Início Notícias Empreendedorismo Declaração anual do MEI 2020: confira o passo a passo

Declaração anual do MEI 2020: confira o passo a passo

0
(0)

A declaração anual do MEI, mais precisamente Declaração Anual do Simples Nacional para o Microempreendedor Individual (DASN – SIMEI) deve ser entregue até a próxima terça-feira, dia 30 de junho.

Os mais 10 milhões de microempreendedores individuais (MEI) devem apresentar a sua receita bruta anual do ano de 2019 e se houve a contratação de empregados.

O processo basicamente consiste em declarar o faturamento bruto – valor total das vendas de mercadoria e prestação de serviços sem deduzir nenhuma despesa – do ano anterior.

Quem não cumprir com a obrigação ficará sujeito a punição financeira. O prazo anterior para a declaração era até 31 de maio, mas foi prorrogado por conta da pandemia do novo coronavírus.

+ Crise do coronavírus: saiba como gerir as finanças do seu negócio

Como fazer a declaração e o que informar

A declaração anual do MEI é feita por meio do Portal do Empreendedor, assim como os demais procedimentos para microempreendedores individuais. Se realizada fora do prazo correto, será gerada uma multa.

Como já mencionado, o MEI deverá informar o total de sua receita bruta anual, auferida no ano anterior. Ou seja, tudo que foi apurado com a venda de mercadorias ou na prestação de serviços.

MEI
Confira o passo a passo para fazer a declaração anual do MEI

Isso vale tanto para aqueles serviços ou produtos que tiveram a emissão de nota fiscal ou não. Como lembra o Sebrae, quando se trata de venda ou prestação de serviços para outra empresa o MEI é obrigado a emitir a nota.

Essas informações são prestadas para a Receita Federal. Para chegar ao valor certo a ser declarado basta somar todos os valores que estão no ‘Relatório Mensal de Receitas Brutas’, referente a cada mês.

“Isso facilitará muito na hora de fazer a Declaração Anual do Microempreendedor Individual. Lembre-se de informar se possui ou não empregado.”

+ Autônomo: 6 soluções para ganhar renda durante a pandemia

Veja o passo a passo para a declaração anual do MEI

Para ajudar os microempreendedores, FinanceOne elaborou um passo a passo completo de como fazer a declaração. Confira!

1º Passo

No Portal do Microempreendedor Individual selecione a opção “Faça a sua Declaração Anual de Faturamento”. E preencha o formulário que vai aparecer com CNPJ para fazer o login.

2º Passo

Na página seguinte, o MEI visualizará um novo campo com dois tipos de declarações: Original e Retificadora. Ele deve escolher a Original e, no espaço ao lado, selecionar a opção do ano anterior.

A declaração retificadora é uma opção apenas para substituir a original, caso esta tenha sido gerada com algum erro.

3º Passo

A próxima página haverá um novo formulário para preenchimento de dados referentes ao ano-calendário em questão. O MEI deve informar:

  • receita bruta total com atividades de comércio, indústria, transportes intermunicipais e interestaduais e fornecimento de refeições;
  • receita bruta total dos serviços prestados de qualquer natureza, exceto transportes intermunicipais e interestaduais; e
  • a receita bruta total.

É nesta página também que o MEI deve indicar se possui ou não algum empregado, bastando selecionar a opção correta no campo logo abaixo das declarações de faturamento.

Ao concluir a declaração anual, o sistema dará ao MEI a opção de imprimir o documento. É importante fazer isso e guardar o comprovante da declaração para apresentar quando necessário.

Algumas informações importantes sobre a DASN-SIMEI

Alguns órgãos licenciadores como Prefeitura, Polícia Civil, Secretaria de Fazenda e outros pedem o comprovante de entrega da Declaração Anual na renovação de licenças e alvarás. Por isso, é importante tê-los guardados, como lembra o Sebrae.

“E para o MEI que desejar abrir conta em banco através de seu CNPJ é bom saber que as instituições financeiras sempre solicitam comprovação de renda. A Declaração Anual do MEI serve como comprovante de imposto de renda da empresa.”

Mas atenção: não confunda a DASN-SIMEI com a Declaração Anual do Imposto de Renda da Pessoa Física. MEI precisa declarar Imposto de Renda como pessoa física? Descubra!

O que achou disso?

Deixei sua classificação

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Seja o primeiro a avaliar este post.

Redação
O FinanceOne é um site especializado em finanças. Desde 2003, publicamos conteúdos que buscam traduzir desde a influência do mercado financeiro no seu dia a dia até a simples economia dentro de casa. Nossa missão é mostrar que qualquer pessoa pode ter controle financeiro e fazer as escolhas certas. Assim como ter no dinheiro um aliado para viver bem e conquistar seus sonhos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Auxílio emergencial: confira calendário para os reavaliados

O Ministério da Cidadania publicou nesta sexta-feira, 27, um novo calendário de pagamento para as parcelas do auxílio emergencial. Este calendário é...

4 carreiras promissoras no setor de beleza para 2021

O segmento da beleza não para de crescer no Brasil. Nosso país, por exemplo, é considerado o terceiro maior mercado consumidor do...

Nubank x Inter: compare os cartões sem anuidade

Os cartões sem anuidade estão ganhando cada vez mais espaço no mercado e no coração dos brasileiros. Com tantas opções pode ser...

Black Friday 2020: confira os melhores sites e ofertas

Você já se preparou para as ofertas da Black Friday 2020? Está com a lista de compras feita e separada para aproveitar...

5 dicas para saber se uma loja virtual é confiável

A pandemia da Covid-19 impulsionou o e-commerce e a Black Friday deve alavancar ainda mais as vendas online. Cerca de 80% dos...

Salário mínimo na Suíça chega a R$25 mil

Você já se perguntou quanto é o salário mínimo na Suíça, mesmo que seja só por curiosidade? Se a resposta é sim,...