Início Uncategorized Saúde X Finanças: uma relação delicada ou mudança de mindset?

Saúde X Finanças: uma relação delicada ou mudança de mindset?

0
(0)

Assim como todos precisam ter controle financeiro, o controle de sua saúde e o autocuidado precisam andar juntos. Hoje, vamos falar quais são os impactos positivos quando cada cidadão tem mudanças de hábitos e controle de sua saúde.

No livro “Boas Práticas de Saúde Corporativa”, na qual sou uma das coautoras, escrevemos sobre porque se gasta cada vez mais com saúde, apesar de equipamentos modernos para diagnósticos e cura e do aumento da expectativa de vida a população está cada vez mais doente.

O que fazer? A resposta está em uma expressão curta, de um significado gigante: mudança de Mindset, ou mudar a cultura da saúde.

“A gente vive uma situação de desumanização” diz Sigmar Malvezz professor de psicologia da USP, em matéria publicada pela revista VocêRH, da Editora Abril.

Na edição de Fevereiro/Março a publicação traz como chamada de capa a manchete “Causa Mortis: trabalho” acrescentando que o ritmo diário, os salários baixos e a falta de tempo para cuidar da própria saúde levam à morte de 120 mil pessoas por ano nos Estados Unidos.

Plano de saúde com coparticipação
Autocuidado impacta nos gastos futuros com saúde

Além de um prejuízo de 180 bilhões de dólares, como mostra um estudo do professor Jefrey Pfeffer, da Universidade de Stanford um dos maiores especialistas em gestão de pessoas do mundo. “ As pessoas estão morrendo por um salário”, afirma.

Autocuidado influencia também na saúde financeira

Como diz a reportagem, toda máquina, até mesmo humana, precisa passar por uma revisão. Quando isso não acontece pifa. No caso do ser humano, foi criado o termo burnout, que caracteriza quem trabalha até pifar.

Porém, saúde repercute nos custos e produtividade corporativa, representando o segundo maior custo de uma companhia, somente abaixo das despesas com salários.

Os custos de saúde com convênio médico, consultas, exames, medicamentos, internações, reinternações e tratamentos são cada vez mais altos.

Quando existe afastamento de trabalho, esses custos podem impactar diretamente na vida financeira, causando muitos transtornos. Para o profissional liberal o cuidado precisa ainda ser maior, porque depende única e exclusivamente da sua disposição e saúde para tocar seu negócio.

Se adoecer e se afastar do trabalho certamente irá causar um dano financeiro maior, sem medir os custos com medicamentos e tratamentos que impactam diretamente na vida financeira do cidadão.

Controle da saúde representa economia em longo prazo

Prevenir e ter controle de sua saúde certamente vai ajudar em economia com gastos no tratamento da doença e os benefícios serão muitos nesse sentido. O ideal é que todos se voltem para a promoção da saúde.

A responsabilidade na gestão pessoal da saúde, bem como, educação para o uso adequado da assistência médica, motivação e manutenção de hábitos saudáveis, é dever de cada um. Se a pessoa não for orientada e educada para cuidar da própria saúde, o risco de adoecer é maior.

Pessoas na faixa de 25 anos não passam pelo médico e não sabem se tem problema de saúde que poderia ser tratado, como diabetes, hipertensão, colesterol alto. Quando são diagnosticadas, muitas vezes o estado da doença já é avançado e grave.

A ausência de uma alimentação adequada, o sedentarismo, casos de vício de fumo e álcool, a falta de atividades e exercícios físicos, aumento de estresse, excesso de peso, entre outros são causas do adoecimento e afastamento do trabalho.

Comece já a trocar o desperdício de custos da doença pela promoção de sua saúde isso pode tornar sua vida mais energética, engajada, comprometida com produtividade e principalmente com resultados positivos.

Assim como é necessário ter educação financeira o que queremos propor é uma reflexão para a Educação no Autocuidado, que inclui a promoção e prevenção e saúde.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) diz “a promoção da saúde é um processo de capacitar as pessoas para aumentar seu controle sobre, e para melhorar, a sua saúde”.

Economize com bons hábitos para uma vida saudável

Que tal começar já implantar bons hábitos e uma vida mais saudável? Os ganhos podem ser surpreendentes, seguem algumas dicas:

Priorize sua saúde – faça checkup no mínimo uma vez ao ano, passe no médico e faça um acompanhamento de sua saúde com exames de prevenção;

Beba água – dois litros por dia no mínimo;

Atividades físicas – movimente-se, escolha uma atividade que goste;

Refeições balanceadas – frutas, legumes, verduras (dietas somente com ajuda de um profissional;

Durma bem – tenha um sono tranquilo (se tiver problemas procure ajuda de um profissional);

Evite Fumo e o Álcool – hoje existem tratamentos que ajudam no domínio do vicio;

Respire Fundo – Hoje fala-se muito em “mindfullness” que trabalha muito o aqui e o agora, a importância de estar atento na sua respiração  (meditação e Yoga);

Seja otimista e tenha atitudes positivas – Veja sempre o lado bom da vida. Pesquisas comprovaram que pessoas otimistas têm um aumento da imunidade nas células. Outra vantagem é estar sempre rodeado de pessoas positivas;

Faça alongamentos – é importante fazer pequenas pausas para alongar o corpo. Portanto, se movimente durante o seu expediente;

Outras ações importantes para o dia a dia

Sorria – Já dizia o ditado “rir é o melhor remédio”. E isso não é nenhum exagero. Estudos da Universidade Norueguesa de Ciência e Tecnologia descobriram, em testes realizados ao longo dos últimos sete anos, que o sorriso, aliado ao bom humor, reduzia possíveis riscos de morte das pessoas pertencentes ao grupo de amostra – cerca de 53 mil, no total. Portanto, não deixe seu sorriso guardado só pra você!

Finanças em Ordem – coloque as finanças em ordem, dívidas causam stress, angústia e depressão, procure eliminar exageros e desperdícios, qualidade de vida também é cuidar para que a vida financeira, profissional e pessoal esteja organizada.

Aprenda a gostar de você – foque no essencial para você:  trabalhe o seu autoconhecimento e sua autoestima para viver melhor. O conceito que temos sobre nós mesmos é decisivo como nos colocamos e nos portamos na vida.

Além de definir o valor que vamos dar a nossa pessoa, ao nosso trabalho, as nossas opiniões, as nossas vontades, e aos cuidados para o nosso corpo e nossa saúde.

Saúde á todos!


Sobre Tânia Machado

Tania Machado

Além de Diretora Executiva da TM Jobs com 20 anos de atuação e experiência na área de saúde, possui forte relacionamento com líderes e formadores de opinião do setor de saúde Sua longa trajetória traz como diferencial um profundo conhecimento do setor.

Sua expertise em curadoria de conteúdos para eventos do setor, marketing e comunicação do setor de saúde.

Apoia empresas a identificar oportunidades, conectar interesses com projetos customizados.

Atua como Palestrante, é Vice-Presidente de Saúde Corporativa da Associação Brasileira de Profissionais de RH (ABPRH).

Além de Conselheira do Instituto Brasileiro de Valor em Saúde (IBRAVS) e apresentadora do canal Valor em Saúde, programa semanal com entrevistas, o canal fica hospedado no Youtube e no Spotify.

O que achou disso?

Deixei sua classificação

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Seja o primeiro a avaliar este post.

Redação
O FinanceOne é um site especializado em finanças. Desde 2003, publicamos conteúdos que buscam traduzir desde a influência do mercado financeiro no seu dia a dia até a simples economia dentro de casa. Nossa missão é mostrar que qualquer pessoa pode ter controle financeiro e fazer as escolhas certas. Assim como ter no dinheiro um aliado para viver bem e conquistar seus sonhos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -

5 erros mais comuns ao usar cartão de crédito

Você já se complicou alguma vez utilizando o cartão de crédito? Ficou com preocupação com a fatura do próximo mês? Se a...

6 opções para trabalhar como freelancer aos finais de semana

Está em busca de aumentar a sua renda ou a da sua família nas horas vagas? Uma alternativa é ser freelancer aos...

Descubra 5 ferramentas semelhantes ao PIX

Pagamento via QR Code, transferências rápidas e que podem ser feitas 24 horas por dia, sete dias na semana: o Pix é...

Como calcular quanto você precisa de renda extra

Em tempos de crise econômica, conseguir uma renda extra se torna o objetivo de muitos profissionais. No entanto, algumas pessoas não conseguem...

Como reclamar uma cobrança bancária indevida

Uma das maiores reclamações de consumidores com relação às instituições financeiras é a cobrança bancária indevida. Esse ainda é um problema recorrente, mas que...

4 vantagens do Open Banking para clientes e empresas

Antes de descobrir quais as vantagens do Open Banking para clientes e empresas, você precisa saber o que é essa nova realidade...