Cursos que transformam sua vida financeira
Mais
    InícioNotíciasFinanças PessoaisConfira 11 maneiras de transferir dinheiro para o exterior

    Confira 11 maneiras de transferir dinheiro para o exterior

    5
    (3)

    O Banco Central (BC) facilitou a vida de quem deseja transferir dinheiro para o exterior. Pelas novas regras, o destinatário final receberá os recursos em sua conta corrente ou de poupança, no Brasil, em reais.

    Publicidade

    A boa notícia é que não há necessidade de fazer operações de câmbio ou de arcar com custos adicionais. Isso vale para operações de transferências pessoais de até R$10 mil.

    Vale ressaltar que transferir dinheiro para o exterior é legal. No entanto, requer alguma atenção durante o processo.

    Isso porque a remessa feita de maneira incorreta pode até ser considerada crime financeiro.

    Transferir dinheiro para o exterior vai ficar mais barato

    Outra mudança importante para quem precisa transferir dinheiro para o exterior é que esse tipo de transação sofrerá redução do IOF, até a alíquota ser zerada.

    A novidade foi decretada no último dia 28 e faz parte de um pacote de medidas que visam a adesão do Brasil à OCDE.

    Publicidade

    O Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) sofrerá uma redução gradual a partir de 2023 nas transferências :

    • de recursos em moeda nacional, mantidos por estrangeiros em contas de depósito no Brasil
    • repasses de recursos decorrentes de obrigações de participantes de arranjos de pagamento internacional relacionadas à aquisição de bens e serviços do exterior 
    • e saques no exterior por usuários finais dos referidos arranjos

    Saiba mais: Transferências para o exterior terão redução do IFO. Entenda!

    Como transferir dinheiro para o exterior?

    A seguir, veja quais são as maneiras de conseguir transferir dinheiro para o exterior. Boa leitura!

    1 – TransferWise

    A fintech permite transferir dinheiro para o exterior. O processo da saída do dinheiro do Brasil pela TransferWise até o recebimento no exterior dura, no máximo, quatro dias. No entanto, costuma ser ainda mais rápido que isso.

    A vantagem em comparação com os outros serviços surge por ele não cobrar taxas escondidas na conversão das moedas.

    Publicidade

    Ele calcula os valores de cada transferência usando a chamada taxa real de câmbio ou taxa média do mercado.

    Todo o processo de transferência é feito online. Basta criar uma conta gratuita, indicar o valor que quer transferir e os dados do beneficiário, e fazer o pagamento via boleto ou transferência TED.

    O interessante é que o valor que você vê na simulação que faz no site é o mesmo que pagará no final da transação. Portanto, não existem custos embutidos no câmbio, cobranças feitas no recebimento, nem taxas surpresas.

    2 – Vale Postal Eletrônico Internacional

    Muita gente não sabe, mas os Correios possuem uma maneira de transferir dinheiro para o exterior. O serviço está disponível em mais de 20 países na Europa, África e Ásia.

    Para isso, é preciso ir até uma agência dos Correios, levar seus documentos e dados do destinatário, inclusive o endereço completo.

    Publicidade

    A conversão dos valores é feita na hora do atendimento e paga em reais. O beneficiário é notificado quando a remessa chega ao país de origem.

    A notificação geralmente é feita por meio de uma carta que indica a agência que o pagamento deverá ser feito.

    + Como evitar prejuízo ao enviar dinheiro para o exterior

    3 – Dinheiro vivo

    É possível sair do Brasil carregando até R$10 mil ou valor equivalente em moeda estrangeira e cheque.

    Caso leve mais que isso, é necessário fazer uma Declaração de Porte de Valores. Essa declaração deve ser apresentada na fiscalização aduaneira ao sair do país.

    No entanto, é necessário também mostrar o comprovante de que a moeda estrangeira foi adquirida em um banco ou instituição autorizada.

    Pessoa usando a calculadora e contando os dólares amontoados
    Muitas pessoas ainda possuem dificuldades de transferir dinheiro para o exterior

    4 – Cartão pré-pago

    Há diversas opções de cartões pré-pagos com bandeira internacional.  Seu saldo pode ser uma das maneiras de transferir dinheiro para o exterior.

    Dependendo do tipo, ele pode ser usado para saque em caixas eletrônicos. No entanto, neste tipo de transação é necessário lembrar que pode haver cobrança de taxa em cada depósito e no saque.

    Veja mais formas para transferir dinheiro para o exterior

    Veja a seguir outras opções que podem te ajudar a transferir dinheiro para o exterior!

    5 – Paypal

    O PayPal é um método de transferência de dinheiro entre pessoas físicas (cidadãos comuns) ou jurídicas (empresas) pela internet.

    Portanto, o pagamento pode ser realizado no mesmo país ou em países diferentes.

    O processo é mais simples do que em outras instituições financeiras, precisando apenas de um e-mail do destinatário para envio do dinheiro.

    Consequentemente, não é necessário boleto ou código para saque. O dinheiro transferido aparece na conta no mesmo dia e quem recebe pode escolher o banco para transferir o dinheiro.

    Após selecionar o banco, o dinheiro cai na conta de 1 a 2 dias.

    6 – Transferência bancária internacional

    Todos os bancos que possuem agências físicas permitem que você compareça pessoalmente para realizar sua transferência internacional.

    No entanto, alguns exigem que você compareça pelo menos na primeira vez que for realizar esse tipo de transferência para assinar um contrato de câmbio.

    Para realizar esse tipo de transferência com o banco, serão solicitadas informações específicas, normalmente sobre o beneficiário e sua conta no exterior.

    As informações mais comum são:

    • Nome completo do beneficiário;
    • Nome do banco do beneficiário;
    • Número da conta do beneficiário ou IBAN;
    • Código SWIFT;
    • Motivo da transferência.

    Dependendo do valor que você for enviar, o banco poderá solicitar a declaração do Imposto de Renda ou comprovação do recurso.

    7 – Western Union

    Outra opção para você transferir dinheiro para o exterior é a Western Union. Essa é uma empresa tradicional de câmbio e quem realiza a transação recebe um código que precisa ser enviado para o beneficiário do valor. Somente com esse código é possível que a pessoa receba o dinheiro e conclua toda a operação.

    Mas é claro que são cobradas algumas taxas e impostos. O câmbio se baseia na cotação comercial mais a taxa de lucro. Sendo assim, a taxa cobrada é de R$75 e é válido ressaltar que todos os custos da operação são pagos pelo depositante,

    A principal vantagem desta empresa é que ela permite que você envie até mil euros sem o documento de identidade. O valor é enviado em minutos. 

    Com o documento, o limite de valor de envio aumenta para cinco mil euros a cada três dias. Vale ressaltar que não é necessário conta em banco para receber a quantia: basta ter o código da operação em mãos.

    E como é realizado o envio? O depositante deve preencher um cadastro que inclua o local, o valor e o nome de quem vai receber o dinheiro. Depois, recebe um Número de Controle de Transferência de Dinheiro (MTCN). Esse código permite monitorar a operação online até que o beneficiário receba o dinheiro.

    8 – Worldremit

    A Worldremit conclui as operações em até 24 horas, dependendo do valor a ser enviado. As taxas e impostos cobrados variam de acordo com o valor, país e a forma de retirada de dinheiro. 

    Um dos benefícios é a possibilidade de receber o dinheiro na forma de recibo, depósito, dinheiro móvel ou recarga. Permite realizar pagamentos com cartão de crédito e débito. E para enviar o valor basta criar uma conta gratuita no site ou app para começar a realizar operações.

    9- Por ordem de pagamento

    Transferir dinheiro para o exterior por ordem de pagamento é quando o beneficiário decide retirá-lo em alguma agência.

    Neste caso, não há valor máximo nem mínimo. Além disso, é possível ter o dinheiro no mesmo dia, porém os custos costumam ser maiores. São cobradas taxas de R$10 a R$150 por transferência. Mais detalhes dos valores podem ser conferidos no site do Banco Central.

    10 – C6 Bank

    O C6 Bank é uma empresa brasileira e que não tem agências físicas. Ou seja, ele funciona por meio de aplicativo, que está disponível para iOS e Android.

    As operações estão acessíveis a qualquer momento do dia pelo aplicativo, e é possível sacar o dinheiro em espécie nos Banco24Horas e caixas da rede Cirrus.

    É cobrada uma quantia de US$5 (R$28,33 na cotação atual) para saques em dólar e €5 (R$32,10 na cotação atual) para operações em euro.

    Para abrir uma conta e solicitar o cartão de débito internacional no C6 Bank é necessário ser cliente e pagar uma taxa de US$30 (R$169,98 na cotação atual). O valor pago, porém, é convertido em reais e descontado da conta corrente nacional do C6 Bank.

    11 – Banco Itaú

    O Banco Itaú também oferece esse serviço para quem é correntista da instituição financeira. Para fazer a operação, porém, é necessário enviar uma série de documentos e o dinheiro cai na conta do beneficiário em até dois dias úteis. As taxas cobradas pelo banco são:

    • tarifa por operações online;
    • cotação de câmbio do momento e percentual de lucro;
    • taxas swift;
    • IOF.

    Gostou do conteúdo? Compartilhe com um amigo que esteja precisando enviar dinheiro para o exterior mas não sabe como!

    O que achou disso?

    Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 3

    Seja o primeiro a avaliar este post.

    Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

    Diga-nos, como podemos melhorar?

    Redação
    Redação
    O FinanceOne é um site especializado em finanças. Desde 2003, publicamos conteúdos que buscam traduzir desde a influência do mercado financeiro no seu dia a dia até a simples economia dentro de casa. Nossa missão é mostrar que qualquer pessoa pode ter controle financeiro e fazer as escolhas certas. Assim como ter no dinheiro um aliado para viver bem e conquistar seus sonhos.

    Artigos Relacionados

    Assine nossa newsletter!

    Páginas Populares

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    InícioNotíciasFinanças PessoaisConfira 11 maneiras de transferir dinheiro para o exterior

    Confira 11 maneiras de transferir dinheiro para o exterior

    5
    (3)

    O Banco Central (BC) facilitou a vida de quem deseja transferir dinheiro para o exterior. Pelas novas regras, o destinatário final receberá os recursos em sua conta corrente ou de poupança, no Brasil, em reais.

    Publicidade

    A boa notícia é que não há necessidade de fazer operações de câmbio ou de arcar com custos adicionais. Isso vale para operações de transferências pessoais de até R$10 mil.

    Vale ressaltar que transferir dinheiro para o exterior é legal. No entanto, requer alguma atenção durante o processo.

    Isso porque a remessa feita de maneira incorreta pode até ser considerada crime financeiro.

    Transferir dinheiro para o exterior vai ficar mais barato

    Outra mudança importante para quem precisa transferir dinheiro para o exterior é que esse tipo de transação sofrerá redução do IOF, até a alíquota ser zerada.

    A novidade foi decretada no último dia 28 e faz parte de um pacote de medidas que visam a adesão do Brasil à OCDE.

    Publicidade

    O Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) sofrerá uma redução gradual a partir de 2023 nas transferências :

    • de recursos em moeda nacional, mantidos por estrangeiros em contas de depósito no Brasil
    • repasses de recursos decorrentes de obrigações de participantes de arranjos de pagamento internacional relacionadas à aquisição de bens e serviços do exterior 
    • e saques no exterior por usuários finais dos referidos arranjos

    Saiba mais: Transferências para o exterior terão redução do IFO. Entenda!

    Como transferir dinheiro para o exterior?

    A seguir, veja quais são as maneiras de conseguir transferir dinheiro para o exterior. Boa leitura!

    1 – TransferWise

    A fintech permite transferir dinheiro para o exterior. O processo da saída do dinheiro do Brasil pela TransferWise até o recebimento no exterior dura, no máximo, quatro dias. No entanto, costuma ser ainda mais rápido que isso.

    A vantagem em comparação com os outros serviços surge por ele não cobrar taxas escondidas na conversão das moedas.

    Publicidade

    Ele calcula os valores de cada transferência usando a chamada taxa real de câmbio ou taxa média do mercado.

    Todo o processo de transferência é feito online. Basta criar uma conta gratuita, indicar o valor que quer transferir e os dados do beneficiário, e fazer o pagamento via boleto ou transferência TED.

    O interessante é que o valor que você vê na simulação que faz no site é o mesmo que pagará no final da transação. Portanto, não existem custos embutidos no câmbio, cobranças feitas no recebimento, nem taxas surpresas.

    2 – Vale Postal Eletrônico Internacional

    Muita gente não sabe, mas os Correios possuem uma maneira de transferir dinheiro para o exterior. O serviço está disponível em mais de 20 países na Europa, África e Ásia.

    Para isso, é preciso ir até uma agência dos Correios, levar seus documentos e dados do destinatário, inclusive o endereço completo.

    Publicidade

    A conversão dos valores é feita na hora do atendimento e paga em reais. O beneficiário é notificado quando a remessa chega ao país de origem.

    A notificação geralmente é feita por meio de uma carta que indica a agência que o pagamento deverá ser feito.

    + Como evitar prejuízo ao enviar dinheiro para o exterior

    3 – Dinheiro vivo

    É possível sair do Brasil carregando até R$10 mil ou valor equivalente em moeda estrangeira e cheque.

    Caso leve mais que isso, é necessário fazer uma Declaração de Porte de Valores. Essa declaração deve ser apresentada na fiscalização aduaneira ao sair do país.

    No entanto, é necessário também mostrar o comprovante de que a moeda estrangeira foi adquirida em um banco ou instituição autorizada.

    Pessoa usando a calculadora e contando os dólares amontoados
    Muitas pessoas ainda possuem dificuldades de transferir dinheiro para o exterior

    4 – Cartão pré-pago

    Há diversas opções de cartões pré-pagos com bandeira internacional.  Seu saldo pode ser uma das maneiras de transferir dinheiro para o exterior.

    Dependendo do tipo, ele pode ser usado para saque em caixas eletrônicos. No entanto, neste tipo de transação é necessário lembrar que pode haver cobrança de taxa em cada depósito e no saque.

    Veja mais formas para transferir dinheiro para o exterior

    Veja a seguir outras opções que podem te ajudar a transferir dinheiro para o exterior!

    5 – Paypal

    O PayPal é um método de transferência de dinheiro entre pessoas físicas (cidadãos comuns) ou jurídicas (empresas) pela internet.

    Portanto, o pagamento pode ser realizado no mesmo país ou em países diferentes.

    O processo é mais simples do que em outras instituições financeiras, precisando apenas de um e-mail do destinatário para envio do dinheiro.

    Consequentemente, não é necessário boleto ou código para saque. O dinheiro transferido aparece na conta no mesmo dia e quem recebe pode escolher o banco para transferir o dinheiro.

    Após selecionar o banco, o dinheiro cai na conta de 1 a 2 dias.

    6 – Transferência bancária internacional

    Todos os bancos que possuem agências físicas permitem que você compareça pessoalmente para realizar sua transferência internacional.

    No entanto, alguns exigem que você compareça pelo menos na primeira vez que for realizar esse tipo de transferência para assinar um contrato de câmbio.

    Para realizar esse tipo de transferência com o banco, serão solicitadas informações específicas, normalmente sobre o beneficiário e sua conta no exterior.

    As informações mais comum são:

    • Nome completo do beneficiário;
    • Nome do banco do beneficiário;
    • Número da conta do beneficiário ou IBAN;
    • Código SWIFT;
    • Motivo da transferência.

    Dependendo do valor que você for enviar, o banco poderá solicitar a declaração do Imposto de Renda ou comprovação do recurso.

    7 – Western Union

    Outra opção para você transferir dinheiro para o exterior é a Western Union. Essa é uma empresa tradicional de câmbio e quem realiza a transação recebe um código que precisa ser enviado para o beneficiário do valor. Somente com esse código é possível que a pessoa receba o dinheiro e conclua toda a operação.

    Mas é claro que são cobradas algumas taxas e impostos. O câmbio se baseia na cotação comercial mais a taxa de lucro. Sendo assim, a taxa cobrada é de R$75 e é válido ressaltar que todos os custos da operação são pagos pelo depositante,

    A principal vantagem desta empresa é que ela permite que você envie até mil euros sem o documento de identidade. O valor é enviado em minutos. 

    Com o documento, o limite de valor de envio aumenta para cinco mil euros a cada três dias. Vale ressaltar que não é necessário conta em banco para receber a quantia: basta ter o código da operação em mãos.

    E como é realizado o envio? O depositante deve preencher um cadastro que inclua o local, o valor e o nome de quem vai receber o dinheiro. Depois, recebe um Número de Controle de Transferência de Dinheiro (MTCN). Esse código permite monitorar a operação online até que o beneficiário receba o dinheiro.

    8 – Worldremit

    A Worldremit conclui as operações em até 24 horas, dependendo do valor a ser enviado. As taxas e impostos cobrados variam de acordo com o valor, país e a forma de retirada de dinheiro. 

    Um dos benefícios é a possibilidade de receber o dinheiro na forma de recibo, depósito, dinheiro móvel ou recarga. Permite realizar pagamentos com cartão de crédito e débito. E para enviar o valor basta criar uma conta gratuita no site ou app para começar a realizar operações.

    9- Por ordem de pagamento

    Transferir dinheiro para o exterior por ordem de pagamento é quando o beneficiário decide retirá-lo em alguma agência.

    Neste caso, não há valor máximo nem mínimo. Além disso, é possível ter o dinheiro no mesmo dia, porém os custos costumam ser maiores. São cobradas taxas de R$10 a R$150 por transferência. Mais detalhes dos valores podem ser conferidos no site do Banco Central.

    10 – C6 Bank

    O C6 Bank é uma empresa brasileira e que não tem agências físicas. Ou seja, ele funciona por meio de aplicativo, que está disponível para iOS e Android.

    As operações estão acessíveis a qualquer momento do dia pelo aplicativo, e é possível sacar o dinheiro em espécie nos Banco24Horas e caixas da rede Cirrus.

    É cobrada uma quantia de US$5 (R$28,33 na cotação atual) para saques em dólar e €5 (R$32,10 na cotação atual) para operações em euro.

    Para abrir uma conta e solicitar o cartão de débito internacional no C6 Bank é necessário ser cliente e pagar uma taxa de US$30 (R$169,98 na cotação atual). O valor pago, porém, é convertido em reais e descontado da conta corrente nacional do C6 Bank.

    11 – Banco Itaú

    O Banco Itaú também oferece esse serviço para quem é correntista da instituição financeira. Para fazer a operação, porém, é necessário enviar uma série de documentos e o dinheiro cai na conta do beneficiário em até dois dias úteis. As taxas cobradas pelo banco são:

    • tarifa por operações online;
    • cotação de câmbio do momento e percentual de lucro;
    • taxas swift;
    • IOF.

    Gostou do conteúdo? Compartilhe com um amigo que esteja precisando enviar dinheiro para o exterior mas não sabe como!

    O que achou disso?

    Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 3

    Seja o primeiro a avaliar este post.

    Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

    Diga-nos, como podemos melhorar?