Início Notícias Investimentos Saiba como pagar menos imposto com a Previdência Privada

Saiba como pagar menos imposto com a Previdência Privada

5
(1)

Você tem uma previdência privada? Sabe quais benefícios ela pode te trazer? Com ela você pode pagar menos impostos nas suas contribuições com a Receita Federal.

Os planos de previdência privada contam com diversas vantagens financeiras.

Esse tipo de previdência é uma garantia de complemento de renda na hora que o trabalhador vai se aposentar. Além de ser possível realizar um planejamento de viagens e de como será a aposentadoria.

Previdência privada
Se você Previdência Privada saiba que é possível pagar menos imposto com ela

Ao contratar um plano de previdência privada, na modalidade de Plano Gerador de Benefício Livre (PGBL), você tem a possibilidade de diminuir a base de cálculos do Imposto de Renda.

Quer saber como? Continue lendo esse artigo!

Requisitos para pagar menos impostos com Previdência Privada

Para desfrutar dos benefícios tributários ao contratar a previdência privada, é preciso que você se atende a alguns requisitos. Confira abaixo!

-> Ser contribuinte ou aposentado pelo INSS ou RPPS;

-> Realizar as contribuições para planos da modalidade PGBL;

-> Realizar a declaração do Imposto de Renda na forma completa;

-> Respeitar o limite máximo de contribuição de 12% da sua renda bruta tributável para abatimento da base de cálculo do Imposto de Renda.

O que é PGBL e como ele pode te ajudar a pagar menos imposto

Quando você decide investir na previdência privada, é preciso definir três características para os seus planos. São eles:

– Tipo do plano: se será PGBL ou VGBL;

–  A tributação incidente: podendo ser progressiva ou regressiva e;

– O Fundo de investimento escolhido para rentabilizar os recursos aportados.

Um Plano Gerador de Benefício Livre (PGBL) tem como objetivo acumular o valor investido. A especificidade desse tipo de plano é que no momento do resgate ou da contratação de renda mensal, o investidor terá incidência do Imposto de Renda.

Isso é possível porque ele ocorre sobre o valor total resgatado, que é o valor investido mais os rendimentos. Caso você escolha receber o seu capital por meio de renda mensal, o Imposto de Renda será cobrado sobre o valor total da renda.

Nessa modalidade de plano, o investidor pode deduzir da base de cálculo do IR, os valores contribuídos em planos de PGBL até o limite de 12% da renda bruta anual tributável. E com essa dedução, o investidor começa a ter uma vantagem tributária.

Podendo reduzir dessa forma o seu imposto a ser pago ou até mesmo aumentar a restituição da declaração anual do Imposto de Renda.

Como identificar a renda bruta tributável?

Para saber a sua renda bruta tributável basta ir até o quadro 3 de rendimentos e deduções retido na fonte. Na linha 1, você verá o total de rendimentos.  

Quando for declarar o Imposto de Renda, no sistema da Receita Federal, você insere a sua renda bruta tributável e o valor da contribuição para os planos PGBL. O cálculo os 12% dedutíveis é gerado de forma automática.

Dessa forma, o valor contribuído que excede os 12% para planos PGBL é desconsiderado para a dedução da base do cálculo do Imposto de Renda.

Você sabe, portanto, quais são as outras despesas dedutíveis do Imposto de Renda? Pois algumas são:

  • Dependentes;
  • Educação;
  • Saúde;
  • Pensão alimentícia;
  • Doação.

Como o coronavírus impacta a previdência privada?

Assim como na maioria dos casos, a pandemia do novo coronavírus também afetou a previdência privada. A Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais (Anbima) comunicou que, até 25 de março, o investimento teve perdas de até 40,7% no ano.

No primeiro semestre, a advogada Ana Rita Petraroli, sócia-fundadora do Petraroli Advogados, comentou que esse momento de instabilidade serve muito para que haja uma cautela e prudência.

Ela revelou que, por isso, é o momento de manter o foco em um planejamento pensando no futuro, na aposentadoria.

Ainda de acordo com Ana Petraroli, é preciso que haja resgate de valores da previdência privada. É necessário, nesses casos, avaliar se isso é, por exemplo, imprescindível para sua subsistência.

Uma vez que outras medidas podem ser tomadas para que ocorra a redução de gastos, sem que haja a necessidade de mexer no valor já contribuído.

“O contribuinte pode, ainda, reduzir o aporte mensal ou, em casos mais extremos, interromper a contribuição e retomar quando for viável. Isso é melhor do que fazer uma retirada, pois a aplicação continua rendendo”, explica Ana Petraroli.

Saiba mais sobre os impactos do coronavírus na previdência privada.

O que achou disso?

Deixei sua classificação

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

Seja o primeiro a avaliar este post.

Mateus Carvalho
Jornalista de profissão e apaixonado por Marketing Digital. Já foi redator de jornal impresso, atualmente escrevo para o digital e tenho sede por empreender. Escrever é a minha maior paixão e quando não estou digitando estou pensando em digitar. Carioca, vascaíno e apaixonado por memes.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -

IR 2020: caiu na malha fina? Saiba como regularizar a situação

Se você não teve a declaração do Imposto de Renda 2020 liberada até o último lote da restituição, é bem provável que...

Quanto custa fazer um intercâmbio nos EUA?

Intercâmbio nos EUA continua uma das prioridades para boa parte dos brasileiros que viajam ao exterior para estudar. O país só perde...

5 sinais que você mantém padrão de vida acima da sua renda

Gastar mais do que se ganha e viver um padrão de vida que não condiz com a sua realidade são efeitos da...

10 podcasts sobre investimentos para você ouvir

Não sabe onde aplicar seu dinheiro? Os podcasts sobre investimentos podem ser uma maneira eficiente de absorver conselhos e aprendizados de pessoas...

5 erros mais comuns ao usar cartão de crédito

Você já se complicou alguma vez utilizando o cartão de crédito? Ficou com preocupação com a fatura do próximo mês? Se a...

6 opções para trabalhar como freelancer aos finais de semana

Está em busca de aumentar a sua renda ou a da sua família nas horas vagas? Uma alternativa é ser freelancer aos...