Cursos que transformam sua vida financeira
Mais
    InícioNotíciasEconomiaSaiba o que é IPCA e qual o impacto no dia a...

    Saiba o que é IPCA e qual o impacto no dia a dia e nos investimentos

    0
    (0)

    O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou recentemente, que a previsão do IPCA para o mês é o valor mais alto, desde 1994, quando o Plano Real foi criado. O valor estimado para setembro é de 1,14%. O instituto também divulgou que essa é a maior previsão desde fevereiro de 2016. 

    Publicidade

    E apesar de ser um tema muito falado, é comum encontrar brasileiros que ainda não saibam como essa taxa impacta no dia a dia e nos investimentos. Por não saberem disso, eles também não entendem como realizar o cálculo do IPCA. Se você é um desses, pode consultar a nossa calculadora para te ajudar! 

    Mas afinal, como a alta do IPCA pode afetar o seu dia a dia? Para descobrir isso, você precisa entender o que significa essa sigla tão importante.

    Para quem não sabe, o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) funciona como o medidor oficial da inflação. Sendo assim, se a inflação aumentar você terá menos dinheiro no seu bolso.

    Entenda o que é o IPCA de uma vez por todas

    O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo é utilizado para medir, todos os meses, o aumento do preço de bens e serviços que são comercializados no país. Esse índice também é conhecido como inflação.

    E a inflação pode diminuir ou aumentar por diversos fatores, como é o caso do excesso de circulação da moeda em relação à produção. O melhor exemplo é do que está acontecendo neste momento: existe muito dinheiro sendo trocado porém com pouca atividade econômica.

    Publicidade

    Isso faz com que os bens e produtos fiquem valorizados mais do que o normal, que é o que estamos vendo com vários itens essenciais. 

    gráfico com uma nota de cinquenta reais
    O IPCA influencia muito a vida dos brasileiros

    Outro fator que pode afetar o equilíbrio da inflação é a elevação da demanda e a escassez do produto. Se tem muita procura por arroz e feijão, mas a produção foi afetada por algum motivo, os alimentos serão vendidos por um preço maior.

    A variação do dólar, principalmente quando a moeda está em alta, também precisa ser observada. E qual seria o motivo? Se a produção dos alimentos está a todo vapor e os compradores externos necessitarem de mais produtos, os fazendeiros vão vender mais para o exterior.

    Fazendo com que o preço do mercado interno seja ajustado e deixando os consumidores brasileiros tendo que pagar mais pelos alimentos. 

    Bom, já deu para entender que o IPCA pode impactar e muito no seu dia a dia e nos investimentos, certo? Por isso, é importante estar sempre de olho nesse Índice.

    Publicidade

    Como este índice impacta os investimentos?

    Você viu sobre o IPCA e agora entende um pouco melhor sobre como é o seu funcionamento. Mas, quais serão os principais impactos nos investimentos e no dia a dia do investidor?

    Bom, primeiro você já precisa saber que são vários. Isso mesmo, o IPCA impacta de diversas formas e pode estar presente em diversos momentos. Veja alguns deles a seguir:

    Indicadores de rendimento

    O índice atua como sendo um termômetro. Este termômetro mede o quanto uma aplicação precisa para proteger efetivamente o patrimônio de quem investe. Por exemplo, dependendo do percentual da inflação, o recomendado é encontrar ativos que remunerem, no mínimo, sob pena de perder dinheiro ao longo do tempo.

    + Entenda o que é inflação e quais seus impactos na economia

    E, tendo dito isso, você precisa saber que o IPCA acaba sendo tão decisivo que algumas aplicações o utilizam como indicador de rendimento. Quem atua assim, também, é o Tesouro Direto.

    Publicidade

    Taxa Selic

    Outro impacto diz respeito à Taxa Selic. Mas, como seria essa relação entre ambos? É simples, se o IPCA está alto, elevar a Selic é uma das formas de contê-lo. É uma solução mais radical, porém um jeito de controlar a inflação.

    + Tesouro Selic ou IPCA: qual a melhor opção para investir

    E por que isso acontece? Porque com juros maiores, acontece uma retração no crédito. Logo, mais pessoas investem. Eles tiram dinheiro de circulação e, dessa forma, aumentam os preços.

    Este conteúdo lhe foi útil? Então complemente a sua leitura e confira a diferença entre IPCA e IGPM para aumentar o seu conhecimento e saber investir melhor.

    O que achou disso?

    Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

    Seja o primeiro a avaliar este post.

    Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

    Diga-nos, como podemos melhorar?

    Juliana Favorito
    Juliana Favorito
    Jornalista apaixonada em escutar e escrever histórias, mas que também tem uma queda pelo Marketing Digital. Com experiência em redação, social mídia e marketing ela gosta de sempre estar atualizada sobre a área da comunicação. E como uma boa carioca, não dispensa uma praia.

    Artigos Relacionados

    Assine nossa newsletter!

    Páginas Populares

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    InícioNotíciasEconomiaSaiba o que é IPCA e qual o impacto no dia a...

    Saiba o que é IPCA e qual o impacto no dia a dia e nos investimentos

    0
    (0)

    O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou recentemente, que a previsão do IPCA para o mês é o valor mais alto, desde 1994, quando o Plano Real foi criado. O valor estimado para setembro é de 1,14%. O instituto também divulgou que essa é a maior previsão desde fevereiro de 2016. 

    Publicidade

    E apesar de ser um tema muito falado, é comum encontrar brasileiros que ainda não saibam como essa taxa impacta no dia a dia e nos investimentos. Por não saberem disso, eles também não entendem como realizar o cálculo do IPCA. Se você é um desses, pode consultar a nossa calculadora para te ajudar! 

    Mas afinal, como a alta do IPCA pode afetar o seu dia a dia? Para descobrir isso, você precisa entender o que significa essa sigla tão importante.

    Para quem não sabe, o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) funciona como o medidor oficial da inflação. Sendo assim, se a inflação aumentar você terá menos dinheiro no seu bolso.

    Entenda o que é o IPCA de uma vez por todas

    O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo é utilizado para medir, todos os meses, o aumento do preço de bens e serviços que são comercializados no país. Esse índice também é conhecido como inflação.

    E a inflação pode diminuir ou aumentar por diversos fatores, como é o caso do excesso de circulação da moeda em relação à produção. O melhor exemplo é do que está acontecendo neste momento: existe muito dinheiro sendo trocado porém com pouca atividade econômica.

    Publicidade

    Isso faz com que os bens e produtos fiquem valorizados mais do que o normal, que é o que estamos vendo com vários itens essenciais. 

    gráfico com uma nota de cinquenta reais
    O IPCA influencia muito a vida dos brasileiros

    Outro fator que pode afetar o equilíbrio da inflação é a elevação da demanda e a escassez do produto. Se tem muita procura por arroz e feijão, mas a produção foi afetada por algum motivo, os alimentos serão vendidos por um preço maior.

    A variação do dólar, principalmente quando a moeda está em alta, também precisa ser observada. E qual seria o motivo? Se a produção dos alimentos está a todo vapor e os compradores externos necessitarem de mais produtos, os fazendeiros vão vender mais para o exterior.

    Fazendo com que o preço do mercado interno seja ajustado e deixando os consumidores brasileiros tendo que pagar mais pelos alimentos. 

    Bom, já deu para entender que o IPCA pode impactar e muito no seu dia a dia e nos investimentos, certo? Por isso, é importante estar sempre de olho nesse Índice.

    Publicidade

    Como este índice impacta os investimentos?

    Você viu sobre o IPCA e agora entende um pouco melhor sobre como é o seu funcionamento. Mas, quais serão os principais impactos nos investimentos e no dia a dia do investidor?

    Bom, primeiro você já precisa saber que são vários. Isso mesmo, o IPCA impacta de diversas formas e pode estar presente em diversos momentos. Veja alguns deles a seguir:

    Indicadores de rendimento

    O índice atua como sendo um termômetro. Este termômetro mede o quanto uma aplicação precisa para proteger efetivamente o patrimônio de quem investe. Por exemplo, dependendo do percentual da inflação, o recomendado é encontrar ativos que remunerem, no mínimo, sob pena de perder dinheiro ao longo do tempo.

    + Entenda o que é inflação e quais seus impactos na economia

    E, tendo dito isso, você precisa saber que o IPCA acaba sendo tão decisivo que algumas aplicações o utilizam como indicador de rendimento. Quem atua assim, também, é o Tesouro Direto.

    Publicidade

    Taxa Selic

    Outro impacto diz respeito à Taxa Selic. Mas, como seria essa relação entre ambos? É simples, se o IPCA está alto, elevar a Selic é uma das formas de contê-lo. É uma solução mais radical, porém um jeito de controlar a inflação.

    + Tesouro Selic ou IPCA: qual a melhor opção para investir

    E por que isso acontece? Porque com juros maiores, acontece uma retração no crédito. Logo, mais pessoas investem. Eles tiram dinheiro de circulação e, dessa forma, aumentam os preços.

    Este conteúdo lhe foi útil? Então complemente a sua leitura e confira a diferença entre IPCA e IGPM para aumentar o seu conhecimento e saber investir melhor.

    O que achou disso?

    Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

    Seja o primeiro a avaliar este post.

    Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

    Diga-nos, como podemos melhorar?