste anual autorizado: 8,14%
  • Reajuste faixa etária considerada: 20%
Mensalidade sem reajustePercentual de reajuste anual definido pela ANSValor devido referente aos meses de suspensão do reajuste anualPercentual de reajuste considerado para a faixa etáriaValor devido referente aos meses de suspensão do reajuste faixa etáriaMensalidade atualizada e com a parcela da recomposição a ser paga de janeiro a dezembro de 2021
R$1008,14%R$100 (valor inicial da mensalidade) X R$8,14% (% do reajuste anual) = R$8,14 (valor do reajuste anual) X 8 (meses de suspensão) = 12 X R$5,4320%R$108,14 (mensalidade pós reajuste anual) X 20% (reajuste faixa etária) = R$21,63 (valor do reajuste faixa etária) X 4 (meses de suspensão) = 12 x R$7,21R$129,77 (mensalidade atualizada) + R$12,64 (parcela da recomposição) = R$142,41

3) Reajuste do plano de saúde familiar/individual com aniversário entre janeiro e abril 2021 (sem reajuste suspenso) e sem previsão de reajuste por faixa etária no ano:

  • Valor de mensalidade: R$100
  • Reajuste anual autorizado: 8,14%
Mensalidade sem reajuste Reajuste anual definido pela ANSValor a ser pago por mês
R$1008,14%R$100 (valor inicial da mensalidade) X 8,14% = R$108,14

+ Qual é a diferença entre plano de saúde individual e familiar?

reajuste dos planos de saúde
Veja como ficará o reajuste dos planos de saúde neste ano

Suspensão do reajuste anual e por faixa etária

A suspensão de reajuste anual e por faixa etária foi aplicada pela ANS em decorrência da “retração econômica acarretada pela pandemia do coronavírus” e de “um cenário de redução de utilização dos serviços de saúde no período”, segundo a agência.

Anualmente, entre maio e junho, a ANS define o percentual máximo de reajuste dos planos de saúde. No entanto, a Diretoria Colegiada decidiu que, em 2020, não haveria o reajuste, suspendo os aumentos.

Segundo a ANS, ela fez o possível ao adiar o reajuste em 2020 e “diluir o pagamento” em 2021 a fim de “minimizar o impacto aos beneficiários e preservar os contratos”.

A agência disse, em nota, que o reajuste respeitou as despesas de 2018 e 2019, “período anterior à pandemia”, e que a redução da oferta de serviços médicos só será percebida “no reajuste referente a 2021”.

O que achou deste texto sobre o reajuste dos planos de saúde? Bom? Então continue a visita em nosso site e leia agora mesmo: “carência no plano de saúde: o que é e como funciona” para você entender mais ainda sobre os planos.

O que achou disso?

Deixei sua classificação

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Seja o primeiro a avaliar este post.

Camila Miranda
Nascida na Zona Oeste do Rio, me divido entre jornalismo e marketing digital. Com três anos de experiência em Comunicação, já trabalhei em redação de jornal impresso, webjornalismo e assessoria de imprensa. Hoje, faço gestão de mídias sociais e produção de conteúdo. Amo assuntos sobre as áreas cultural e política. Reclamo do transporte público.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui