Viver de renda: saiba por onde começar

Escrito por: Camila Miranda em 23 de junho de 2020

Viver de renda é o desejo de muitas pessoas. A ideia de parar de trabalhar e ter uma grana mensal para viver com tranquilidade acaba sendo o objetivo de muitos.

Embora seja uma meta totalmente possível, viver de renda é algo que exige disciplina, planejamento, dedicação e, sobretudo, paciência.

Se você quer acumular patrimônio e ter recursos financeiros ao longo do tempo será necessário traçar os objetivos. Além disso, tomar uma série de atitudes que vão te encaminhar para você conseguir viver de renda.

Por isso, se você tem interesse em saber quais são as ações para alcançar seus objetivos e viver de renda, continue a leitura deste texto!

foto com moedas em ordem crescente para ilustrar o texto sobre viver de renda
Fazer um planejamento financeiro é essencial para quem quer viver de renda

Antes de mais nada, fazer um planejamento é essencial

Antes de querer viver de renda, é importante ter em mente que o planejamento financeiro é extremamente essencial.

Com o planejamento, você consegue saber quais são os seus gastos mensais e estipular qual o valor da renda mensal que você precisará para viver bem.

Então, o primeiro passo é colocar no papel — serve também planilha, viu? — todas as suas despesas. É uma boa ocasião, inclusive, para você diferenciar quais itens podem ser cortados no mês (gastos supérfluos) e quais são necessários.

Livre-se das dívidas para viver de renda

Nós sabemos que o período não está fácil e que o endividamento cresceu no país. De acordo com uma pesquisa realizada pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), o percentual de endividados chegou a 67,1%.

No entanto, se você deseja viver de renda futuramente será necessário quitar todas as dívidas o quanto antes.

Ou seja, antes de começar a aplicar seu dinheiro é necessário pagar tudo que você está devendo. Assim, você evita perder dinheiro com multas e juros que, na maioria das vezes, são altos.

Além disso, isso também ajudará a colocar sua vida financeira em ordem para que no futuro você viva tranquilamente.

Após quitar todas as pendências, não se esqueça de manter uma vida financeira organizada. Isto é, evite gastos desnecessários e em excesso.

+ Pagamento de dívidas: como fugir da cilada dos bancos na crise
+ 7 maneiras de dar um jeito nas suas dívidas

Invista o seu dinheiro com conhecimento

Agora que você já sabe sobre a importância do planejamento financeiro e de quitar as dívidas, chegou a hora de falar sobre investir o seu dinheiro com conhecimento.

Diferenciar os investimentos é fundamental para quem tem o objetivo de viver de renda. Isso porque com os investimentos diversificados você tem menos chances de perder o dinheiro investido.

Portanto, tenha conhecimento na hora de fazer aplicações financeiras. Além de saber sobre os tipos de investimentos — falaremos mais adiante sobre cada um deles — , estude por quanto tempo você quer viver de renda e o quanto o seu dinheiro pode render durante isso.

Mas qual o valor necessário para viver de renda?

Você planejou suas finanças e já sabe quanto precisa poupar? Agora, é preciso calcular quanto você quer ter de renda mensal.

Não tem fórmula mágica para isso. No entanto, o que você que você precisa fazer para calcular o valor necessário é:

–> considerar todos os custos que já tem;

–> levar em conta que podem ocorrer custos extras, como uma viagem ou alguma despesa médica. E, por isso, é importante fazer uma reserva de emergência.

Conheça os tipos de investimentos financeiros

Como já mencionamos, será necessário investir o seu dinheiro com sabedoria para viver de renda. Mas você conhece os tipos de investimentos? A seguir, falaremos sobre alguns. Confira!

Tesouro Direto

Desenvolvido pelo Tesouro Nacional, o Tesouro Direto tem como objetivo a venda de títulos públicos para pessoas físicas.

LCI

As Letras de Crédito Imobiliário (LCI) são, basicamente, o dinheiro que você pode emprestar para determinada instituição financeira. Esse valor é destinado para alguma modalidade de crédito imobiliário.

CDB

Já o Certificado de Depósito Bancário, também conhecido como CDB, é o título emitido por bancos para captar dinheiro. As pessoas são remuneradas com juros que podem variar conforme o valor adquirido.

Bolsa de valores

A Bolsa de Valores é um tipo de investimento muito conhecido. Nesse modelo, são negociadas ações de empresas que possuem capital aberto, sejam elas públicas, sejam elas privadas.

Esses são alguns principais tipos de investimento financeiro. Mas existem outros, tais como: poupança, LCA, previdência privada etc.

+ Tipos de investimentos financeiros que você deve conhecer

Viu, só? Não é tão difícil assim fazer um planejamento e começar a ter atitudes para viver de renda no futuro, não é? Seguindo essas dicas, temos certeza que você conseguirá alcançar o seu objetivo.

Achou o nosso conteúdo bom? Então aproveite a visita em nosso site e leia o texto “5 investimentos para começar com cem reais” que separamos para você.

Camila Miranda

Jornalista com experiências em jornal impresso, webjornalismo e assessoria de imprensa. Atualmente, trabalha com produção de conteúdo e gerenciamento de mídias sociais.

Deixe uma resposta

Posts relacionados

investimentos para o segundo semestre
investir no exterior
Avaliar a liquidez do investimento é importante para saber o prazo que poderá resgatar os lucros
investimentos para o segundo semestre
investir no exterior